TV #BNC: TAG O que eu aprendi (Blog Flávia Calina)

Com certeza vocês já conhecem a Flávinha, né? Ela tem um canal no Youtube (o Fla1982) e há pouco tempo, criou um blog (flaviacalina.com)! E em comemoração a essa nova etapa, ela convidou algumas meninas para participar da TAG: O que eu aprendi… que ela mesmo criou.

evento_eaibeleza-14

 Flavinha e eu (super bochechuda) há 7 meses atrás <3 

A Flávia é uma pessoa incrível, tive a oportunidade de conhecê-la pessoalmente e ver que ela é muito verdadeira e sincera, tudo que ela mostra no vídeo é real e ela é daquele jeitinho mesmo, fofa e muito simpática. Então quando recebi o convite, fiquei pensando em milhares de coisas para compartilhar com vocês. Pensei em vários temas diferentes, mas quando sentei realmente para gravar, nada fazia mais sentido do que o tema que eu escolhi! Espero que esse vídeo seja mais do que apenas um vídeo e que ele possa ajudar, nem que seja uma pessoa, a olhar a vida de uma maneira diferente. Espero que gostem:

(Visited 285 times, 1 visits today)

RELATED POSTS

575 Comments

  1. Responder

    Graci

    11 de março de 2014

    G! Chorei demais!! Muito lindo o vídeo! Sigo seu canal a algum tempo e não tinha visto esse vídeo ainda. Me identifiquei, mas meio que ao contrario… Meus pais foram casados durante 33 anos, meu pai faleceu recentemente. O casamento deles foi bem conturbado, cheio de brigas… E quando você diz que não quer casar me identifico totalmente!! Pq não quero ter o casamento dos meus pais, falo pra td mundo que não quero casar, mas a minha vdd é que penso se eu casar vou ter exatamente o casamento dos meus pais, pq de alguma forma acredito que não sei fazer diferente… Admiro a sua força e fé em ser diferente, espero que algum dia acredito nisso tb! Te admiro muito mais depois desse vídeo, vc é uma guerreira!

    • Responder

      G Florees

      12 de março de 2014

      <3

  2. Responder

    Rosemere

    7 de setembro de 2013

    Oi G estou vendo este vídeo seu agora, e apesar de não ter passado por isso consigo compreender o quanto deve ter sido ruim, mas é como você disse, Deus tem um propósito para nós e ele esta te abençoando sempre. Tenha muita certeza disso,e desejo de coração que nosso pai abençoe a cada dia a sua vida com o seu esposo que ele abençoe o teu casamento e com certeza vocês serão a cada dia mais felizes.
    Queria te pedir só uma coisa, faz um vídeo mostrando a maquiagem que você usou no seu casamento. Beijosss

    • Responder

      G Florees

      24 de setembro de 2013

      Oi Rose, não fui eu que fiz a make, foi uma maquiadora profissional :)

  3. Responder

    Raquel

    20 de agosto de 2013

    Muito eeuu!! mas muito eeu mesmo

    adorei o vídeo, e sempre senti exatamente o mesmo, e passei pelas mesmas circunstancias!
    Casei recentemente e também sempre tive muito medo do casamento e tal…e hoje vejo que é tão bom, que mal acredito que possa ter dado errado com meus pais.

    Lindo vídeo!

    • Responder

      G Florees

      21 de agosto de 2013

      Obrigada, Raquel :D

  4. Responder

    Rebeca Magalhães

    9 de agosto de 2013

    Nossa G, mesmo tendo assistido quase todos seus vídeos, só assisti esse a pouco tempo e posso dizer que além de ter me identificado, chorei junto com você, sei o quanto essa situação é difícil, mas também sei o quanto você merece toda a felicidade do mundo por ser essa pessoa maravilhosa, que eu tenho um imenso carinho mesmo sem conhecer pessoalmente. Continue assim e leve os comentários negativos como aprendizagem, afinal ninguém agrada a todos. Gostaria muito de te agradecer, não sou do tipo de pessoa que gosto da minha aparência e tanto você como outras blogueiras me fizeram acreditar mais em mim mesma, me ensinaram que o mundo da beleza não é fútil e que ele tem sim um propósito de nos fazer nos sentirmos melhores. Você é uma pessoa abençoada por Deus e mais uma vez obrigado por tanta dedicação que você tem com todas suas leitoras, inclusive comigo! Mil beijos!

    • Responder

      G Florees

      12 de agosto de 2013

      Obrigada pelo carinho, Rebeca! :D Beijão

  5. Responder

    Miuquia Pedroso

    25 de maio de 2013

    Super emocionante seu video G. Tbm passei por isso e me identifiquei bastante… Realmente Deus tem algo muito melhor pra gente… Bjs
    Fica com Deus!!

    • Responder

      G Florees

      26 de maio de 2013

      Você também, Miuquia! :D

  6. Responder

    Maria Carolina

    30 de abril de 2013

    Olá!!*_*
    Amei este vídeo esta lindooo

    • Responder

      G Florees

      30 de abril de 2013

      <33

  7. Responder

    Thaíssa

    19 de abril de 2013

    Me emocionei com suas palavras. E sinto que elas vieram no momento certo na minha vida! Me identifiquei demais!
    Parabéns pelo seu trabalho e desejo todo sucesso! Beijinhos

    • Responder

      G Florees

      20 de abril de 2013

      Obrigada, Thaíssa! :D

  8. Responder

    Ana Paula Barros

    18 de abril de 2013

    Olá G, quero agradecer de todo coração por esse vídeo, foi uma resposta de Deus para minhas orações (tenho o sonho de ter uma família, igual ao que você quer pra sua) me identifiquei com sua história (mais a minha é porque sai despedaçada do meu ultimo namoro e acabei me fechando), estou emocionada, obrigada por se deixar ser instrumento. Deus te abençoe e abençoe sua vida. Bjks

    • Responder

      G Florees

      20 de abril de 2013

      Amém!!! Beijos! <3

  9. Responder

    mari monteiro

    2 de abril de 2013

    que linda, me emocionei muito vendo seu vídeo! quanto tempo eu acompanho seu blog e nao me canso de surpreender com voce! Eu fiz questão de vir comentar aqui mesmo não tendo muito tempo ultimamente por causa da faculdade, mas queria te parabenizar, como ja fiz varias vezes, pelo seu trabalho maravilhoso, sei que nao é facil ser blogueira, estar sempre ali tendo que atualizar as coisas, mesmo não tendo mais ideias, tendo que gravar vídeos mesmo quando não está em momentos bons e se quer um momento só pra voce, mesmo tendo passado por tantos momentos ruins, voce se ergueu. E seguiu em frente, firme e forte. E isso voce pode se orgulhar bastante e continue sempre assim! Sei como é nao ter alguem presente na família, sei como dói, perdi minha mãe aos 13 anos, na verdade ela passou vários anos sofrendo e lutando pelo câncer, então são muitos mais anos que eu sofro com isso, os dias passam e parece que a dor só aumenta, mas tentamos nos conformar com a situação, como não há como trazer ninguem de volta… E voce ver alguem que tem um pai ou mae presente, e as vezes briga por coisas tão bobas, sendo que a presença deste pra nós já seria tão grande que relevariamos qualquer briga. Realmente, Deus tem um plano muito maior pra nós, temos sempre que olhar em frente e agradecer por cada dia que conseguimos a vitória de viver, pois infelizmente nem todos conseguem. Continue sendo sempre assim G, orgulhando nós, borboletinhas! beijos

    • Responder

      G Florees

      3 de abril de 2013

      Obrigada, Mari! :DD

  10. Responder

    Luciana

    30 de março de 2013

    A minha vida é a prova de que DEUS tem um plano maior pra nós. Sou casada a 2 anos e também tinha muito medo do casamento…

    Pura besteira, sou muito feliz e tudo que puder fazer para investir nesse relacionamento farei.

    Perdi meu pai a uns 5 anos, ele foi o melhor amigo que tive. Ele olhava pra mim e via minha alma, meus pensamentos. Me formar sem ele por perto, casar sem ele por perto foi uma tarefa nada fácil…. Mas graças a DEUS consegui! Sei que DEUS me deu uma força que nunca imaginava que teria.Sozinha não teria força. DEUS que me deu força e a sensação de que não estava sozinha, meu pai da terra não estava aqui mas DEUS olhava por mim- PAIZÃO do céu.

    E tb fico muito chateada de ver até hoje algumas pessoas tratando mal seus pais, pois sinto muita falta do meu. Sei que até o ultimo dia da minha vida sentirei falta dele, mas tb sei que ele está super vivo no meu coração.

    Adoro seu blog, tenho te acompanhado praticamente todos os dias! Parabéns pelo blog. Me identifico muito com vc. Super beijos! E continue debaixo da vontade de DEUS não há nada melhor que viver de acordo com os planos de DEUS.

    • Responder

      G Florees

      1 de abril de 2013

      Obrigada Luciana! Fico feliz que você tenha se identificado com o vídeo! :D

  11. Responder

    Joyce

    21 de março de 2013

    Nossa estou sem palavras…

    Minha mãe e meu pai namoravam, minha mãe ficou grávida de mim e isso não mudou o relacionamento deles, cada um moravam com seus pais, fui criada com meus avós maternos sempre chamei eles de pai e mãe. Sempre viajava com minha mãe e meu pai para praia, dormia na casa do pai e não entendia o porque ficar alguns dias com minha mãe e outros com meu pai, pq não morávamos em uma única casa os três. Quando eu completei 8 anos meu pai faleceu de câncer, três meses depois faleceu minha avó que chamava de mãe, foram perdas grandiosas na minha vida, lembro de fazer desenhos para minha mãe levar para meu pai quando estava internado fazendo tratamento para a doença. Os anos foram se passando hoje faz 7 anos q minha mãe se casou, me dou bem com meu padrasto e Deus nos presenteou com uma irmã linda de 5 anos que se chama Myrella, fez um ano que meu avô morreu que eu sempre chamei de pai faleceu, e não tem substituição meu avô foi e sempre será meu pai, fico pensando quando casar quem entrará comigo na igreja? não tem quem o substitua, e recentemente acabou meu namoro de 5 anos e meio no começo ficamos sem chão, mas creio que o q Deus tem para minha vida é o melhor mas tudo no tempo dele. O amor de Deus por nós é imenso.

    Parabenss foi o melhor das tags que vi, vc foi muito verdadeira.

    • Responder

      G Florees

      22 de março de 2013

      Obrigada, Joyce! :D

  12. Responder

    Ariadne

    12 de março de 2013

    Olá G,
    Amei seu vídeo, acredito que tocou muita gente assim como eu!
    Eu fui criada pelos meus avos, nunca me faltou amor carinho enfim sempre fizeram TUDO que podiam por mim, agradeço muito a Deus por isso! Amo infinitamente meus avos, chamo eles de pai e mãe,enfim. Minha mãe foi mãe solteira, na época namorava meu pai e engravidou só que eles não chegaram a se casar, enfim. Minha mãe me teve e morava com meus avos (pais dela) como eles tinham sofrido uma perda de um filho irmão de minha mãe, quando nasci meus avos pegaram um carinho muito grande por mim. Quando estava com um ano de idade minha mãe se casou, porém meus avos não queriam deixar ela ir embora comigo ( por serem bem simples, sempre tiveram aquele medo de que padastro maltrata) dai acabei ficando com meus avos! Tenho um relação boa com minha mãe sempre presente em minha vida (nunca tive problemas com meu padastro, quando pequena não sabia chama-lo de padastro e o chamo de tio até hj, kkk) meu pai posso contar nos dedos da mão quantas vezes o vi, sempre muito raro, ele me ajudou com meus estudos, não tenho magoa dele! Porém sempre tive essa vontade que você teve, de ter uma família unida, de poder ir nos aniversários de crianças aos sábados e domingos, de ir no cinema, no shopping enfim de ter pais como a maioria na época. Como meus avos são simples eles nunca saiam para esses lugares, engraçado que sair para passear era fazer compra do mês em outra cidade, eu amava aquilo mas tinha as minhas vontades, como via outras crianças eu tbm queria aquilo! Na adolescência tbm dizia que não queria casar, mas na verdade descobri que o que mais quero é isso, ter minha família, acredito que Deus tem planos para minha vida, eles tem se concretizado. Hoje sou noiva, fui pedida em casamento ontem,rsrsrs, estou muito feliz radiante, namoro faz 6 anos e 5 meses e nos conhecemos em um momento que não esperava nada! E Graças a Deus começamos a namorar estamos construindo juntos nossa historia, creio pela graça de Jesus Cristo eu e meu noivo vamos ter nossa família abençoada! Ele tbm tem pais separados, acredito que Deus tem cuidado do nosso relacionamento, sou muitoo agradecida, amo Deus pelo que ele é! MARAVILHOSO!
    Beijos e Felicidades para vc e seu marido!

    • Responder

      G Florees

      14 de março de 2013

      Que legal, Ariadne! Fico muito feliz por você! Beijos e muitas felicidades pra vocês também! :D

  13. Responder

    Ana Paula

    10 de março de 2013

    G, nossa, me identifiquei demais com esse vídeo.. Meus pais são separados desde os meus 5 anos, e senti desde sempre o que você sentiu. Tinha ”inveja” das minhas colegas de escola, por terem mãe e pai juntos em casa.. Realmente, é muito ruim. Mas hoje, com 19 anos, sinto meus pais bem mais felizes ”longe” um do outro, sei que foi o melhor pra eles. E eu acabei ganhando mais duas familias, a do meu e a da minha mãe, afinal, tenho meu padrasto que é um pai pra mim. Mas não quero nunca que isso aconteça comigo, me apavora pensar em casar com meu namorado e nos separarmos. E você disse uma coisa muito verdadeira, Deus tem um plano pra cada uma das pessoas, não é porque aconteceu com nossos pais que obrigatoriamente vai acontecer com nós.. Tenho certeza que esse vídeo tocou no coração de cada pessoa que passou por isso.

    • Responder

      G Florees

      11 de março de 2013

      :DD Que bom que você gostou do vídeo!

  14. Responder

    Kelly Ane

    7 de março de 2013

    Oi Jéssica, achei esse seu vídeo num momento chato da minha vida, parece mesmo providência de Deus e vim especialmente comentar porque super me emocionei e chorei com você. Meus pais eram casados mas SEMPRE foi um casamento problemático, lembro de poucos momentos da minha família todos juntos e felizes. E eu exatamente hoje, terminei um relacionamento de mais de 2 anos, a gente ia casar, enfim…. Apesar de tudo isso, lá no fundo do meu coração ainda sonho em ter a minha família, sabe?! Quero acreditar que como você disse, Deus tem um propósito muito maior para a minha vida! beijos

    • Responder

      G Florees

      11 de março de 2013

      Acredite porque é verdade, Kelly! Veja a minha história, tinha tudo para dar errado! :DD Beijos e fique com Deus!

  15. Responder

    Karen Pozzatti

    6 de março de 2013

    Me emocionei. Não tinha como não se emocionar com video lindo desse. Passei pelo mesmo problema na minha infância, e sofro com as marcas até hoje, com 20 anos. Não chego a achar que casamento não é pra mim, mas tenho minhas dúvidas se algum dia vou me casar e ser feliz com alguém… As vezes é bom saber que não somos os uncos no mundo a passar por isso, e ainda mais sendo vc G, uma pessoa publica, a gente meio que não imagina q tenha problemas, que tenha sofrido alguma coisa, sabe? (coisa de fã) rsrsrs
    Deus falou muito comigo através desse video, foi muito bom pra mim…
    Espero que Ele continue abençoando seu relacionamento, sua vida, e seus posts! rsrs

    Obrigada por se permitir ser usada pra alcançar tantas vidas, pra edificar tantos corações.

    Beijinhos G <3

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Oi Karen, muito obrigada pelo comentário!! Beijão!

  16. Responder

    Ana Kátia

    5 de março de 2013

    Muito emocionante! No final do vídeo senti uma vontade enorme de te abraçar :)

  17. Responder

    Larissa Moura

    5 de março de 2013

    Olá G! Tudo bem? Acompanho-te a muito tempo e sinto-me honrada por poder “conhecer”, mesmo que pela internet, uma pessoa tão boa, carismática e simpática como você. Emocione-me muito com o seu testemunho neste vídeo. Vivo algo parecido. Meus pais não são separados, mas por mil motivos o clima lá em casa não é dos melhores, e a cada dia fica pior. Em compensação, há quase 8 anos conheci uma pessoa muito boa e logo logo ele será meu esposo. Sinto muito o que você disse, que acabamos querendo nos provar de muita coisa, pois temos medo de nos machucar. Venho dando passos pequenos, quase de bebê, em minha vida, a fim de conseguir ter uma vida feliz e serena, pois por enquanto o que mais me falta é paz. As vezes pedimos muito a Deus, saúde, sucesso, mas por experiência própria, se não temos paz em nossa vida, as outras coisas tendem a ser difíceis de serem conquistadas e mais ainda mantidas. Tenho certeza que Deus quer a felicidade de todos, por isso venho tentando exercitar bons pensamentos. Tenho o coração cheio de feridinhas, assim como você. E por isso lhe admiro ainda mais em conseguir ser quem você é atualmente. Desejo-lhe tudo de bom e obrigada por compartilhar sua vida conosco, suas leitoras fiéis. Um abraço. Larissa.

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Amém, Larissa! :DD

  18. Responder

    Beatriz

    5 de março de 2013

    Flor, sou mais uma que se identificou com sua história. Eu também tive pavor de casamento por muitos anos, até que conheci meu noivo, quem me convenceu e me mostrou que eu mereço ser feliz, e que não é porque meus pais nao puderam me dar essa estabilidade que eu não poderia ter isso na minha vida. Estou com casamento marcado para esse ano e sou uma noivinha muito feliz. Felicidades pra vcs!

    • Responder

      G Florees

      6 de março de 2013

      Obaaa! Que legal! Felicidades para vocês também! :DD

  19. Responder

    Palloma

    4 de março de 2013

    Que lindo esse vídeo G, obrigada por compartilhar isso com a gente. Já gostava de você e agora gosto ainda mais! Beijo

    • Responder

      G Florees

      6 de março de 2013

      Obrigada, Palloma! :DD Beijos

  20. Responder

    Carol

    4 de março de 2013

    Nossa, G… chorei junto com vc! Sério!
    Passei por isso também, sabe… mas meus pais se separaram quando eu tinha 14 anos (tenho 25!) e meu pai sempre me deu atençao e talz, costumo dizer que a gente tem uma relaçao mto melhor de pai e filha mesmo, sabe… hoje em dia do que quando a gente morava na mesma casa! Mas por causa do casamento complicado que meus pais tiveram eu sempre pensei que nao queria casar. Por um bom tempo até namorar eu ficava meio receosa, sabe? Mas depois com o tempo eu fui descobrindo que eu podia fazer melhor, me doar, tentar me abrir comigo mesma e dar um colorido novo pra minha vida! Hoje, depois de ter passado por algumas experimencias sentimentais super dolorosas eu sinto que eu estou no meu momento. E me sinto preparada pra quando eu encontrar (O “Felipe” da minha vida!) construir do lado dele uma família bem diferente do que a minha foi!
    Força pra nós, então!
    Se eu já amava seu blog e me identificava com vc, a partir de hoje eu amo e me identifico elevado a UM MILHÃO!

    Beijão, flor :)

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Owwwn, que fofa! Muito obrigada pelo comentário! :DD

  21. Responder

    Erika Louise

    4 de março de 2013

    Oi, Gê!
    To um pouquinho atrasada, só vi esse vídeo agora, mas gostei muito dele.
    Eu não sou muito de comentar em cada post ou vídeo mas eu te acompanho desde 2010 que foi quando eu comecei a me interessar por maquiagem e procurar vídeos no youtube para aprender. Achei um vídeo seu onde vc comparava o kit de 18 pincéis rosa com o kit de 16 pincéis roxos e lembro de ter te achado tão simples na sua explicação, porém tão verdadeira, que simpatizei com vc de cara.
    E acho que é isso que te diferencia de outras blogueiras e por isso que gosto tanto de vc. Vc tem uma simplicidade, humildade e verdade que são de admirar.
    É incrível como a gente sempre acaba encontrando alguma coisa nas blogueiras hoje em dia que nos decepciona. Não sei bem explicar o que, mas seja futilidade, desleixo ou falta de educação. Não que elas tenham que ser perfeitas, mas parece que muitas vezes se deixam levar pelo que se pode chamar de “fama”. E muitas são criticadas em demasia por conta disso.
    Mas desde que acompanho o seu trabalho, que aliás foi evoluindo lindamente ao longe desses anos, nunca vi aqui nada que me deixasse desmotivada ou decepcionada. Não que vc me deva algo a ponto de me decepcionar, não me entenda mal. Mas porque a gente cria um carinho, mesmo que virtual, por donas de blogs e canais do youtube que compartilham um pouco de suas vidas com a gente. E quando gostamos de alguém abrimos nosso coração também para decepções.
    Enfim, eu comecei a escrever pra vc e acabei fazendo um testamento sem querer. Talvez para compensar esses quase 3 anos sem pequenos comentários, eu tenha acabado escrevendo um comentário grandão. rsrs
    Só quero te parabenizar pelo seu trabalho no blog, pela evolução e melhora do mesmo, pelo seu lindo caráter, pela sua simplicidade, beleza e honestidade. Gosto muito de vc, guru!
    Desejo que Deus abençoe muito a sua família, preserve e proteja o seu casamento (bem tão precioso), te dê muitas conquistas e realizações!
    Obrigada por me ensinar a fazer maquiagens lindas. rs…
    Um beijão de sua leitora e fã!

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Oi Erika, que lindo o seu comentário!! Fico muito feliz e espero não te decepcionar! :DD Beijos!

  22. Responder

    Líslei

    4 de março de 2013

    Me emocionei muito vendo o vídeo G! E mais ainda porque conhecendo vc e o Felipe, que são um casal tão especial, é mais do que verdade que o Amor e cuidados de Deus com a gente são tão grandes! E tenho certeza que só começou! Um beijo muito carinhoso! sabe que amo vc! Lii

    • Responder

      G Florees

      4 de março de 2013

      Oi Li, muito obrigada!!! Amo vocês também!!! <3 Beijos

  23. Responder

    Patricia Neme

    3 de março de 2013

    G, sempre achei voce meio fria e distante (nao e’ critica, e’ seu jeito de ser, ponto final!). Hoje vi a essencia de sua alma e sei que, como todas nos, voce tambem quer ser uma pessoa melhor. Continue assim. Parabens!!!

    • Responder

      G Florees

      3 de março de 2013

      Obrigada, Pati! :D

  24. Responder

    Ana Paula

    3 de março de 2013

    Oi G! Acompanho seu blog já há mais de 1 ano e nunca comentei… Assisti ao vídeo ontem, e como todas as pessoas que aqui comentaram, também me identifiquei e me emocionei!!! Mas me identifiquei de uma forma diferente… Casei aos 22 anos, com o homem que eu amava, e que eu acreditava que também me amava, tivemos nossa filha quando completamos 7 anos de casados, só que o nosso relacionamento já não era mais o mesmo… Quando minha filha tinha 3 aninhos, ele resolveu se separar, disse apenas que a vida de casado não era o que ele queria… Sofri muito, me desesperei, minha filha sofreu muito e ainda sofre, por que ela também acha que a culpa do término do casamento é dela…. questionei muito com Deus, durante muito tempo, será que eu não mereço ser amada da mesma forma que eu amei? já passaram 8 anos desde a minha separação e ainda não consegui me abrir para um novo relacionamento, então você vem com este vídeo e fala direto ao meu coração!!! Deus tem um plano melhor p/ minha vida!!! Eu creio!!! E oro a Deus p/ que Ele me de sabedoria e discernimento para que eu possa ajudar minha filha, e que ela entenda que a responsabilidade de tudo isso, não foi dela…. Grande beijo no seu coração e que Deus continue te inspirando!!!

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Oi Ana Paula, ela vai entender! Pode demorar um pouquinho, porque ela ainda é nova, mas vai entender! Tenha certeza! :DD Beijos e que Deus abençoe você e sua filha! :D

  25. Responder

    leticia

    3 de março de 2013

    OOi G, chorei litros com seu vídeo, parabéns, espero q vc realize o sonho de ser mãe e que tenha uma falia linda!!, Pq vc e de verdade!!!

    • Responder

      G Florees

      3 de março de 2013

      Amém! <3

  26. Responder

    Yasmin

    3 de março de 2013

    MUITO obrigada estava precisando

  27. Responder

    Fernanda Bastos

    3 de março de 2013

    Oi G, me emocionei mt cm o vídeo! Qnd meus pais se separaram eu tinha de 6 para 7 anos e foi mt difícil! Tive que me consultar cm psicólogo e era mt, mas mt “levada”, digamos assim! Hj tenho 22 anos e, no meu íntimo, sou mt revoltada. Não por mim, eu prefiro assim, mas pela minha mãe que sofreu mt para conseguir dar a volta por cima para criar os 2 filhos e principalmente pelo meu irmão! Meu irmão tem 23 anos e sei como um pai fez falta na vida dele. Um pai pode ser presente msm que more em outro lar, mas meu pai parece que fez questão de se ausentar, nunca quis saber dos nossos gostos, como íamos na escola… finais de semana que era pra estar cm ele, ficávamos na nossa avó paterna, enquanto ele ficava cm a madrasta do momento. Olho pro meu pai e sinto pena, pq qnd ele saiu de casa disse que ia em busca da felicidade dele. Ele não conquistou nada na vida, pulou de galho em galho sem se firmar e formar uma nova família, e nem o carinho e admiração dos filhos ele conseguiu! Tenho mt mágoa ainda, por perceber que nada mudou dps de tanto tempo! Ele continua vivendo como um jovem sem juízo que não tem o que perder, sem perceber o qnt já perdeu. Ficamos meses sem se ver e sem se falar, e sinceramente, nem eu nem meu irmão sentimos vontade de estar cm ele, pois não temos assunto em comum, é como estar cm um estranho. E isso é mt triste! Ele está envelhecendo e vai acabar sozinho! As vezes acho que não vou encontrar alguém pra mim, pq sou mt exigente. Durante mt tempo quis casar em grande estilo, ter filhos… vi tds os meus sonhos irem morrendo aos poucos por conta de um relacionamento. Desisti de casar como uma princesa, cartório já tava de bom tamanho! Pq pra mim casar já era mt, afinal, eu achava que nunca ia conseguir casar. Quem ia me querer? Eu sou td problemática! Hj sinto meus sonhos voltando aos poucos, um pouco diferentes, talvez mais maduros. Não quero o casamento de princesa, mas quero e mereço um lindo casamento! Quis ter um filho de produção independente por achar que ia ficar sozinha. Sempre quis ter filho cedo! Agora, penso no futuro! Quero batalhar mt antes de ter esse filho para garantir que ele não passe por nada do que passei! Voltar a sonhar é mt bom! Seu vídeo mostra que é possível superar os traumas já vividos. Eu espero um dia superar por inteiro o meu! Deus tem sempre o melhor pra nós, néh?! Obrigada por compartilhar sua história, é bom ter alguém que entenda! Desculpa pelo longo texto, foi um desabafo! Um grande beijo!

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Imagina, não precisa pedir desculpas, só quem já passou por isso entende, né? :D Beijos

  28. Responder

    Andressa M.

    3 de março de 2013

    Oi G, apesar d nunca comentar, vejo sempre seu blog. Tava numa crise de choro sem fim qdo resolvi dar uma olhadinha por aqui e vi seu video, me emocionei mto e tambem chorei c vc. Nós sabemos mas as vezes precisa de alguém pra vir nos lembrar q Deus ja tem tudo escrito e nosso caminho já ta feito, o que é nosso já ta guardado e na hr certa vai aparecer. Obrigada por me lembra disso.
    Tudo de bom para seu casamento e para sua vida.
    Beijinhos

    • Responder

      G Florees

      4 de março de 2013

      Obrigada, Andressa! <3

  29. Responder

    Thaís de Castro

    3 de março de 2013

    Eu tinha que comentar aqui. Assisti o vídeo e te entendo demais! Meus pais se separarm qndo eu tinha 6 anos, mas eu não me lembro de me sentir triste. Parece que sempre foi assim, sabe? Com o tempo, com minha faculdade de Psicologia e com minha terapia, percebi que aquilo que eu achava que tava “tranquilo” influenciou demais minha vida! Isso não é “frescura de gente mimada” como muitos dizem. Dói e tem mais poder sobre nós do que imaginamos.
    Enfim, eu quis compatilhar minha experiência aqui e além disso, desejo muita felicidade pra você, sua família, seu marido, ok? :) Beijos!

    • Responder

      G Florees

      4 de março de 2013

      Obrigada, Thaís! Para você também! <3

  30. Responder

    FLÁVIA

    2 de março de 2013

    Oi G!!!!
    Acompanho o seu site já faz algum tempo e gosto muito do seu trabalho.Quero que saiba que adooorei o seu vídeo, me emocionou bastante, até porque eu passei pela mesma experiência. Meus se separaram quando eu tinha 6 anos e até hoje acho que casamento não é pra mim, mas é como vc disse Deus escreve certo por linhas tortas…

    Parabéns pelo vídeo!!!

    Bjs

    • Responder

      G Florees

      4 de março de 2013

      Obrigada, Flá! :DD

  31. Responder

    Lisandra

    2 de março de 2013

    Que belas palavras você compartilhou nesse vídeo, realmente o que você aprendeu faz todo sentido, Deus sempre tem algo melhor para nós, tem uma passagem da Bíblia que diz: “Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que desejais.” Jeremias 29.11
    Seu vídeo me emocionou, obrigada por compartilhar sua experiência! E que Deus continue se mostrando para você e sua família. Bjs

    • Responder

      G Florees

      4 de março de 2013

      Amém, Lisandra! <3

  32. Responder

    Nádia

    2 de março de 2013

    Me indentifico 100%
    Também sou filha de pais separados (desde meus 9 anos) e tenho como prioridade que meu casamento de 4 anos continue dando certo.
    Parabéns pelo video.

    • Responder

      G Florees

      4 de março de 2013

      Obrigada, Nádia! :D

  33. Responder

    Priscila

    1 de março de 2013

    Oi G, tudo bom? Acompanho o seu trabalho há mais ou menos um ano, adoro os seu vídeos mas hoje, depois de ver esse vídeo, foi vez que eu tive vontade de postar um comentário. Primeiro gostaria de te parabenizar pela sinceridade e coragem pois não deve ser fácil se abrir dessa maneira. Me identifiquei com a sua história e vou pensar mais sobre o que você disse e começar a acreditar mais intensamente que o melhor ainda está por vir. Obrigada. Beijos

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Imagina, Pri! :DD

  34. Responder

    Dálete

    1 de março de 2013

    Oi G, nunca comentei aqui, mas depois de assistir esse video, tive que comentar. Comigo aconteceu exatamente como com vc, achei que a culpa fosse minha e que não merecia ter alguem, que casamento não era pra mim e etc. Hoje sou casada ha 3 anos, sou muito feliz. Sempre tive medo de ter filhos e eles passarem pelas mesmas coisas que eu, os pais as vezes não imaginam a dor que causam em nos, os filhos que ficam divididos no meio da separação. Mas é sempre bom saber que Deus em seu imenso amor tem um plano melhor pra nós. Me emocionei com o seu video. Que Deus abençoe grandemente a sua vida! Bjos

    • Responder

      G Florees

      7 de março de 2013

      Amém! :DD

  35. Responder

    Janaina

    1 de março de 2013

    Oi G, apesar de acessar seu blog todos os dias não tenho costume de comentar as postagens, me identifiquei muito com a sua história, com a diferença que os meus pais nunca foram casados. Sempre foi muito difícil pra mim porque todas minhas amigas tinham pais e mães dentro de casa e eu era a unica que não morava com os dois, sempre as via contando dos passeios e eu por não ter o que contar ficava sempre quieta. Nunca tive uma relação de fato com o meu pai apesar de vê-lo as vezes, infelizmente nunca o vi como um pai de verdade, e sim como uma pessoa normal e qualquer , apesar da minha mãe sempre insistir para que tivesse uma relação mais profunda. Quanto a relacionamentos amorosos sempre tive medo de me envolver demais e acabar me machucando, como minhas amigas dizem eu sempre me envolvo com ”caras certos” , mas daí aparece o medo e eu acabo dispensando. Não sinto taaaaaanta falta do meu pai, porque enfim, nunca tive sua presença, mas por mais que eu negasse sempre que queria casar, construir familia e tudo mais, eu secretamente, agora não mais, creio que Deus tem um plano lindo pra minha vida. Obrigada por ter dividido a sua história conosco.

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Que bom que você gostou do vídeo, Jana!! Beijão!

  36. Responder

    Polly

    1 de março de 2013

    G linda, só ontem consegui ver o video, me emocionei muito, chorei, sorri, amei vc ter se aberto daquela maneira.
    Meus pais também se separaram quando eu tinha 3 anos e por muito tempo vivi magoada, hora com minha mão, hora com meu pai, passei uma fase muito ruim com meu namorado que hoje é meu noivo.
    Concorodo com tudo que vc disse, te admiro ainda mais depois desse video, e com certeza Deus é poderoso pra fazer tudo, muito mais além do que pedimos ou pensamos.

    Bjos.

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Que bom que você gostou, Polly! :DD

  37. Responder

    Daniela Passos

    1 de março de 2013

    poxa… chorei! Me identifiquei muito. Muito mesmo. Obrigada pelo depoimento, isso nos faz ter mais coragem diante dos desafios da vida! Hoje tô namorando com uma pessoa linda e muito especial, mas já passei por decepções tb, claro que às vezes eu penso, será que vou casar com ele, será que vai dar certo, será que vai acontecer a mesma coisa que aconteceu com meus pais? Mas temos que fazer por onde né, acreditar que pode ser diferente e confiar em Deus, nos planos perfeitos que Ele tem pra nós. Bjos, Deus te abençoe muito! *-*

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém! <3

  38. Responder

    Ana Paula

    1 de março de 2013

    Oi, G!
    Parabéns pelo vídeo, pela coragem de se expor e se abrir… tb me emocionei e chorei como todo mundo! Acredito em Deus, e tudo que faço sempre penso Nele, peço sempre que me abençoe primeiro, pra tomar minhas decisões… acho que estamos aqui pra aprender e evoluir. Então tudo tem uma razão de ser. E vc ter mudado o assunto de última hora tb teve seu motivo… olha aí quantas pessoas foram tocadas por esse vídeo tão sincero…
    Descobri o seu blog tem alguns meses (uns 6 talvez), mas já li boa parte dele, porque vc o faz com seu coração, e percebe-se que vc é uma pessoa sincera, e mais que isso, dá pra perceber que vc é uma pessoa de luz… siga em frente que seu caminho é lindo!
    Parabéns pelo seu trabalho! E por tudo que já conquistou! Sua felicidade transborda pelo seu olhar!
    Beijos!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Obrigada, Ana Paula!! <3

  39. Responder

    Lívia Novais

    1 de março de 2013

    amei esse video! eu cresci sem minha mãe pq ela faleceu quando eu tinha 5 anos! e tbm sinto falta dela! me emocionei muito! e tbm creio que Deus tem um plano glorioso pra vc! como diz na biblia:

    TODAS AS COISAS COOPERAM PARA O BEM DAQUELES QUE AMAM A DEUS! romanos 8:28

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém! <3

  40. Responder

    Juliana Mello

    28 de fevereiro de 2013

    Nossa, G, que vídeo incrível. Chorei junto com você. Já passei pela mesma situação. Quando meus pais se separaram eu tinha 7 anos e meu irmão 1, foi muito doloroso pra todos nós. Na época, meu pai pedia pra eu escolher um “lado” pra ficar, sabe? E eu era uma criança, não sabia o que fazer. Sempre tive muito medo de magoar o meu pai e com isso fui me afastando cada vez mais da minha mãe, ficava contra ela e achava que ela era a errada e o meu pai certo. Hoje, vendo tudo o que aconteceu, imagino o quão doloroso foi pra minha mãe passar tudo isso. Mas ao contrário de você, agora na minha adolescência, eu quero MUITO casar, acho que pra poder mostrar que nem todos os casamentos são horríveis igual foi o do meu pai e da minha mãe, e que eu posso sim ser feliz.
    O seu vídeo está lindo e mais do que nunca, me identifico mais com você. Te admiro e torço para a sua felicidade.
    Beijos! <3 =***

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Own, Ju! Imagino como deve ter sido difícil, mas fico feliz que você tenha superado isso! :DD

  41. Responder

    Vitória

    28 de fevereiro de 2013

    É a primeira vez que acesso seu blog e, como de costume, posso até gostar, mas nunca comento. Dessa vez, vou comentar por um simples detalhe que me surpreendeu: Você responde a cada comentário! É sempre assim? Com certeza, nos dias de hoje, a atenção e simpatia fazem toda a diferença… Só com isso, ganhou uma leitora. Beijos!

    E que esperemos sempre o melhor de Deus!!! ;)

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Oi Vitória, sim! É sempre assim, respondo todos! :DD Beijos

  42. Responder

    Josi

    28 de fevereiro de 2013

    Nossa, eu cheguei a chorar com sua história. Meus pais nunca se separaram, mas a minha maior desilusão é com os namoros que não dão certo nunca, e isso me deixa muito para baixo. Não importa o que eu faço, acaba dando tudo errado. E por muito tempo, pensei sobre isso: Será que foram meus erros do passado que fazem sofrer tanto em meus relacionamentos? E nunca achei a resposta… E eu pensei bem deste jeito que você falou, quando disse que não queria casar e eu cheguei a me convencer que namoro não é para mim e coloquei na cabeça, que não devia ficar com ninguém, mas sempre chega alguém, me faz mudar de ideia e aí começa tudo de novo, o namoro nem dura, e começa todo sofrimento de novo…(Uma tristeza)…
    E quando você começou a dizer que Deus tem um plano muito maior nas nossas vidas, ainda senti uma esperança, que alguma coisa pode mudar, mesmo que desanima ficar esperando para que um dia dê tudo certo, quando tudo mostra ser tão diferente…
    Disse o que eu precisava ouvir…
    Beijos, Fica com Deus.

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Oi Josi, com certeza você vai encontrar uma pessoa muito especial e ser feliz! Acredite! :D

  43. Responder

    Wania

    28 de fevereiro de 2013

    Olá Jessica, deixei um comentario no blog da Flavia, nao sei se voce irá gostar, mas é o que penso, sou filiada ao seu canal e gosto dos seus videos e de voce, por isso disse o que disse no blog da Fla, outra coisa, eu penso que voces blogueiras deveriam estar preparadas pra ouvir coisa s boas e ruins sobre voces e seus posts, ja que resolveram se tornarem publicas, vejo que no seu canal voce fechou pra comentarios, achei isso muito ruim, pois penso que se voce nao gosta do que escrevem nao post mais, pois pessoas publicas estao sujeitas a criticas, e algumas sao boas pra reflexao, acho que pelo menos voce deveria deixar aberto os comentarios, mesmo com filtros pra aprovaçao, mas nem isso voce deixou, desejo sucesso a voce e sabedoria, beijos

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Oi Wania, não fechei os comentários por causa de críticas, mas sim porque eu não estava dando conta de responder todos! E pra mim, não adianta de nada abrir um canal para dúvidas e não conseguir responder. Por isso, respondo todos os comentários aqui, no Face e no insta :D Mas não consigo ter mais uma rede para abastecer! :D Beijos

  44. Responder

    Idoméa Antunes

    28 de fevereiro de 2013

    Nossa G, q lindo o vídeo!!

    Assim como outras meninas me identifiquei com sua história. Meus pais se separaram eu tinha 4 anos e também não lembro muito dessa coisa de família, mas no meu caso foi um pouco diferente. Meu pai saiu de casa por causa de outra mulher e não foi presente na minha vida, meio q ele deixou de ser marido da minha mãe e no pacote deixou de ser meu pai também. Até que quando eu tinha 12 anos eu mandei uma carta pra ele dizendo boa parte das coisas q eu sentia e com isso ele começou a se reaproximar d mim. Pena que esse contato não durou muito tempo, pois quando eu tinha 14 anos meu pai faleceu.

    Resumindo, sei bem o que você sente em relação a ausência de uma família completa e acabar se comparando as outras pessoas que tem, mas por outro lado eu não passei por essa fase de me sentir culpada porque eu sabia a verdade, q ele tinha se separado da minha Mãe porque ele queria viver com outra pessoa.

    Uma coisa q me ajudou mto foi o fato da minha Mãe ser TUDO na minha vida, especialmente pela falta de um pai, minha Mãe se tornou o centro de tudo pra mim. Senti falta de uma presença pai? Claro q senti, mas por outro lado me apeguei muito a minha Mãe pra tudo, tanto é que até hoje dou presente pra minha Mãe no Dia dos Pais, dou parabéns pelo dia dela e tudo, afinal eu imagino o esforço q tenha sido pra ela me criar “sozinha” e tentando manter os dois papéis quando era necessário.

    Enfim, com tudo isso que aconteceu comigo, eu aprendi a valorizar demais minha Mãe e todas as pessoas por perto q querem meu bem.

    Parabéns pelo seu blog, adoro fazer umas visitinhas por aqui. Muita sorte vida, tanto pessoal quanto profissional. Que Deus continue abençoando sempre você e todos a sua volta.

    Beijos!!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém, Idoméa! :D

  45. Responder

    Mariana Blanes

    28 de fevereiro de 2013

    Oi G, eu te entendo completamente e chorei junto contigo no video. Meus pais tambem sao separados, e eu tambem tinha essa magoa dentro de mim desde pequena… Mas eu aprendi com o tempo que a culpa dos meus pais terem separados nao é minha, e que eu posso ter um relacionamento feliz.
    Obrigada por compartilhar isso conosco! Que Deus te abencoe grandemente no seu desejo tao lindo de ter uma familia feliz!

    Sinta-se abracada, grande beijo de uma borboletinha!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Cada comentário de vocês é como um abraço mesmo! <3

  46. Responder

    Samara

    28 de fevereiro de 2013

    G! Muito emocionante o vídeo, chorei junto com você, a única diferença é que eu só parei de chorar agora na hora de comentar. Você é linda! Te Desejo muita paz, amor, felicidade e sucesso na vida! Também sou Blogueira, se quiser me fazer uma visitinha samarapmt.blogspot.com.br e http://www.youtube.com/loucapelabarbie bjs

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém, Samara! <33

  47. Responder

    Juliana

    28 de fevereiro de 2013

    Deus te abençoe sempre ,abençoe sua família ,sua casa ,seus planos e projetos ,muito emocionante ,de fato Deus sempre tem o melhor pra nós ,mesmo que não dê certo com nossos pais ,nós podemos mudar tudo crendo naquilo que Deus faz nas nossas vidas , Família e um Dom de Deus ,fico feliz porque ainda tem gente que acredita nas famílias.

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Amém, Ju! <33

  48. Responder

    Isabelle

    28 de fevereiro de 2013

    G, que lindo tudo que você falou, sempre fui muito apegada aos meus pais e graças a Deus eles estão casados a 30 anos, as vezes eles brigam e me da um aperto no coração de PENSAR que eles possam se separar, imagino tudo que você passou, o quão difícil deve ter sido, que bom que isso foi um aprendizado, e com certeza sua família vai ser linda e seus filhos vão se orgulhar do pai e da mãe que tem! Gosto muito de você, não deixo de assistir nenhum vídeo… ah e não peça desculpa por chorar, afinal você é humana haha beijos

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Isabelle! Beijos! <3

  49. Responder

    Lara mohana

    28 de fevereiro de 2013

    Oi G.
    Queria dizer que meus pais também se separaram quando eu era pequena, tinha uns anos mais ou menos. E sei como é não ter o pai presente todos os dias. Mas eu acho que desde pequena eu consegui compreender que eles tinham se separado não por minha causa, mas sim porque era o melhor pra eles, então eu achava que era melhor eles terem se separado do que ficarem o tempo todo brigando ou coisa assim.
    Eu também dizia que não irai casar, que não queria um homem para “me incomodar” hehehe.
    Mas hoje eu estou casada e me identifico muito quando você diz que por isso você tem mais vontade de que o seu casamento de certo. Eu também quero ter filhos daqui a alguns anos, e quero que eles tenham essa experiência que eu não tive e que isso seja uma coisa positiva pra eles.
    É isso. Acompanho o seu blog a bastante tempo e te desejo ainda mais sucesso tanto profissional quanto pessoal!
    BeeijO

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Lara!! Beijão!

  50. Responder

    Virginia

    28 de fevereiro de 2013

    Linda admiro mt seu trabalho e amo seu blog que é meu fiel companheiro nas noites de plantão no hospital ( sou enfermeira). G temos o poder de mudar as pessoas e com isso uma responsabilidade mt grande. vc ajudou a mudar a minha vida hj sou mais vaidosa, me cuido mais e me amo mais. Que Deus abençoe sempre seu caminho e família q vc construiu. Bjos e minha eterna admiração

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Virginia! Fico feliz em poder ajudar vocês! <3

  51. Responder

    Tuka Sampaio'

    28 de fevereiro de 2013

    Olá G, tudo bem?
    Eu tenho que confessar, eu chorei de soluçar com seu vídeo. Sempre me identifiquei com você, sempre amei seu blog, seus vídeos, desde a época da tagarela de aparelho desastrada (KKKK, você era tão fofaaa) e eu jamais imaginei que você passou por tudo o que eu passei. Minha história é bem mais complicada que a sua pelo fato de meu pai não falar comigo até os dias atuais, sendo que eu tenho 21 anos e meus pais se separaram aos 12. Eu também sinto meu namoro (que faz 4 anos dia 6 de março) como uma quebra de “maldição” do divórcio de meus pais. Por isso, cada dia mais foco no sucesso do relacionamento como meta para um dia viver a realidade da “propaganda de margarina” que eu nunca tive, pois antes do divórcio só presenciava brigas, não haviam momentos de “família feliz”. Depois, com a idade, eu vim notando que o divórcio não veio para o mal e sim para o bem, pois o ambiente familiar, mesmo que reduzido sem a presença da figura do “pai” estava mais leve, mais harmônico… Minha mãe nunca deixou carecer carinho, amor, atenção… Mas sempre rolava aquela ponta de inveja quando minhas amigas publicavam algo no orkut com o pai, como elas indo ao estádio de futebol com eles, ou quando elas falavam que o pai ficava com ciumes das roupas… Coisas bobas mas que acabavam me deixando muito triste. Também tive o problema da queda de padrão de vida, pois meu pai passou a contribuir muito menos financeiramente, bem na fase da minha adolescência e eu me via impossibilitada de realizar meus sonhos como ter minha festa de 15 anos ou de ir para a disney com minhas amigas. Foi tudo tão bagunçado… Confesso que criar um blog, mesmo que ainda pequeno, meio que me ajudou a canalizar minhas energias no que eu realmente devo. Vejo quantas pessoas tem carinho por mim, tem amor e tem afeto e penso que sou uma pessoa boa e que quem perdeu em não estar presente, em não conviver diariamente comigo foi o meu pai, e não eu. Não sei se foi o seu caso, mas sofri de abandono afetivo por parte do meu pai. Nunca contei isso para ninguém, sei que você nem me conhece e deve me achar uma louca de declarar isso tudo para você, mas o que você falou fez tanto sentido para mim e me ajudou muito a refletir sobre tudo o que passei.
    Deixo o meu grande beijo e um sincero agradecimento G!
    Se eu já adorava você, agora gosto muito muito muito mais! Queria um dia poder conhecer você!
    Beijos
    Tuka Sampaio

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Own, que fofa!! Muito obrigada pelo carinho! <3

  52. Responder

    Marcela

    28 de fevereiro de 2013

    Amei o vídeo, e é maravilhoso ver mulheres de Deus, testemunhando as maravilhas que Ele tem feito em suas vidas, muita Paz para vc e parabéns pelo vídeo, DEUS TEM O MELHOR PRA SUA VIDA, ELE É FIEL!!!

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Amém! :DD

  53. Responder

    Amanda

    28 de fevereiro de 2013

    Nunca tinha chorado assistindo um vídeo no YT e dessa vez aconteceu.M inha história é muito parecida com a sua, meus pais são divorciados quando eu era muito pequena e nunca tive a idéia de família tradicional em minha casa. Admito que diferente de você, as coisas em relação ao meu pai ainda não estão resolvidas, mas um dia quem sabe não é mesmo?Também estou casada a pouco tempo e desejo muito que meu casamento dê certo apesar de saber o quanto relacionamentos são difíceis e ainda mais o meu caso que em razão dos nossos trabaljos estamos morando em estados diferente (eu em PE e ele na PB), enfim, mas apesar de tudo quero muito proporcionar aos meus filhos uma família de verdade. Obrigada pelo vídeo, vc me ajudou muito com suas palavras e talvez só hoje, depois de assitir, percebi que tudo acontece em nossa vida por um motivo! Bejos e fica com Deus!

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Que bom, Amanda!! Muitas felicidades para sua família! Beijos! <3

  54. Responder

    Ane Caroline

    28 de fevereiro de 2013

    Oiii G… preciso dizer que chorei vendo seu vídeo, mas sei lá, faz tanto tempo que não sei o que é sorrir, que já não sei explicar. Estou passando pelo pior momento da minha vida… é um pouco diferente de vc, mas meio que igual… meus pais não são separados, pelo contrário estão juntos há quase 40 anos… e eu há quase 5 anos casei (faria 5 anos dia 5/4), mas meu marido é filho de pais separados, então sei lá… a questão é que casei pra ficar velhinha junto dele, mas há alguns dias ele me disse que iria embora e dia 16/2 ele foi de fato… Juntos temos uma filhinha de 1 ano e meio que é louca pelo pai… eu amo meu marido, fiz tudo pra que desse certo, mas coisas alheias a nossa vontade pelo jeito aconteceram… não sei ao certo o que foi… só sei que tudo que faço na vida é rezar… e pedir a Deus que me ajude, pq ainda o amo e queria que estivessemos juntos, estou chorando neste momento… é uma merda viu… não desejo a ninguém o que estou passando, mas sei que tem um propósito, eu só queria saber qual é, queria meu marido de volta, minha família de volta, queria voltar a sorrir… Tomara que tudo dê certo na sua vida e no seu casamento, pq isso dói demais… Grande beijo.

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Tudo tem um propósito, Ane, talvez você não entenda agora, mas um dia vai fazer sentido! Beijos! :DD

  55. Responder

    Pollyana

    27 de fevereiro de 2013

    Olá G, te sigo a bastante tempo, adooooro vc e seus videos e te parabenizo por dizer algo tão intimo no blog. Como é engraçada a vida, meu caso é meio que o contrario do seu. Meu pai e minha mãe viveram juntos até o dia em que nos descobrimos que ela estava com cancer, o tempo da descoberta ate o dia de sua morte foi de 4 meses. Eu sempre quiz que ela separasse dele, pois ele a traia mto e eu via ela sofrendo, chorando por amar ele. Acredito que ele tbm gostava dela, do jeito dele mas gostava. E durante mto tempo culpei ele pela morte dela, pois acredito que a doença dela foi de sofrimento. Meu pai nunca foi um pai mto presente e amoroso mesmo morando com a gente. Hoje em dia eu não tenho mais magoa dele, e sinto uma saudade imensa da minha mãe. Mas é como vc disse, deus sabe o que faz, acredito que Deus levou ela pois precisava de mais um anjo no céu. E te conto isso, pois é bom ouvir outras experiencias de vida. No meu caso, ter um pai em casa não significava que ele estava presente. Também peguei isso pra mim, pois homem bom pra mim é homem fiel. Tive medo de casar pois tinha medo de ser traida. E hoje em dia tenho medo de ficar casad e sofrer como ela sofreu, mas estou tratando disso na terapia. bjos, adoro vc e te desejo o melhor da vida.

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Oi Polly, que bom que você já deu o primeiro passo, logo tudo isso vai ser passado e você terá uma família linda! <3

  56. Responder

    Adri

    27 de fevereiro de 2013

    Oi G, primeiramente, quero te dizer que realmente é muito triste nossos pais se separarem, mas o seu pelo menos ia te ver e tudo o mais, o meu, nem isso…. hoje tenho 28 anos e há pouco tempo é que comecei a me relacionar bem com ele….
    E é como você falou, Deus é muito bom e sendo assim, não quer que guardemos mágoa de nosso passado, tudo o que passamos nos faz ser como somos, se vc é assim, é porque passou por tudo isso se não, talves desse o mesmo valor à família que suas amigas davam, pense que sua vida foi exatamente como deveria ter sido e seja mais feliz do que já é!!!

    Bjs

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Eu acredito nisso, tudo aconteceu porque tinha que acontecer! :D Beijos, Adri! <3

  57. Responder

    Lea Araujo

    27 de fevereiro de 2013

    Ahh… Que desculpa que nada, sua boba!
    Demorei comentar porque demorei a ver o vídeo. Mais não poderia deixar NUNCA de dizer que Deus me tocou profundamente através das suas palavras. Você é uma fooofaaaa… E merece MUITO MUITO ser MUITO feliz. Se antes eu te admirava pela sua beleza e além disso pela humildade e simpatia que eu via em você através dos vídeos, hoje eu te admiro MUITO mas MUITO mais.
    As pessoas realmente não dão valor ao que tem, só quem não tem que sabe o quanto faz falta. Eu, perdi minha mãe quando tinha 18 anos e me entristeço muito quando vejo filhos tratarem suas mães mal. Se soubessem o quanto faz falta uma mãe, com certeza iam querer está bem e dar amor o tempo todo. Mais enfim… Você é uma querida! Me emocionei junto com você e pode ter certeza que você ajudou sim muita gente. ;) Que Deus continue te abençoando sempre e que você nunca perca a fé n’Ele.
    Um Abraço beeeeem apertado! Amodo-te!:DD

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Obrigada, Lea!! Beijão! <3

  58. Responder

    Carol

    27 de fevereiro de 2013

    Oi G, nossa que lindo me emocionei muito com seu vídeo, e mais uma vez sua história é muito parecida com a minha, meus pais se separaram quando tinha 4 anos, mas não foi nada amigável era muito briga (feia) mesmo, e eu lembro de algumas, quanto a figura do pai eu nunca tive, nem mesmo as vezes eu me lembro de começar ver meu pai todo mês quando ele ia levar minha pensão em casa, porque fora isso ele nunca quis me ver, ou seila… mas diferente de você eu sempre quis muito casar e ter minha família, pelo motivo de querer fazer tudo diferente.. mas minha história vai muito além disso, mas sou como você prefiro não ficar tocando no assunto, mas eu amei muito seu vídeo estou passando por uns momentos meio chato e que mais uma vez você está me ajudando a me levantar, como eu queria te dar um abraço, G parabéns pelo seu trabalho e seu compromisso com o blog com a gente, muito obrigada mesmo por tudo… Te adoro <3

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Own, obrigada pelo carinho, Carol!! Beijão! <3

  59. Responder

    Brenda

    27 de fevereiro de 2013

    Oi G!
    Somente agora pude assistir esse vídeo.
    Eu não poderia deixar de passar aqui para prestar reconhecimento.
    Eu não cheguei a passar exatamente pelo que você passou. Meus pais nunca se separaram, embora eu ache que isso quase já aconteceu (por pouco mesmo). Até uma certa idade, eu era o xodó do papai, mas o tempo foi passando e fui percebendo meu pai não tão presente. Ele pode até estar fisicamente comigo, mas é capaz que se perguntar pra ele, ele não saiba responder minha idade, o curso que faço na faculdade, o que gosto ou não…
    Sou feliz em ver ele e minha mãe juntos, mas por outro lado eu não acho que minha mãe seja uma esposa feliz. :(
    Eu tenho muito medo de que isso aconteça quando eu me casar também.
    Sou muito sonhadora e desde muito pequena eu idealizo meu casamento, minha família, mas ao mesmo tempo morro de medo de ter um casamento igual ou pior do que o dos meus pais.
    Eu namorei por muito tempo e estou recém solteira. Tenho a auto estima bem pra baixo e muitas vezes penso que não conseguirei namorar novamente!
    Mas exemplos como o seu me inspira muito e coisas assim nos dão força para prosseguir.
    Eu acredito que Deus te inspirou pra fazer esse vídeo e levar esse recadinho dele para várias pessoas, inclusive pra mim.
    Que Deus continue abençoando muito sua vida, sua carreira e sua família. Você merece!
    Beijos!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém, Brenda!! Muito obrigada pelo carinho! <3

  60. Responder

    Paula Barcelos

    27 de fevereiro de 2013

    Que pessoa linda vc é……virei mais fã do que já era!

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Own, obrigada, Paula! <3

  61. Responder

    Ingrid

    27 de fevereiro de 2013

    Oi G!
    Sei exatamente o que você passou. Meus pais se divorciaram quando eu tinha 5 anos, é muito triste ver uma família normal e não poder ter, não ter um pai chegando a noite para poder brincar com vc brincadeiras de pai, ver outras pessoas não dando valor a isso. Eu me sentia um pouco só, sentia que meu pai não me amava. Por muito tempo fiquei distante dele mesmo estando perto entende? Mas depois de 13 anos nós nos reaproximamos ele me apoiou no momento em qque eu mais precisei e somos “melhores amigos” hoje. Ele diz que eu ensinei pra ele depois disso o quanto ele pode ser um pai melhor do que ele já era. Eu, ao contrário de vc sempre quis casar e ter filhos, sempre quis ter o que nunca tive: família. Sempre me imaginei na minha casa com o meu amor e meus filhos e sonho com esse dia. E espero fazer com que dê certo. Beijos G, muito linda a sua história.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Ingrid, com certeza vai dar! <3

  62. Responder

    Priscila

    27 de fevereiro de 2013

    Olá!
    AMEI o seu vídeo! Fiquei emocionada…
    Concordo com você, os planos de Deus são sempre perfeitos.
    Parabéns pelo blog!!!

    Bjs

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Pri! <3

  63. Responder

    Bruna Ferreira

    27 de fevereiro de 2013

    G, me identifiquei muito com a sua história. Tenho só 15 anos mas já vivi muita coisa em relação a esse assunto.. Logo que meus pais se separaram eu era pequena, tinha uns 3 anos também, e no começo meu pai sempre foi presente, mas agora não tenho mais uma relação com ele, já corri muito atrás, mas infelizmente eu cansei, e ele nem liga, tanto que a ultima vez que nos vimos foi em 18/01, e hoje é 27/02..
    Mas é o que eu acho também, Deus tem algo melhor guardado pra todos nós.
    Eu amei o video G, você é linda, não deixe se abalar por isso ok?
    Beijos

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Bru, graças a Deus hoje eu sou outra pessoa, já superei tudo! E você também vai! :D Beijão!

  64. Responder

    Marianne Pieper

    27 de fevereiro de 2013

    Emocionada aqui, Ge! Eu desejo tudo de bom pra você! Que Deus te abençoe! Você tem um coração enorme e merece tudo de bom na sua vida Ge! Sou sua fã! <3<3

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Mari! <3

  65. Responder

    Cris

    27 de fevereiro de 2013

    olá G
    eu sou portuguesa, e sou sua fã adoro tudo o q você coloca no seu blog. Adorei a sua sinceridade e emoção ao contar um pouco da sua história.Eu tb cresci sem pais, a minha mãe morreu quando eu tinha 2 anos, e o meu pai só via nas férias da escola. Foi a minha avó paterna q me criou. O meu pai morreu de cancro à um ano, e fui eu e a minha avó que cuidamos dele até ao fina,ele morreu a minha frente. Ele lutou durante um ano e durante esse ano eu tive um pai…
    Para ultrapassar todas as “coisas” negativas da minha vida tento sempre me lembrar q há sempre alguem neste mundo de Deus que já sofreu ou sofre mais do q eu.
    Beijo muito grande

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Cris, poxa, que história triste! Mas fico feliz que você tenha gostado do vídeo! Beijos!

  66. Responder

    Priscilla

    27 de fevereiro de 2013

    Querida G, como é bom encontrar pessoas como vc na internet e principalmente na blogosfera. Dentre tanta futilidade e jogo de marketing a gente tem a oportunidade de se deparar com alguém “real”! Seu vídeo ficou maravilhoso, uma lição de vida com otimismo, determinação, nossa… sem palavras. Eu sempre te adimirei pelo trabalho que faz e vc é sempre muito ‘limpa”: leal com as coisas que posta, e com esse vídeo vc pode ter certeza que já cumpriu um pouquinho da sua missão, pois, enquanto assistia fiquei emocionada e ao mesmo tempo não tirei o sorriso do rosto achando tudo aquilo muito legal, poxa vida, faz sempre assim, continua assim linda por dentro por fora, humana, verdadeira e feliz, muuuito feliz!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Pri! Muito legal saber que você gosta do blog e curtiu o vídeo! <3 Beijão

  67. Responder

    Lara

    27 de fevereiro de 2013

    G. me emocionei com o seu video e valorizo muito a minha familia pq sei da importancia que eles tiveram no meu crescimento.
    Que Deus abençoe seu casamento e que vc possa da esse amor que vc tem de sobra no seu coraçãozinho para seus filhotes!!
    Um mega bjo pra vc G.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém! <3

  68. Responder

    Bárbara

    27 de fevereiro de 2013

    Nossa! Somos iguais O_O
    Até hoje falo que não quero casar, mas no fundo quero… :/ Mas sempre falo que não e eu namoro a 6 anos!
    E isso no fundo é uma mágoa que sinto pelos meus pais, pq eles se separaram (de uma forma muito triste) quando eu tinha 15/16 anos…
    E agora eu vejo que isso é reflexo do que aconteceu… Obrigada Jéh… Eu quero acreditar e acredito nos planos de Deus, que Ele nos abençoe!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém, Bárbara! Você ainda vai ter uma família muito feliz! <3

  69. Responder

    Fabricia

    27 de fevereiro de 2013

    Oi G, tudo bem ? Espero que sim. Ontem estava me sentindo muito deprimida com as incertezas do futuro, abandono da família, pois estou há 5 anos nos EUA e me sinto muito só e estava naquele momento de fraqueza e fé um pouco fraca, abalada com com o stress do trabalho esgotada. Terminei o serviço e no meio do caminho vi o seu vídeo o que e muito comum. Não me identifiquei com a sua história dos seus pais, porém, vc me deu uma forca quando falou dos planos de Deus para gente, me sente profundamente tocada por Ele através das suas palavras. Eu quero te agradecer por ter me feito forte e me mostrada o quanto estou com a fé fraca. Deus colocou vc no meu caminho para me sentir a vida. Sinceramente muitíssimo obrigada te adoro e te acho uma menina linda, pura e humilde. Seja vc mesma e adoraria um dia te conhecer. Vc abraçou a minha alma com suas palavras. Te admiro demais e vc e uma ótima profissional. Te adoro sinceramente com o coração desarmado. Beijos e fique com Deus!!!!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Fabrícia! Me emocionei com o seu comentário! Fico muito feliz que Deus tenha me usado para falar com você! Beijos! <3

  70. Responder

    Natasha

    27 de fevereiro de 2013

    G, chorei ouvindo vc falando. Eu nunca sofri isso, mas posso imaginar quem sofreu ou quem esta sofrendo isso agora.
    Quero que saiba que Deus tem realmente um plano perfeito para as nossas vidas.
    Que Deus te abençoe muito vc e seu esposo, que vcs sejam muito felizes….

    Beijocas queridona!!!
    Natasha P. B Medeiros

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém e obrigada, Natasha! :DD

  71. Responder

    Isabel

    27 de fevereiro de 2013

    Chorei litros!
    Me identifiquei mto pois minha historia de vida é igual. Pais separados desde cedo porém tb me casei cedo a fim de ter algo que nunca tive na vida, uma família. E tudo que desejo é proporcionar aos meus futuros filhos um lar que eu nao tive.

    Parabéns pela coragem em se expor.
    Voce é linda.
    Bjos

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Isabel! Que Deus abençoe muito sua família! <3

  72. Responder

    Cintia de Jesus

    27 de fevereiro de 2013

    me fez chorar!! Deus é Deus, ele é onipresente,onipotente e faz o impossivel por nós, BJS GATINHA

    Quem chora pra Deus tem resposta
    Porque Deus não suporta
    Ver a lágrima de um crente e não agir
    O céu se comove na hora
    E vem a vitória
    E não há no mundo quem possa impedir

    Uma lágrima pra Deus é uma frase
    Que só Deus tem o poder de interpretar
    E o crente chora pra Ele porque sabe
    Que Ele é o único que pode consolar

    Link: http://www.vagalume.com.br/elaine-de-jesus/quem-chora-pra-deus.html#ixzz2M7EnJAs6

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Cintia! <3

    • Responder

      Fernanda Bastos

      3 de março de 2013

      Este hino é lindo!!!

  73. Responder

    Nubia

    27 de fevereiro de 2013

    G, sempre vi o seu blog/canal e nunca comentei. Na verdade sempre vi os blogs de moda/maquiagem e NUNCA comentei. Esse video foi o primeiro que eu senti vontade de falar/comentar.
    Depois desse video, comecei a te ver de um angulo diferente. Ficou mais humano, sabe? Sincero… da pra ver que saiu do coracao. Bjs
    Parabens.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Nubia! <3

  74. Responder

    Jéssica Oliveira

    27 de fevereiro de 2013

    Que lindo seu depoimento!!
    Chorei rios aqui.
    Fiquei me lembrando do medo que eu tinha de ter uma família tbem, medo de casar, de ter filhos..tbem aceitei essa “realidade”pra minha vida durante um tempo! Me emocionei com a sua história não por ser exatamente igual a minha, meus pais estão se separando agora, já tenho 22 anos e já sou casada :)… Porém nunca tiveram um casamento com amor e feliz, apesar de os dois estarem juntos nunca tive uma familia de verdade, sabe? Amor, Conversas, amizade..essas coisas de família, pelo contrario hahhahah
    Mais os planos e sonhos de Deus pra nós são bem maiores que o nosso né!! Ainda bem.
    E hoje vivo exatamnte o que sonhei como meu marido!

    Te admiro ainda mais Gê!!

    Te acompanho a um tempao, te sigo em tudo quanto é rede social, mas sou do tipo ‘Leitora fantasma” sabe?!
    Mais esse video foi bem especial pra mim!!

    Bjooo!
    Deus abençoe vc e o seu marido sempre!!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Jéssica, poxa, que legal! Comente mais vezes, é bom saber o que vocês acham do blog! :DD

  75. Responder

    Virginia

    27 de fevereiro de 2013

    Linda me sensibilizei mt com seu video também sou filha de pais separados e também tenho dificuldade em acreditar em casamento. Obrigada este video me ajudou mt. Bjinhos Vi

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Beijos, Vi! Fico feliz que você tenha gostado! <3

  76. Responder

    Nádiacibely

    27 de fevereiro de 2013

    Oi G, super lindo tudo que você falou, eu passei por exatamente isso tbm, eu tbm tinha 3 anos e meus irmãos 6 e 7 anos. O meu pai foi sempre presente nunca deixou a desejar. Mas quando tinha 11 anos mudamos de cidade ou melhor de Estado moravamos em Pernambuco e eu e minha mãe fomos morar no Pará que é bem longe. E o pior pra mim é o trauma q tenho das brigas deles pra se divorciarem nunca entrava em consenso e era muito desgastante pra gente (filhos), então botei na minha cabeça q não queria q meus filhos passassem por isso tbm, meu trauma na verdade é mais do divorcio. Tenho medo de casar, e um dia ter que se separar e viver tudo dinovo e magoa minha filha. Tenho um namorido agente vai fazer 10 anos juntos em maio mais com 5 nos morando junto e temos uma filha de 2 anos. Mais fico desesperada quando ele fala de casar, não quero pq tenho muito medo. rs* Ai falei d+ . G você merece ser muito feliz q Deus continue te abençoando sempre adoro vc seu blog é lindo sempre passo aqui… um xero!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Nádia, muito obrigada!! Beijão! <3

  77. Responder

    Ligia

    27 de fevereiro de 2013

    O melhor dos vídeos dessa “série” que eu vi.
    Os vídeos que as meninas fizeram para a Flavia foram bons, mas o seu foi ótimo.
    Eu não tive essa situação de pais separadosm os meus estão juntos ha 34 anos, mas como EU não tive bons relacionamentos amorosos durante a vida ainda espero que eu encontre alguém bom de verdade e lutarei com muita força para fazer dar certo.
    Eu sou psicologa e ja atendi algumas vezes crianças e infelizmente as vezes o melhor para as crianças é a separação, atendi uma criança uma vez q pedia para os pais se separar, pedia que eu falasse para eles se separarem, afinal os dois brigavam sempre, tinha muita violencia dentro de casa.
    Deus tem mesmo um plano para todos nós.
    Mais uma vez parabéns pelo depoimento, foi ótimo.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Ligia, é! Às vezes tem esse outro lado também, né? Mas acho que separação nunca é bom, mesmo nesse caso! O que seria bom era ter respeito e amor, né? Beijão! <3

  78. Responder

    Thais

    27 de fevereiro de 2013

    Engraçado porque eu por vezes me deixei fazer uma imagem completamente diferente de você…Infelizmente, o instinto humano não nos permite que olhemos o outro sem julgar, nem que seja um pouco… Através desse vídeo, vi tanta humanidade, tanta sensibilidade e sinceridade… Vi que você é uma pessoa relativamente pura e frágil em algum sentido, como a maioria das pessoas. Seu vídeo foi lindo e tenho certeza que emocionou até mesmo quem não passou por uma situação semelhante a sua, o que é meu caso…A mensagem que deixou consolidada “Deus prepara sempre o melhor pra você. Confie e acredite.” é tocante e inspiradora! Obrigada, por que você fez do meu dia, o melhor dia da semana!!! Beijos

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Thais, muita gente tem (ou tinha, rs) essa imagem de mim, por puro pré-julgamento! Mas que bom que eu consegui mostrar que sou mais do que maquiagens e tutoriais, né? Fico feliz! Beijos e fique com Deus! <33

  79. Responder

    Jacky

    27 de fevereiro de 2013

    Olá G… Eu sempre vejo seus videos curto muito é adoro tudo que você posta…mais geralmente nunca comento porque realmente não dá tempo(vida muito corrida).
    Mas esse video não resisti… G …passei pela mesma coisa que você e tenho os mesmo pensamentos e sentimentos que você.
    A vida é muito dura porque você passa por cada coisa que não teve nem a oportunidade de planejar porque nada depende da gente quando se fala de relacionamento de país.
    Eu tenho 27 anos e já passei por muitas coisas ruins nessa vida, mas acho que eu pedi tanto pra Deus mais tanto uma Familia … que ele me deu uma maravilhosa.
    Hoje sou muito bem casada e tenho uma pequena de 5 anos que éo meu bem mais precioso. E jamais quero que esse cristal quebre porque foi uma presente abençoado por Deus.
    Então G … você tem tudo pra ser feliz é ter uma familia linda, você é um doce de pessoa e merece tudo de bom. Que Deus ilumine seus caminhos é da sua Familia. ! bjos
    Com carinho!
    Jacky

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém, Jacky! Muito obrigada! :D

  80. Responder

    Camila Carvalho

    27 de fevereiro de 2013

    Lindo lindo lindo seu video. Amei, chorei com você ! Mesmo não tendo passado por isso, tenho amigas que passaram e sei como é dolorido. Você acreditou e continua acreditando que Deus quer o melhor pra você, isso que é importante. Tenho certeza que você é uma mulher realizada no seu casamento. E mais importante de tudo é que você quis passar isso para outras pessoas, compartilhar mais da sua vida e mostrar para todos que basta ter fé, acreditar em Deus e ele tudo fará !

    Que Deus te abençoe !

    http://mundodadonacamiila.blogspot.com.br/

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Camila!! Beijos! <3

  81. Responder

    Thais

    27 de fevereiro de 2013

    Oi Ge,
    Adorei seu vídeo, com certeza foi o meu preferido da TAG.
    Me identifiquei totalmente com as suas palavras pq minha vida foi bem parecida, só que não sou casada, rsrs.
    É impressionante como a gente da valor a familia quando a gente não teve (pelo menos não nos modos tradicionais,rs), como a gente espera conseguir formar essa família um dia para os nossos filhos. Realmente, agregamos um valor muito maior a coisas que as vezes passam despercebidas pelos outros. Obrigada pelo vídeo Ge! Adorei e me vi nele inteiramente.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Thais, que bom que você gostou! Fico muito feliz! <3 Beijos

  82. Responder

    Lila

    27 de fevereiro de 2013

    Me emocionei muito com você. Que Deus te abençoe muito!!

    Beijos;)

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém, Lila! :D

  83. Responder

    Danny

    27 de fevereiro de 2013

    G fiquei mto emocionada com seu vídeo já tava chorando antes de vc chorar,nunca imaginei q vc passou por isso,mas como vc mesmo disse a gente tem q dar o primeiro passo,e graças a Deus hoje vc está bem com seus pais,é casada e feliz! Eu tenho os meus pais por perto e dou mto valor sempre,até hoje ainda não casei e já namoro faz tempo(8 anos) mas sei q o dia q eu sair de casa,vai ser difícil pois nunca me separei dos meus pais,e a vida de casada não é fácil! Engraçado q por outros motivos eu tbm nunca quis me casar,e quem tocou no assunto primeiro tbm foi meu namorado,mas com o tempo as coisas mudam né? Se Deus quiser vai dar tudo certo e tbm vou ter minha family!
    Q Deus abençoe seu casamento!
    xoxo vc é uma fofa <3

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém, Danny! Beijão! <3

  84. Responder

    Fernanda

    27 de fevereiro de 2013

    Me identifiquei muito com seu vídeo, mesmo não tendo pais separados, tenho um pai, mas um pai ausente que nunca se importou comigo, toda vez que saia para passear era eu minha mãe e meu irmão, ele nunca tratou bem minha mãe, e mesmo assim ela não se separou dele. E tudo isso acabei criando uma barreira, tenho medo de apegar com alguem e acontecer isso que aconteceu com ela, sei que preciso superar essa barreira.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Fer, precisa sim, senão você nunca vai viver o que Deus preparou para você! <3

  85. Responder

    Juh

    27 de fevereiro de 2013

    Bom G… sei que muitas pessoas comentaram aqui e depois que vi seu vídeo não consegui deixar passar… Me emocionei muito, mesmo não sendo a situação em minha casa! Parabéns pela força e por acreditar que sua fé te levou até onde você chegou. Com certeza Deus tem um plano muito maior para todos nós. Obrigada por dividir conosco um pouquinho da sua história e por nos emocionar com sua sinceridade! Deus te abençoe muito, sempre! Mil beijos. Juh

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém, Juh! Beijos! <3

  86. Responder

    Amanda

    27 de fevereiro de 2013

    Lindo o vídeo! Espero que vc consiga construir uma família de comercial de margarina e que seja muito feliz! Realmente nada acontece sem um motivo Divino. Aproveite todas oportunidades que Deus te deu. Obrigada por dividir seus sentimentos, suas palavras ajudaram para um final de dia mais feliz!! Beijos

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      HAHAHAHA, eu quero uma assim mesmo, bem Doriana! <3

  87. Responder

    Nathalia

    27 de fevereiro de 2013

    OI G, td bem?
    Estou aqui não me aguentando de emoção pois chorei junto com você no vídeo.
    Quero dizer a você que você foi uma benção e muito usada por Deus para tocar muitas vidas que irão assistir seu vídeo. O seu vídeo é um testemunho para não criticarmos, brigarmos a toa, reclamarmos dos pais que temos.
    Agradeço a deus pois um belo dia eu achei o seu blog, pois você para mim se tornou uma amiga diária, e fico feliz de estar compartilhando desta emoção com você.
    Que Deus abençõe a cada dia o seu casamento e a sua vida.
    Sabe, muitas pessoas me falam, nossa Nathalia você fica seguindo blog, que coisa fútil, mas para mim não é pois eu aprendo até coisas da vida com vocês blogueiras.
    Vou fazer até um TCC de Faculdade sobre blogueiras.
    Um grande beijo…
    De sua amiga virtual Nathalia

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Nathalia, imagina pra mim então, que trabalho com blog? Eu escuto isso quase todo dia, hahaha! Beijão! <3

  88. Responder

    Letícia Ventura

    27 de fevereiro de 2013

    Oi G !!!

    Sempre vejo seu blog e acho simplesmente divina suas maquiagens e looks do dia. Me ajudam e muito na hora de me inspirar…
    Sou leitora assídua, mas não me manifesto muito. Entretanto este vídeo merece várias mensagens positivas.

    Mesmo não tendo pais separados em casa eles são ausentes e vivem brigando.. Já passamos por diversas barreiras e confesso que já desejei que eles se separassem para termos paz, mas esse desejo nunca é verdadeiro .. é passageiro como o vento!

    E a parte que eu mais me identifiquei foi o fato do seu medo por casar !!!
    Eu namoro a 8 anos e sempre que ele toca no assunto casamento eu mudo de assunto =/

    Eu tenho exatamente este mesmo medo que você tinha : não quero replicar uma família neste mesmo molde…

    Mas como vc mesma disse “Deus tem um plano muito maior”
    Espero um dia superar como você fez!
    Parabéns !!!!!!!!!
    Beijos
    Lelê

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Lê, com certeza você vai superar, porque o desejo de formar uma família já existe no seu coração! <3 Beijos

  89. Responder

    Leticia Mariotto

    27 de fevereiro de 2013

    G,me emocionei muito com seu vídeo,e me motivei a não desistir e enfrentar o que quero conquistar. Um grande beijo,e tudo de bom pra ti!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Lê! <3

  90. Responder

    Karla

    26 de fevereiro de 2013

    =)

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      <3

  91. Responder

    Juliene

    26 de fevereiro de 2013

    G, gostaria de dizer que gostei mto do seu video e que xorei mto do começo ao fim…e que eu tbm passei por isso com meus pais, ele são separados desde dos meus 7 anos, mas diferente de vc eu não tenho mais contato nenhum com meu pai, pois ele disse não quer me ver nem no caixão…mas em compensação tenho um paidrasto que é tudo de bom na minha vda e sou mto feliz por Deus ter colocado ele na minha vida e na vida da minha mãe…Desculpe, mas qria apenas compatilhar com vc…bjus mtas felicidades e tudo de bom pra vc!!!Parabens pelo video…

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Ju, muito obrigada! Beijos! <3

  92. Responder

    Lidi

    26 de fevereiro de 2013

    Não poderia deixar de comentar este vídeo… Se já gostava de vc, agora gosto muito mais… Minha história não é de pais separados, mas me emocionei ao te ver chorando e dizendo que Deus tem um propósito maior do que a gente imagina… E posso te afirmar que isso é real! Há 2 anos perdi uma filhinha, quando estava de 11 semanas foi detectado que ela tinha má formação cardíaca, um problema incompatível com a vida… E aos 7 meses de gestação devolvi minha pequena para Deus… Chorei e chorei… Precisei ficar 10 meses sem engravidar pq passei por uma cesariana… E após esse tempo, engravidei de novo… De uma outra menininha… Perfeita e linda! Minha felicidade plena… Quando olho pra ela, vejo o propósito de Deus na minha vida!
    Sou agradecida a todo instante pela sua saúde e por hj poder vivenciar tudo o que sonhei! Deus só nos faz passar por aquilo que suportamos… Por isso, se um dia tbém tive o pensamento de que não era pra mim… Hj… Tenho certeza absoluta de que era sim… É muito mais que podia imaginar… É muito mais que podia sonhar… Só queria compartilhar minha história com vc e desejar muitas felicidades pra vc, pro seu marido e pra linda família que vcs vão formar!!! Fique com Deus! Bjooo

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Lidi, que história linda!!! Me emocionei! Muito obrigada por ter compartilhado! Beijos

  93. Responder

    Amanda Correa

    26 de fevereiro de 2013

    Amei o seu vídeo. Me emocionei mto. Parabéns!!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Amanda! :DD

  94. Responder

    Marina

    26 de fevereiro de 2013

    G, não sei nem o que dizer! hahaha

    Mas esse vídeo é tão especial que merece todos os comentários que positividade que li acima.

    Eu sempre acompanhei seu blog e o canal da Flávia também e foi uma tremenda surpresa ver você respondendo essa tag. Eu super criei uma expectativa antes de ver o vídeo, e você ultrapassou qualquer expectativa possível. Foi o vídeo mais especial ever! hehe

    Parabéns pela coragem e iniciativa e obrigada por dividir isso com a gente, tenho certeza que inspirou a vida e a mudança de muita gente :)

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Marina, aposto que você pensou que eu ia falar alguma abobrinha de maquiagem, né? HAHAHA, tou brincando! <3 Beijão!

  95. Responder

    Aline Rioli

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa, G! é inevitável não se emocionar como seu depoimento!
    Já te admirava como profissional, passei a admirá-la muito mais como pessoa.
    Vi minha irmã refletida nas suas palavras, ela é fruto do primeiro casamento do meu pai, que se separou de sua mãe quando ela tinha a mesma idade que vc tinha, e assim como vc é ela é guerreira e não tem medo tentar, sempre confiando no que Deus planeja …

    Tô passando um “pedaço” complicado na vida agora e suas palavras me ajudaram bastante..

    Bjs e cada vez mais sucesso pra vc!

    ;)

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Aline que bom que meu vídeo te ajudou de alguma maneira, fico muito feliz! <3 Beijão!

  96. Responder

    ju

    26 de fevereiro de 2013

    meus pais não são separados, mas chorei junto com vc rs

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      <3

  97. Responder

    Carol Pontes

    26 de fevereiro de 2013

    G, adorei o vídeo. Chorei assistindo.
    Eu tive medo também de me machucar quando casasse porque a gente vive em um mudo tão cruel que a gente pensa que esse tipo de coisa vai acontecer com a gente também. Namoro a 3 anos e meio e sei que a pessoa que eu estou é a pessoa que amo e que quero conviver pro resto da minha vida. Tenho 19 anos e vou noivar dia 17 de março, as pessoa falam que não vai dar certo sabe, porque elas não são felizes. Já cheguei a me importar com isso, mais agora não mais, por que eu sei que o que Deus tem para mim é muito melhor do que eu penso, quando a gente confia a nossa vida nele a gente tem certeza que o melhor ainda está por vir. Deus te abençõe e te guie sempre G…. Beijos ♥

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Carol, sabia que nunca pensei por esse lado? Muita gente vem me perguntar porque eu casei cedo e que não vai dar certo e blá blá blá, mas na verdade são elas que não são felizes!! Obrigada por compartilhar isso comigo! Beijão! <3

  98. Responder

    Gabi Valente

    26 de fevereiro de 2013

    Gzoka, que lindo vídeo! Faz tempo q não comento por ser meio estabanada mesmo mas sempre estou por aqui… Porém esse vídeo me fez pensar um pouco e digamos q me deu um ânimo a mais!
    Graças a Deus tive a sorte de ter uma família estruturada porém depois de frustrações com ex namorados cheguei num ponto de desistir por completo da “instituição família” cheguei por mt tempo dizer que é algo falido que não funciona nos dias de hoje. Mas te ver e lembrar do seu começo com o Felipe e mesmo com tds as barras vcs tão firmes e juntos para provar que é possível sim me faz acreditar naquele ultimo pontinho de esperança! Tomara que Deus me abençoe com alguém que possa ser o plano dEle em minha vida!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Gabi, que bom que você gostou desse vídeo! Tenho certeza que você ainda vai encontrar uma pessoa muito especial! Beijão! <3

  99. Responder

    Marcella

    26 de fevereiro de 2013

    Gê ê! Eu acompanho o blog faz tanto tempo, e nunca postei nada nada.. mas esse seu vídeo fez com que eu me identificasse com você, tenho uma história bem parecida :( Felicidades no seu casamento. Que Deus lhe abençoe e também ao seu marido. Beiiiiijos;*

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Marcella! <3

  100. Responder

    Grace

    26 de fevereiro de 2013

    G!

    Eu te acompanho desde o dia que você posto o seu “look do dia “- com seu vestido de noiva! e daquele dia então eu não parei de te acompanhar,DIARIAMENTE.
    Comentei algumas vezes somente,pq não sou muito disto.
    Mas desta vez,nao tinha como não comentar!
    Faço das suas palavras,a minha!
    Minha história é MUITO parecida com a sua..só que atualmente ainda não tenho uma boa relação com o meu pai.

    Um abraço bem forte e parabéns conseguir gravar isto.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Grace!! Beijos! <3

  101. Responder

    Nanda Pereira

    26 de fevereiro de 2013

    Assistindo esse vídeo eu conheci a G Flores além da blogueira.
    Me emocionou e muito. Que bom que você viu que Deus tem planos muito maiores além do que a gente imagina. Se sinta abençoada por ter ao seu lado alguém que ama e é reciproco.
    Comigo foi diferente, foi um ex namoro muito turbulado , do qual eu sofri muito e sai me sentindo um lixo do relacionamento. Mas Deus com todo seu amor e cuidado, colocou no meu caminho alguém melhor do que um dia eu havia pedido pra ele. Que hoje eu posso dizer que é o amor da minha vida. Vamos no casar ano que vem e eu estou mega feliz!!!
    Tudo de bom para você. Beijos

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Nanda!! Parabéns! Que Deus abençoe muito seu casamento! :DD

  102. Responder

    Sibele

    26 de fevereiro de 2013

    Hoje eu venho te parabenizar, não pelo blog que eu amo, mas pela pessoa que vc é – linda por dentro e por fora.
    Meu filho tem 5 anos e qdo ele tinha 3 meses o pai dele foi embora e não temos mais contato… eu sei que qdo ele crescer ele pode ter esses sentimentos que vc menciona no video, mas vendo vc e alguns exemplos de outras pessoas que cresceram sem a presença do pai e se tornaram adultos honestos, felizes e gratos pela vida que tem sinto que devo continuar lutando pela criação dele pq um dia tudo valerá a pena.
    Parabéns pela coragem!!! Deus esteja sempre com vc e sua familia.

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Sibele, com certeza vai valer! E pode confiar que seu filho será uma pessoa incrível e que te valorizará para sempre! :D

  103. Responder

    Ludimila França

    26 de fevereiro de 2013

    Engraçado que sempre me identifiquei com você e no fundo nem sabia o porquê. Sempre venho ao blog, mas a coisa mais rara é comentar, na correria acabo deixando pra lá. Mas hoje tinha que deixar registrado o quanto me identifiquei com a sua história, que é a minha. Entendo perfeitamente tudo que você falou. Passei parte da minha vida achando estranho a intimidade das pessoas com seus pais, afinal, eu não sabia e nunca soube o que era ter um, mesmo tendo. E um dia decidi fazer terapia para me libertar dos fantasmas. Hoje vivo bem comigo e tenho um marido que amo muito e me faz acreditar todos os dias o quanto é possível amar e ser amada. G, desejo uma vida de felicidade à vc! Parabéns pela coragem de expor tão maduramente uma parte triste da vida.
    Prometo comentar mais, pois estou aqui todos os dias! Beijos, Ludi =)

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Oi Ludi, fico feliz que você tenha comentado! E comente mais vezes!! É muito bom saber o que vocês acham das postagens! <#

  104. Responder

    Lais Miura

    26 de fevereiro de 2013

    Escutar voce me fez lembrar do meu pai, que se foi em 2011, sempre foi um exemplo para mim, para a minha familia, era um otemo marido, pai, amigo, porém hoje me faz uma falta enormeeeee, não há nem palavras para descrever o que essa ausencia significa na minha vida, a dor que eu sinto todos os dias e isso não difere da dor que vc sentia, a falta sempre será a falta. Mais realmente DEUS tem um propósito muito grande, assim eu acredito também, que algo de muito bom está para acontecer para mim, para VOCE e para todos que acreditam. Com certeza voce deve ser uma ótima esposa e será uma ótima mãe, espero G que você seja muito feliz, muito mesmo! <3

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Laís!! <3 Beijos

  105. Responder

    Marina

    26 de fevereiro de 2013

    G,
    Lindo o vídeo. Acompanho seu blog há muito tempo e nunca vi um vídeo tão sincero, emocionante. Pode ter certeza que vc ensinou muita gente com o que você aprendeu. E que fez sentido pra muita gente que nao só teve uma historia parecida com a sua mas também outros problemas como vc mesma disse. Deus tem um plano maior. Hj eu também entendo e acredito muito nisso.
    Obrigada por dividir sua historia e um pouco do que vc aprendeu com a vida.
    Que seu casamento seja abençoado e eterno.

    bjs

    • Responder

      G Florees

      28 de fevereiro de 2013

      Amém! <3

  106. Responder

    Daniele

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa G, muito lindo o seu vídeo!
    Me emocionei, de verdade, pois a sua história é muito parecida com a minha, tenho medos, as vezes sinto que não to preparada pra nada. Meus pais tbm são separados, e ele tinha problemas com bebidas, sofri muito, tantas brigas presenciei, masss…tudo passa e isso nos leva a ter uma lição de vida. Realmente Deus sabe de tudo! Bjossss

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      É verdade, Dani! Tudo é ensinamento! <3

  107. Responder

    Daniela

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa G,

    Fiquei super emocionada com o seu vídeo, e chorei uns dois litros rs.
    Eu sei muito bem a falta que um pai e uma família faz na vida da gente, eu perdi o meu pai há quase 3 anos, e sinto muita sdds da minha família reunida, infelizmente não poderá se reunir de novo.
    Mas, como vc eu acredito que DEUS tem um plano melhor para todos nós, e que todo o sofrimento acaba gerando um amadurecimento muito grande.
    Foi muito bom ver o seu vídeo com certeza só veio para agregar coisas boas.

    Bjs e fica com Deus!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém, Dani! Você também! <3

  108. Responder

    Ana Carolina

    26 de fevereiro de 2013

    G, me identifiquei demais com sua história, passei pelos mesmos medos e angustias que você tambem passou. Meus pais se separaram quando eu tinha 07 anos e não foi uma separação amigável, tranquila. Também, achava que o que aconteceu com eles aconteceria comigo e me senti muito insegura quando me casei.
    Com o tempo, mas muito mais com a ajuda de Deus, fui superando os meus medos e, assim como você, fui enxergando que Deus tem planos de felicidade para mim!
    Parabéns pela disponibilidade de tocar num assunto tão pessoal. É preciso coragem para isso…você é corajosa G =) e tenho a absoluta certeza que Deus está escrevendo lindamente a sua história com seu esposo e, mais na frente, com seus filhos.
    Adorei o vídeo…é o melhor que você já postou até hoje! Bj

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém, Ana!!! Beijos e fique com Deus! :D

  109. Responder

    Rubia

    26 de fevereiro de 2013

    Ge, pode acreditar, eu também chorei. Não passei pela mesma situação que vc, mas o seu video, a sua história, nos diz que se temos é para valorizar. Que Deus cubra com alegria essa mágoa do passado, que vc seja muito muito muito feliz!!!

    Bjs

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Amém e obrigada, Rubia! <3

  110. Responder

    Juliana

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, Graças a Deus minha familia e maravilhosa !!Mais cada dia mais te admiro pela sua coragem de mostrar um pouco da sua vida na internet !!G, você pra nós suas seguidoras e mais que uma blogueira uma Guru de maquiagem você e uma irmã que já faz parte da nossa vida !!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Own, que bom saber disso, Ju! Fico muito feliz! Obrigada! <33

  111. Responder

    Monica Souza

    26 de fevereiro de 2013

    nossa chorei :'(
    G, qual é a sua religião?
    Vc frequenta alguma igreja? Qual?

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Sou cristã e vou na Vineyard! :) Beijos

  112. Responder

    sara

    26 de fevereiro de 2013

    Que linda história G, que Deus continue te abençoando cada dia mais, e é muito bom saber que existe uma blogueira que fale do amor de Deus por nós, beijinho no seu coração!!

    • Responder

      G Florees

      27 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Sara! Beijos!

  113. Responder

    vane lima

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, fiquei muito emocionada com o seu video.
    Assisti o video, sai do blog pra me distrair, e nao conseguia fiquei pensando e relembrando momentos… e resolvi comentar!
    Meus pais se separaram quando eu tinha 8 anos de idade, na epoca foi bastante conturbado como qlqr separação onde um membro do casal nao esta de acordo.
    Cresci num ambiente de rincha e rivalidade entre meus pais, mesmo estando separados continuavam brigando. tudo isso afetava meu rendimento escolar e meu comportamento; fui bastante rebelde na minha adolescência, fugi varias veces de casa e vivia mais na casa de uma amiga que na minha propiá casa. Minha relação com meu pai era monetária e com a minha mãe era bastante conflitiva
    Eu tinha a sensação que meus pais estavam mais preocupados em resolver as suas vidas amorosas cm terceiros q com seus filhos.
    Situacoes da vida nos reaproximaram. Minha mae decidio tentar a vida em outro pais me trazendo junto, isso nos unio, nao recuperamos nossa relacao de mae e filha mas nos tornamos bastante amigas e companheiras. Meu pai ano passado teve um AVC, e so assim nos amigamos depois de muito tempo que nao nos falavamos!
    Deus ta cuidando da minha ferida! Acho isso importante, cuidar da ferida e tentar viver a vida sem rancor, sem magoas pra ser feliz!!!
    A um mes eu me casei, e assim como vc tbm desejo uma família feliz e estável!

    TE DESEJO MUITAS FELICIDADES E QUE TODOS OS SEUS SONHOS SEJAM ALCANÇADOS!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Aaah, que sua família seja sempre muito unida e feliz!! Beijos, Vane! <3

  114. Responder

    Amanda do Carmo Carvalho

    26 de fevereiro de 2013

    Muito lindo o seu depoimento! Sei muito bem o que você viveu porque passei por algo muito parecido. Meus pais se separam qdo eu tinha 9 anos e minha mãe decidiu morar em MG e levar eu e meu irmao juntos (meu pai ctnuou morando em SC), e infelizmente tão pequenos fomos obrigados a aprender a lidar com a ausência, com a saudades e outros sentimentos que magoam. Mas eu entendo que tudo na vida tem um porque! Com certeza tda a dificuldade que você passou fez de você uma menina mais madura, mais pé no chão e determinada. A vida exigiu da gente saber lidar como adultos com uma situação quando ainda eramos criança, mas com certeza isso faz com que hoje quando somos adultas exerguemos coisas com o coração de uma criança! Sem contar claro do amadurecimento e do valor que damos em ter momentos ao lado do pai e da mãe da gente!
    Pedras infelizmente vão sempre surgir no caminho da nossa vida e sabio será aquele que conseguir juntar todas essas pedrinhas e formar uma escada para chegar cada dia mais longe! E tenho certeza que essa sabedoria você tem, percebo só pelo seu carinho e dedicação a esse blog!
    Parabens pelo seu depoimento e acima de tudo muito obrigada por me mostrar que vocês blogueira que tanto amamos, são gente como a gente! Beijosss

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Own, fofa!! Somos gente como vocês sim! Temos muitos problemas, é normal! Beijos e obrigada pelo carinho! :D

  115. Responder

    Desirée Ortwein

    26 de fevereiro de 2013

    G,
    eu amei seu vídeo tocou realmente bem lá no fundo. Meus pais se separaram quando eu tinha 6 pra 7 anos na época eu tive muito dificuldade em relação a escola eu era a primeira em terminar os trabalhinhos e quando isso aconteceu eu me desmotivei bastante uma das minhas professoras, na época, pra minha mãe que não queria eu na sala dela porque eu era muito lerda e não conseguiria nem terminar a 4 série. Realmente Deus tem planos muito maiores em nossas vidas hoje eu estou cursando Nutrição numa faculdade Federal aqui na minha cidade e o meu maior sonho é me casar e ter minha família na presença desse Deus maravilhoso!!
    Beijos linda fica com Deus =D

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Com certeza você terá uma família linda! Beijos! <3

  116. Responder

    Tatiane Hsu

    26 de fevereiro de 2013

    G, comecei a acompanhar seu blog um pouco antes de se casar, e como foi o ano do meu casamento também, achei tudo aquilo muito interessante e não desgrudei mais do blog.
    Enfim, o que quero na verdade te falar é que, não sei se você tem noções de que nesta pequena tag, Deus usou a sua vida para falar com muitas pessoas.
    Tenho um casamento abençoado e seu o quanto foi difícil alcançar esse “patamar”, é por isso que desejo o Deus abençoe a você e seu marido com muito amor e sabedoria.

    É um prazer ler seu blog.

    Bjos

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Amém, Tati!! Beijos e obrigada! <3

  117. Responder

    Karla

    26 de fevereiro de 2013

    Me vi em todas suas palavras!!!
    Por incrivel estou na mesma situação, tenho pais separados desde pequena, nao tive meu pai presente na minha vida.
    Hoje namoro a 4 anos e quando o assunto é casamento me desespero. Sempre falei que nao quero isso pra mim, por que tive o maior exemplo de separação que foram com meus pais e nao quero passar por isso também.
    Sei que nao é por que aconteceu isso na vida deles que vai acontecer na minha também, mais é complicado.
    Sempre achei que isso era um trauma meu e que so eu pensava assim.
    De todo o coração, eu amei seu video!
    Obrigada por todas as palavras!!!!

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Sim, é complicado mas você precisa acreditar e se arriscar, só assim você vai conseguir o que sempre quis! :DD Beijos

  118. Responder

    Núbia Rodrigues

    26 de fevereiro de 2013

    Poxa G, eu graças a Deus sempre tive uma família maravilhosa, mas o que você disse nas entrelinhas é muito lindo e tocou no fundo do meu coração, as inseguranças e dúvidas que me cercam agora, a quase desistência e você vem e me diz: “Deus tem um plano”. G só posso dizer obrigada por ser tão maravilhosa com seu público e nos ajudar de tantas formas. Você é um ser iluminado e eu tenho certeza que Papai proverá na sua casa, na sua família. Todas as bençãos do mundo e mais uma vez obrigada por tudo. Beijos.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Núbia! Muito obrigada! <3

  119. Responder

    Bianca

    26 de fevereiro de 2013

    G, que lindo seu depoimento e que aprendizado o seu! Obrigada por partilhar conosco esse aprendizado! Deus abençoe sua família! Deu muita vontade de te dar um abraço bem apertado em agradecimento, por isso, sinta-se abraçada. Beijos!!!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Eu me sinto, Bianca! Pode ter certeza! <3

  120. Responder

    Amanda Oliveira

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Gê!
    Amei o video, sempre te acompanho aqui, no twitter e insta e hj vim comentar!

    O que vc passou eu me identifiquei mto, meus pais tbm se separaram qndo eu tinha 11 anos, e aos 14 anos perdi miah mãe e fui morar com uma tia e fiquei 3 anos sem contato com meu pai… tudo isso foi mto doloroso e eu dizia pra mim msm q seria indepentende e nunca me casaria.
    Tenho 21 anos e sou independente, mas namoro a 4 anos e amo mto meu namorado! Vivo insegura tbm com a “eminencia” de um dia casar ainda mais pq ñ terei a presença da minha mãe qu faz tanta falta!!
    Recentemete passei por algumas decepções com a familia do meu namorado, o que fez pensar em termina tudo msm o AMANDO mto!!
    Obrigada pelo video, vc me ajudou a ver o que eu realmente quero é construir uma familia e superar tudo o que estou passando!

    Bjs!
    Sua fã!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Que bom que o vídeo te ajudou, Amanda!! Fico muito feliz, beijão! <3

  121. Responder

    Cristiane

    26 de fevereiro de 2013

    G,

    você é REALMENTE INCRÍVEL.

    Foi o Espírito Santo que te inspirou a tocar tão profundamente e, quem sabe, curar o coração de muita gente que assistiu esse vídeo. Não necessariamente, ter pais separados, mas outras situações da vida. Sua sinceridade e entrega fizeram o dia de muita gente melhor e cheio de esperança, uma sensação de merecimento em aceitar as bençãos de Deus em nossas vidas. Em tomar posse delas, em aceitar o presente.

    Eu desejo, sinceramente, que você receba um pouco do muito que você proporcionou hoje pra muita gente, inclusive eu.

    Um beijo e tudo de melhor na sua vida!

    Que Deus abençoe essa família linda que está sendo construída por você e seu esposo =)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Cris!! Muito obrigada pelo comentário! <3

  122. Responder

    Ligia

    26 de fevereiro de 2013

    Me emocionei demais com você. Vivi (e vivo) a dor da separação dos meus pais também e é engraçado como evito o assunto até por não querer magoá-los, sabe? A gente sente culpa pela separação e sente culpa por sofrer e assim tornar a coisa ainda mais difícil…

    Uma coisa que aprendi só quando me casei foi que marido e mulher podem ser amigos também. Como não via uma relação cúmplice entre meus pais, eu achava que amor e amizade não combinavam. Que estar junto era muito mais uma obrigação do que um prazer. E graças às linhas “tortas” que você citou no vídeo, pude aprender com meu amor que casamento também se faz de amizade e risadas, confidências e carinho. Certamente valorizo muito mais minha relação porque vivi o que vivi.

    Obrigada mesmo pelo vídeo, que Deus ilumine você sempre.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Ligia! Você também! <3

  123. Responder

    Priscilla

    26 de fevereiro de 2013

    G, que video bonito e emocionante para quem viveu também numa família quebrada. Hoje eu tenho a minha família unida com duas filhas e tentando sempre acertar.
    bjs

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Pri, que bom!! Fico muito feliz por vocês! <3 Beijos

  124. Responder

    Bianca Fernandes

    26 de fevereiro de 2013

    Chorei junto ='(
    esse vídeo serviu mto para mim, não pelo mesmo motivo que o seu (dos pais, os meus estão bem juntos) mas estou passando por um momento difícil, de decepção/desilusão com algumas pessoas em que confiei…e sim Deus tem um plano para nós! Acreditar nsso faz eu me sentir mais forte =)

    Felicidades!!!! Adoro vc!

    PS: Por isso estava sitando em suas publicações no Insta e na Fan: see heaven’s got a plan for you (amo essa música é linda e verdadeira)

    Bjosss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Sim, adoro essa música e essa frase principalmente! <3

  125. Responder

    Denise

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G! Chorei até com seu vídeo em parte porque sou chorona mesmo e também por contemplar a maravilha que Deus opera na vida das pessoas, basta elas abrirem o coração e deixar Deus agir! Meus pais não são separados, estão casados há mais de 30 anos e são um exemplo pra mim de como manter um bom relacionamento. Mas eu conheci meu marido num momento muito difícil pra mim e eu jamais o teria conhecido se não tivesse passando por este momento, e eu entendo quando vc diz que Deus tem planos maiores para nós….Meu marido é uma benção na minha vida e eu glorifico a Deus por Ele me guiar e fazer sua vontade em mim!! Grande beijo pra vc!!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Denise! Que bom você ter encontrado uma pessoa tão especial, fico feliz por você! :DD

  126. Responder

    Carolina Medeiros

    26 de fevereiro de 2013

    Ai G, chorei demais com esse video, porque com você falando de Deus, do seu marido, do amor e dessas coisas lindas, eu só pensei no que eu to vivendo agora. Eu e meu namorado namoramos mais de três anos e agora infelizmente terminamos. Não por conta de mentira, de traição, de falta de amor, mas sim por conta que nós não soubemos administrar tudo nas nossas vidas juntos sabe. Muitas brigas bestas e por motivos sem sentido algum desgastaram nosso namoro e parecia que tudo era a gota d’agua. Nós nos amamos e eu sei disso, porque eu nunca senti nada disso por ninguem, e no meu coração eu sei que ele é o amor da minha vida, com quem eu quero passar o resto dos meus dias. Sabe quando você olha pra uma pessoa, está com ela e aquilo parece a melhor coisa do mundo, amar e ser amado? É assim. Todos os dias eu pergunto, meu Deus, o que você esta guardando pra nós? O que você quer nos mostrar? É muito dificil na hora da dor, mas Deus é uma fortaleza que te protege quando voce passa por momentos ruins, de angustia, tristeza, dor e desilusão. Como voce disse, ele deve ter planos tão grandes pra nós que nem conseguimos imaginar o que seja, como vai ser… Vendo voce se abrir assim, me deu vontade de faar também. Eu sinto que esse amor nao vai morrer, e tenho muita esperança que a gente volte, por que é ele que eu quero fazer feliz e amar pra sempre. Sua historia me emocionou muito. admiro ainda mais voce

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Carol, talvez esse tempo separados seja para algum fim, que vocês não entendem agora, mas que fará toda a diferença no futuro! <3

  127. Responder

    Carolina Toniolo

    26 de fevereiro de 2013

    Nem sei como começar porque durante o vídeo pensei em tantas coisas pra comentar. Eu tenho certeza que você e seu marido serão muito felizes num relacionamento duradouro <3
    Sempre me achei muito parecida contigo, vai ver que é pq a gente faz aniversário no mesmo dia haha e ver esse vídeo diferente de todos os outros que você fez, sobre um assunto que meche muito comigo tbm me fez chorar tudo o que você segurou -oumais- mesmo com rímel lavável! haha Ontem mesmo eu tava brava com o meu pai, brava de verdade, por besteira. Às vezes nós temos tudo e não damos valor, a verdade é que eu sou grata a vida que tenho e você tem que ser grata a vida que tem e que teve, mesmo como seu pai ausente, porque veja só como esse vídeo, hoje, inspira e ainda irá inspirar muitas pessoas pelo mundo. Sem sua história complicada e sem a superação, eu não estaria pedindo perdão pelas besteiras que pensei ontem e, tenho certeza, que muitas pessoas estão. Eu tenho apenas 17 anos e tenho certeza que não sei nada da vida ainda, mas tenho uma avó muito doente e que não se ajuda, ela quem me criou e eu a ouço pedir todo dia pra morrer. Isso me magoa muito e como você eu nunca falei disso pra ninguém. Te ouvir dizer que Deus tem um plano maior foi como recarregar minhas energias. Eu só tenho a te agradecer, não só por ter melhorado consideravelmente minha habilidade com maquiagem, como também por ter me feito enxergar o que eu não pude ver sozinha. Parabéns pelo blog e pela superação. Tenho absoluta certeza o plano de Deus para você é MUITO maior, porque pessoas com bondade nos olhos, como você, merecem mais que o mundo. Eu já dizia pra as minhas minhas amigas que você é minha "diva da make" agora você tá "divando" em tudo! hahahaha <3<3<3<3

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Carol, muito obrigada pelo comentário!! Fico feliz que você tenha repensado essa briga com seu pai! <3 Beijão!

  128. Responder

    Carolina Medeiros

    26 de fevereiro de 2013

    g, que video emocionante. vc e muito linda e muito admirável como mulher. deus abençoe voce sempre. bjo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Carol! <3

  129. Responder

    Viviane Andressa

    26 de fevereiro de 2013

    Muito lindo o vídeo!
    Chorei muito, sério mesmo, fiquei muito emocionada e Deus falou muito cmg.

    Meu desejo a vc é q vc tenha uma família linda e unida.

    Bjo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Viviane! <33

  130. Responder

    Bruna Braga

    26 de fevereiro de 2013

    Com tantos comentários lindos, achei que você não precisasse de mais um, mas mesmo assim resolvi escrever, vai ser bom pra mim também.
    Vivemos em um mundo pautado na felicidade pré-moldada, ou seja, criam modelos de felicidade e nos fazem acreditar que só seremos felizes se seguirmos esses modelos, um dele é de que família feliz, é família debaixo do mesmo teto e nem sempre é assim, ás vezes a males que vem para o bem, pode ser que se seus pais tivessem ficados juntos vc tivesse vivenciado momentos ruins, então como vc disse, Deus tem um propósito para cada um e ele escreve certo por linhas tortas, tem coisas que nunca vamos entender, mas que é melhor assim.
    A felicidade está dentro de cada um, por isso devemos olhar para dentro e olhar para o próximo para encontrá-la. Nessa vida é necessário fé, força e coragem, pois ela não é tão simples para ninguém, então fé para entender o inexplicável, força para lutar e ir em busca dos ideais e coragem para não desistir.
    Um abraço forte, G.
    Bruna Braga

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada pelas palavras, Bru! <3

  131. Responder

    Yasminn

    26 de fevereiro de 2013

    Oi, G! Conheço seu blog tem bastante tempo, desde a época dos preparativos do seu casamento… mas ano passado era meu ano de vestibular e acabei desaparecendo. Agora posso dizer que, por vontade de deus, hoje resolvi voltar pra minha conta do youtube e lá estava esse vídeo. Meus pais se separaram quando eu tinha 4 anos por causa de traição da parte dele, que acabou indo morar no exterior. Mantive contato com ele apenas por telefone, ele sempre buscou estar “presente” mas você vai me entender, é exatamente o que você falou, eu sempre senti falta de ter pai e mãe dentro de casa, de ter alguém pra ter ciumes dos meus namoradinhos de escola, e no meu caso G, eu nem tinha quem fosse as minhas apresentações do dia dos pais (que sempre foi uma tortura). Eu chegava em casa com o presentinho feito na escola e jogava no lixo. Muitas coisas aconteceram e acabou que desde 2 anos atrás eu não falo com o meu pai, por opção minha. E eu nunca havia pensado dessa forma como você expos no video, mas eu sempre disse G, “nao quero casar, nao quero filhos” e agora eu entendo que isso é devido a tudo que eu vivi e vi a minha mae passar e ralar pra me criar. Eu ainda acho que não nasci pra isso, que não tenho vocação, mas deus tem um plano pra mim tambem, certo? (‘: O fato é que meu pai fez muita coisa errada, mas hoje, vendo o seu video, pensei bastante e resolvi que vou procula-lo naquele velho endereço de email depois de dois anos sem contato algum. Vou expor tudo o que sinto e estou dizendo aqui, vou mandar seu video pra ele, e vou dizer que apesar disso tudo ele nunca deixou de ser o meu pai. OBRIGADA! Se sua vontade era inspirar, você inspirou.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Yasminn, que lindo isso! Fico até emocionada que meu vídeo, tão curtinho e contando uma coisa da minha vida, te fez enxergar e repensar sobre o seu relacionamento com seu pai! Fico muito feliz! Com certeza Deus vai ver seu esforço e te trazer conforto! :DD

  132. Responder

    Camila

    26 de fevereiro de 2013

    Muito lindo seu vídeo!
    Fiquei emocionada…
    Você merece uma vida cheia de amor, e como você disse para fazer dar certo depende muito das duas partes quererem.
    Casamento não é fácil, mas a gente vai se acertando, corrigindo e seguindo em frente sempre melhorando.

    Tudo de melhor para vc, Gê!

    Beijõesss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, Camila! Beijos e muito obrigada! :DD

  133. Responder

    NATIELE

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, primeiramente parabéns pelo seu vídeo, foi o mais lindo que já vi.

    Então… Pior que pais separados, são pais que vivem juntos e não se dão, meu pai bebe muito, chega, briga, bate na minha mãe, até que chegou em um certo ponto que vim morar com meus avós, é muita, tristeza, angústia.

    Namoro há 5 anos, e não penso em casar por medo de passar pelo mesmo que minha mão, mais como vc disse, Deus sempre tem um plano maior, então me apeguei a Ele, e um dia vencerei.

    Felicidades e que Deus ilumine seus caminhos, bjo.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Natiele! Um dia você será muito feliz e terá aprendido muito com o que você passou! :D

  134. Responder

    Karina Fainer

    26 de fevereiro de 2013

    Emocionada com seu video, vc é linda e merece uma uma vida abençoada e uma família linda.=)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Karina! <3

  135. Responder

    kauana

    26 de fevereiro de 2013

    G amei seu vídeo o seu desabafo, sempre achei você muito fechada com relação a vida pessoal aqui no blog, mais hoje me admirei com sua coragem de falar o que passou na sua infância.. parabéns pelo vídeo e que Deus lhe de tudo de bom pra sua família.. Bjo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Kauana! <3

  136. Responder

    Gabriela Damasio

    26 de fevereiro de 2013

    G. me emocionei muito com seu video!
    Obrigada por compartilhar sua experiência..

    Eu também acredito que não devemos nos conformar com nada nessa vida, se acreditamos e sonhamos, tenho certeza que conseguimos!

    beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, Gabi!! Beijos! <3

  137. Responder

    Ya

    26 de fevereiro de 2013

    Me identifiquei muito !
    Eu cresci com meus pais casados e talz, com a ideia e família presente, e lá pelos meus 11/12 anos meus pais começaram a se desentender e brigar MUITO,e eles achavam (e ainda acham) que eu nunca soube de nada,mas eu sabia, ouvindo atrás da porta,e percebendo na linguagem corporal dele,afinal eu posso ser nova (tenho 16 anos) mas não sou cega,sabe ? Hoje,eles ainda moram juntos,e fingem que são um casal (por mim,provavelmente) mas não são felizes juntos,vivem brigando,e nem dormem mais no mesmo quarto. E ainda acham que eu não sei de nada :(
    E isso me fez desacreditar no amor, porque se duas pessoas se amaram por anos,e no final acabaram brigando, então o amor não dura pra sempre.
    Então,acho que eu tenho medo até de namorar,e casar,porque vai acabar um dia então ?
    E isso que você falou de “se não deu certo pros meus pais, não significa que não vai dar certo pra mim” realmente me faz pensar.
    Lindo vídeo G,obrigada por faze-lo :)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Ya, por que você não tem uma conversa séria e madura com a sua mãe? Diz pra ela que você sabe o que tem acontecido e que você vai ficar do lado dela, no que for melhor para os dois. Nem sempre os pais estão felizes enquanto mantém um casamento apenas por amor aos filhos, né? Existem casos e casos e acho que vale a pena você expor isso para eles! :)

  138. Responder

    Ana Martins

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G!!!
    Se eu dizer que lágrimas se derramaram ao ver seu vídeo vai paracer muito clichê? rsrsrs….

    Bom, eu sei o que é ter pais separados. Os meu se separaram quando eu tinha apenas um ano, por isso não tenho essa memória de pai e mãe na mesma casa… quer dizer… mais ou menos….
    Se por um lado perdi essa convivência, por outro, ganhei uma. Anos depois, minha mãe casou de novo, e esse novo homem que chamo carinhosamente de Tio Anjo, passou a ser meu segundo Pai. (Tanto é que no meu noivado, meu Noivo pediu minha mão para os dois).
    Considero meu padrasto um pai (mesmo tendo se separado da minha mãe a pouco tempo, mas o contato/visita/telefonemas e tudo mais continua).
    E quanto a relação com meu Pai biológico. Não poderia ser melhor. O amooooo demais, e ele sempre esteve presente. Nunca me encanei se um dia por qual motivo for ele não pode me buscar. Normalmente eu ficava com ele de 15 em 15 dias.
    E até hoje é assim. Estou morando com meu noivo (uma relação que vai completar 9 anos), e mesmo assim vou na casa do Papis de 15 em 15 dias.
    Sempre fui muito bem resolvida em relação a isso, minhas amigas sempre falaram….
    Sabe pq? Pq Deus quis que fosse assim. Ele sempre soube que assim seria o melhor, pra mim e pra todos. Acho que até se fosse diferente, seria mais dificil.
    Amooooo ter sido criada assim, e issom não me magou em nada.
    No final tenho dois pais, uma mãe guerreira e uma irmã do segundo casamento do meu pai que eu amooooo. Um irmão de considreção filho do meu padrasto, um sobrinho de consideração. Um amor com quem resolvi morar…. e monte de outras coisas.

    Minha história é bonita, por ser assim, minha, do jeito que Deus quis!!!!!

    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, Ana! Cada um tem sua história e faz dela o que quer, né? Se você quisesse que fosse uma história ruim, talvez você conseguisse, mas você quis ver o melhor de tudo!! Parabéns!! Beijos <3

  139. Responder

    Carla Lima

    26 de fevereiro de 2013

    Ow G que especial esse vídeo! Muito legal a tag! Foi muito emocionante! Eu já vi que muuuuita gente comentou e tenho certeza que Deus falou com muita gente através da sua experiência! Que Ele continue te abençoando e que vc possa ser luz onde for! bjoo grande!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Carla! <33

  140. Responder

    Pietro do Carmo Limone

    26 de fevereiro de 2013

    Me emocionei junto com você Gê! A gente de fora, que lê o blog, não só seu como o da Pri também pensamos que vocês tem a vida perfeita, não tem problemas, nem nada, mas depois de ver o seu vídeo e o da Pri é onde percebemos que ninguém é perfeito, mas podemos ser se quisermos, quero dizer, que com força podemos fazer o que quisermos. Te desejo tudo do melhor, e tudo de bom, a partir de agora levo a frase: “Deus tem um plano muito maior pra você” pro resto da vida. Obrigado por ter se aberto e compartilhado conosco sua emoção, te amamos Gê! Beijo.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Pietro, é verdade, né? A gente sempre olha as pessoas e acham que a vida delas é incrível e a nossa não! Mas todo mundo tem problemas e passa por coisas ruins, tem quem exponha isso e quem guarde para si, mas essas situações são necessárias para moldar o caráter de cada um! :D Beijão!

  141. Responder

    Nanda Andrade

    26 de fevereiro de 2013

    G, me emocionei com o seu vídeo… Confesso que tô de TPM e bem sensível, mas não foi por esse motivo que me emocionei… Quando eu tinha quatro ano de idade, meus pais também se separaram e eu sempre pensava que “só eu sei o que eu sinto com isso…”, com o seu vídeo percebi que não sou “só eu”. Hoje eu cresci, tô planejando meu casamento, tô fazendo minha monografia de fim de curso sobre isso, sou uma adulta bem resolvida e sem mágoas, Graças a Deus. Parabéns pela coragem de expor isso em vídeo, eu te digo com convicção que sei o que você sente. E espero do fundo do coração que tenhamos famílias abençoadas e felizes, afinal, merecemos demais! Beijão e se já te acompanhava e gostava do seu blog, agora sou sua fã! :*

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      AMÉM, Nanda!!! Tudo de melhor para nossas famílias! <3

  142. Responder

    Marcelle

    26 de fevereiro de 2013

    Visito seu blog há algum tempo e estou encantada com seus tutoriais, pois no começo não gostava mt deles mas agora estou adorando, acho que você melhorou um monte e esta fazendo maquiagens lindas *-* Continue assim, e ahhh, volta com as teorias de pll please :( to com saudades hahaha bjsss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Marcelle, eu não assisto mais! =(

  143. Responder

    Vanessa Melo

    26 de fevereiro de 2013

    Adorei o seu vídeo! Eu vivi algo parecido, mas infelizmente meu pai nunca me procurava, e nunca procurou. Sempre me senti a culpada da separação, do sofrimento da minha mãe. E também como você não queria me casar, tanto que eu preferi já morar junto. Mesmo sem a benção de Deus, eu sei que foi isso que ele traçou para mim, e eu e meu “namorido” lutamos todos os dias para que dê certo (os pais dele também são separados). Seu vídeo foi muito emocionante, só não chorei por que estou no trabalho e tive que me conter. Felicidades!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Vanessa, que bom que você gostou do vídeo! Tenho certeza que você será muito feliz! :DD

  144. Responder

    Lissa

    26 de fevereiro de 2013

    G, brigada de verdade.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Imagina, Lissa! <3

  145. Responder

    Patricia Soares

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa G sem desmerecer os outros, mas de todos os vídeos do blog da Flávia o seu foi o mais emocionante …
    Tão bom ver que você “agora” sabe que sim, existe família completa e feliz … e óoo Deus já planejou pra você essa família tenho certeza.
    Sou casada tenho 1 bebê que está completando 09 anos hoje kkk e sou muito feliz, você vai ver quando os seus nascerem que não existe amor maior.
    Seja feliz garota! Vc e sua família linda!!!
    beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Paty! Tudo de bom para você e sua família! <3

  146. Responder

    Andressa Mesquita

    26 de fevereiro de 2013

    Super me identifiquei com a sua história G, os meus pais não são separados, mas eu cresci num ambiente familiar complicado, eu sei o quanto os meus pais lutaram e batalharam para construir e solidificar esse amor e a família que agente tem hoje. E por mais que no passado fosse difícil, hoje eu tenho um sonho de poder construir um amor igual o deles, um amor que segue forte por 25 anos depois de enfrentar tudo e todos. Então eu só tenho que agradecer a Deus por tudo, afinal ele nunca nos dar um peso que não possamos carregar… ;) ;)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Andressa, que legal que você se identificou, as vezes a gente acha que só nós temos problemas e, depois, vemos que todo mundo tem algo para contar, né? :)

  147. Responder

    Jessica J

    26 de fevereiro de 2013

    Lindo esse vídeo!! Me emocionei ao ver… Parabéns a Flávia e GFlores (lindonas!)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Jéssica! <3

  148. Responder

    Stefane Stefanelli

    26 de fevereiro de 2013

    Lindo seu video! Também me emocionei, apesar de nao ter os pais separados, sou mãe, meu filho tem 8 meses, e eu fiquei pensando que quero que meu filho tenha uma familia igual eu tive! Obrigada, me casei quando soube que estava gravida, nao foi nada planejado, e agora começamos a ter umas brigas bobas, e eu ja estava ficando de saco cheio sabe? Mas agora vendo seu video coloquei a cabeça no lugar, me ajudou! Viu? Aprendi com você que Deus sempre tem um grande propósito na nossa vida! Obrigada linda! Felicidades :)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Stefane, que bom que meu vídeo fez você repensar!! Fico muito feliz! Que Deus abençoe sua família! <3

  149. Responder

    Lidiane

    26 de fevereiro de 2013

    G, sem palavras…
    Passei toda minha infancia e adolescencia com meus pais, eles se separaram quando eu tinha 19 anos, mas… como posso dizer… não acho que a separação seja uma coisa boa, mas no meu caso seria melhor que a separação dos meus pais tivesse vindo antes (pelo menos é isso que imagino), pois convivi minha vida inteira com brigas intensas, ofensas, gritos, ameaças, chantagens, traições, etc., e tudo isso marcou muito minha vida… minha mãe nunca foi minha amiga, nunca conversou nem o básico comigo e isso me afeta até hoje, meu pai deixava nos faltar não só carinho, mas tbm muitas outras coisas que ele deixava de fazer ou comprar de propósito, parece que como castigo, só não sei se o castigo era pra mim e minhas irmãs, ou pra minha mãe…
    Enfim, hoje sou casada a 6 anos, tenho dois filhos lindos, e penso exatamente como vc, quero que eles tenham uma familia feliz, um lar saudável, pais com quem eles possam contar sempre, procuro ser uma mãe melhor a cada dia, e não cometer os erros que meus pais cometeram…
    Minha historia é diferente da sua, um outro lado eu acho… mas tbm aprendi muito..
    Adorei saber um pouco mais de vc G!
    Bjos..

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Lidiane, fico feliz que você tenha superado isso e que hoje acredite no casamento! <3 Beijão!

  150. Responder

    Daniela Paschoalin

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa, quanta emoção G!!!!
    São por essas experiencias que nos tornamos pessoas melhores! Vc é uma guerreira!
    Bjos!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém!!! Beijos, Dani! <3

  151. Responder

    Ana

    26 de fevereiro de 2013

    Que lindo !!! Amei esse vídeo. Chorei mt agora …. Com certeza me fez pensar em mtas coisas meus pais não sao separados mas eu vi varias fazer isso acontecer perto de mim com amigas e familia . E isso aí devemos dizer sim ao plano de Deus e fazer o máximo pela nossa familia . Um beijao e mtas felicidades pra vc e pra sua familia

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Ana! <3

  152. Responder

    Nayra Gracia

    26 de fevereiro de 2013

    Olá, G!

    Seu video foi o mais tocante pra mim. Assim que começou a contar comecei a chorar junto com você.
    Passo por uma fase bem complicada na área profissional… Fui tão magoada que passei acreditar que o que mais amava na vida eu não sei fazer.
    Que bom que você consegui e consegue todos os dias superar.
    Eu ainda estou buscando essa superação.

    Obrigada pro comprtilhar conosco sua história.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Nayra, nunca deixe que nada mate o que você ama e realmente quer!!! Lembre-se disso! <3

  153. Responder

    Cristiane

    26 de fevereiro de 2013

    G ! que lindo seu depoimento. Também vivi essa fase na minha vida, e posso dizer que Deus abriu meu coração para amar e fazer outra pessoa amada e feliz também…lembrei daquele versículo ” Agrada-te no Senhor e Ele satisfará os desejos do vosso coração”. Que o Senhor continue abençoando seu casamento, nossos casamentos, nossas famílias…

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém! <3

  154. Responder

    Milena Lopes

    26 de fevereiro de 2013

    Sempre passo por aqui, mas dificilmente comento. Neste post faço questão. Achei muito bonito o que você fez e falou. Realmente Deus tem sempre o melhor para nós e eu creio nisso, mas como humanos, às vezes nos esquecemos do tamanho da sua grandeza. Hoje você me fez trazer à memória aquilo que me traz esperança! Obrigada! Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, Milena! Estamos tão acostumados a ter o controle de tudo, que às vezes é difícil acreditar e aceitar os planos de Deus, né? :D

      • Responder

        Milena Lopes

        26 de fevereiro de 2013

        Sim, às vezes a gente quer dar uma forcinha pra Deus. rs Acabei esquecendo de compartilhar, mas meus pais também se separaram quando eu tinha 1 ano e meio. Mas Deus foi tão misericordioso comigo, meu irmão e minha mãe que quando eu tinha 4 anos minha mãe casou-se novamente e nós pudemos ter um pai de verdade. Meu PAIdrasto sempre foi muito carinhoso e atencioso, cuidando de nós como se realmente fossemos filhos dele. Hoje tenho dois irmãos frutos do segundo casamento da minha mãe e não existe diferença de tratamento. As pessoas só ficam sabendo que meu PAI não é meu PAI quando eu conto. Sou extremamente grata a Deus por isso! =) Beijos

        • Responder

          G Florees

          27 de fevereiro de 2013

          Oi Milena, que bom!!! Fico feliz por vocês! Beijos e que Deus abençoe mais e mais sua família! <3

  155. Responder

    Emanuelle Jung

    26 de fevereiro de 2013

    Gê, cada dia que passa, mais fico fã de você e das outras amazonas! O video que tu fez pro blog da Flavia, abriu meus olhos, que não é porque o casamento dos meus pais não deu certo o meu também não vai dar. Obrigada mesmo! Beijão!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Que bom, Emanuelle! <3 Beijão!

  156. Responder

    Juliana Sala

    26 de fevereiro de 2013

    Jessica, preciso falar uma coisa.
    Eu passei a mesma coisa…
    Meus pais são separados desde os meus 8 anos e desde criança eu NUNCA quis casar, pois pra mim casamento não era eterno e que não valia a pena…. Com meus 24 anos conheci meu atual noivo e começamos a namorar, e foi ele que veio falar em casarmos, eu por mim juntava e olhe lá. Expliquei pra ele como era dificil para mim, apostar tanta coisa num relacionamento sendo que meu exemplo mais próximo não deu certo, e como a Jéssica disse só quem tem pais separados sabe o que isso causa dentro de nós. Mas o meu noivo não desistiu ele mostrou o exemplo dos meus sogros que estão juntos ha mais de 30 anos e que valia sim a pena a gente ter a nossa familia e educar e mostrar aos nossos filhos a nossa verdade em relação ao amor. Facil não é mas vale a pena.
    Hoje estou ha 5 meses para o meu casamento e vou dizer que não me vejo mais sem o casamento e principalmente sem o meu noivo, futuro marido.
    Lindo seu video Jessica. Esta de parabéns.
    Beijos Juliana Sala

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Ju, que bom!! Fico muito feliz que você tenha encontrado uma pessoa tão legal para viver a vida! <3

  157. Responder

    Ana Paula Guirau

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G,

    Sei bem essa sensação que você sente, pois meus pais ja eram divorciados de corpos mais moravam na mesma casa quando por uma vez eu vim ao mundo… eles continuaram morando na mesma casa mais estavam separados até a força do destinos aos meus 12 anos meu pai veu a ter um AVC (derrame) ele ficou numa cama durante 06 anos… ele passou a morar com meus avós… minha mae trabalhou que nem uma louca o chefe dela forçando ela a se aponsentar e ela nao permintindo pois ele perderia o convenio. Ela dava de tudo a ele… Meu pai veio a falecer por um erro medico eu tinha 17 anos ele faleceu dia 27/05 e o mais incrivel a mulher do meu irmao teve minha primeira 26/06 depois de um mes certinho…. Também nao pensava mais em casar… por tudo que passei Mais hoje em dia estou morando junto com o Diego nossa quem diria pois ja estamos junto ha 4 anos e 6 meses e sempre levamos a vida na zuera… Agora estou de casamento marcado para 26/01/2014 e quem vai entrar comigo nada mais que meu Avô o pai do meu pai ele tem 86 anos. Hoje em dia vejo por tudo que passei e sei que Deus a cada dia me da um proposito para minha vida…. Me indetificava muito contigo agora mais ainda… Parabens pela sua iniciativa de ter feito esse video e saiba que vc certamente ira ajudar a muito gente… Fica com Deus e MUITO SUCESSOOOOOOOOOOOO

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Ana Paula, que Deus abençoe o seu casamento!! Beijão! <3

  158. Responder

    Talita

    26 de fevereiro de 2013

    chorei junto

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      <3

  159. Responder

    Lariana

    26 de fevereiro de 2013

    Oiee, adoro seu videos, esse em especial, pois de alguma forma me identifiquei com sua historia, porem, no meu caso meu pai faleceu quando eu tinha 3 anos, e também não sabia o que era ter uma família, mesmo tendo uma mãe maravilhosa, sempre fica faltando algo, tipo, na escola todo mundo fazendo presentinhos para os pais, e eu não tinha pai…..
    Hoje também ja sou casada e tenho um filho lindo..rss
    bjuss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Lariana, é bem ruim, né? Eu nunca quis fazer formatura porque não ia ter como dançar a valsa com o pai, mesmo que ele fosse, eu não ia sentir que seria voluntário, sabe? :)

  160. Responder

    Kaly Oliveira

    26 de fevereiro de 2013

    G, acompanho seu blog há pouquíssimo tempo e, a despeito de não conhecê-la bem, seu depoimento tocou meu coração. As carências afetivas que carregamos, muitas adquiridas na infância, nos marcam profundamente. Dizem os psicólogos que até os 7 anos de idade, as crianças são “esponjinhas”, que tudo absorvem e transforam. Tive a estrutura de família “toda organizada”, mas, nem, por isso, deixei de carregar meus “traumas”, meus medos… Essa estrutura deve fazer bastante falta, mas não é ela, necessariamente, que determina nossa felicidade. Pela pessoa na qual se transformou e pelo lindo depoimento que deu, acredito que tenha tido pais maravilhosos, que lhe passaram os verdadeiros valores da vida e que lhe permitiram hoje ser a mulher que é, transfigurando mágoa em atos de amor… Fiz terapia e aprendi que a vida é aquilo que a gente faz e pensa dela…. Prefiro acreditar que a vida “é bonita, é bonita e é bonita” e que as pessoas “de verdade”, de carne e osso, se constroem nos momentos difíceis. Mais que isso: são aquelas que aprendem a transformar momentos de dor em oportunidades de aprendizado. Que Deus e vocês (você e seu marido) se permitam e queiram um longo casamento – sem conto de fadas… Um casamento de duas pessoas adultas, reais, que encaram a vida de frente, sem jamais perder a doçura, parafraseando Che! Abraços, beijos, fique com Deus.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Kaly, muito bonito seu comentário, obrigada!! <3

  161. Responder

    Alininha

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa que revelação hein Jéssica, fiquei muito surpresa com teu com esse vídeo tão emocionante e revelador. Lagrimas são para os fortes guria.
    Bom eu também sou filha de pais separados e ao contrario da tua historia eu nunca tive e não tenho nenhuma relação com a pessoa que infelizmente é meu pai. Quando ele resolveu sair de casa eu tinha 13 anos (bem na fase complicada “adolescência”), mas até então alias até hoje nunca tivemos nenhum tipo de relação afetiva Pai e Filho, nem eu e nem meu irmão que é gêmeo comigo não temos nenhuma recordação daquele homem que se diz pai cumprindo o papel dele de ser PAI ele só dizia para minha mãe quando questionado quanto à atitude dele diante de mim e do meu irmão que “comida não faltava, o resto não importava”.
    Realmente eu acredito que no meu caso o problema era comigo e com meu irmão porque ele com a minha mãe tinham uma relação normal, conversavam, nunca presenciamos nenhuma briga nem nada do gênero era um casal normal, só quero deixar claro que SIM infelizmente somos filhos legítimos dele. Das poucas lembranças da infância que tenho relacionada a ele era de que quando ele chegava de viagem meu irmão ficava empolgado afinal é guri o pai ta chegando tem aquela expectativa de que vai levar pra passear, vai brincar enfim fazer junto coisas que meninos gostam de fazer com os pais e que meus vizinhos faziam com os pais deles, mas ele simplesmente o ignorava assim como me ignorava… O tempo foi passando e como disse aos 13 anos ele simplesmente saiu de casa minha mãe ficou até sem reação, entrou em depressão, mas ergueu a cabeça e viu que ela não tinha culpa de nada e que o doido da historia era ele… depois de um tempo eles voltaram a se falar tinham até uma relação amigável, tu deve se perguntar saiu de casa porque tinha outra e eu respondo fomos investigar na época não conseguimos descobrir nada, hoje em dia nem com ela ele tem mais contato e talvez deva ter alguma namorada ou uma esposa porque mesmo morando na mesma cidade o único contato que ainda temos em relação a ele é de receber a “pensão”… Com tudo isso minha mãe acabou desencadeando alguns problemas de saúde que eu tenho certeza absoluta que foram causados pela tristeza de ver eu e meu irmão sempre com os olhos mareados nas apresentações escolares no dia dos pais, por ver meus colegas com a família completa em formaturas… E até hoje com um pesinho chegando aos trinta não sei dizer o que se passa na cabeça daquele homem que me fez tão mal e deixou uma ferida que nunca mais irá cicatrizar. Eu penso em casar sim, filhos não sei se quero ter apesar de não enxergar no meu namorado nenhuma característica que lembre meu pai acho que tenho medo de que talvez meus filhos passem por tudo que eu passei e fiquem sempre com a mesma pergunta que eu irei carregar para o resto da vida O que foi que eu fiz?!
    Desejo muito sucesso e felicidades viu Jéssica.
    E parabéns pela coragem de abrir o coração, tu mais do que eu sabe o quanto esse mundo da blogosfera pode ser cruel com o sentimento das pessoas.
    Beijos Mil

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Alininha, lendo seu comentário eu pensei: Incrível como a gente já ama nossos filhos sem nem, ao menos, planejarmos ter um, né? A gente não quer que eles sofram e isso é um incentivo para deixarmos o medo de lado, porque é um amor que já existe na gente! <3 Beijos

  162. Responder

    Franci Pacheco

    26 de fevereiro de 2013

    Foi muito comovente teu vídeo G, chorei junto contigo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      :)

  163. Responder

    Mariana Fortaleza Colli

    26 de fevereiro de 2013

    Lindo video.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Mariana! <3

  164. Responder

    Mariana Fortaleza Colli

    26 de fevereiro de 2013

    G, que video lindo, vim aqui apenas te parabenizar e dizer pra você, que voce sabe mais do que nos o quanto é bom desabafar com as pessoas, e no seu caso (nós) que estamos do outro lado da lente sempre esperando mais um video seu
    É muito importante pelo menos pra mim , que sou leitora sua ha muito tempo ja, saber que voce, assim como eu, tem os pais separados, que passou bem por isso, e que pensa exatamente o que eu penso, em nao cometer os mesmo erros que meus pais cometeram, foi lindo esse video, foi muito bom saber que voce tambem tem coisas a compartilhar conosco e que tambem pod ensinar mutia gente que isso nao é o fim do mundo.

    Parabens pelo seu blog, pelo seu trabalho, acompanho varios blogs das meninas que sao suas amigas blogueiras porem em nenhuma delas vejo tanta verdade quanto em você. Gostei muito desse video falando um pouco sobre sua vida, é importante para nos que realmente gostamos do que voce faz saber um pouco mais. Beijos linda. :*

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi, Mari! Obrigada pelo comentário!! Beijão!

  165. Responder

    Fabi Andiluci

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Gi, vejpo seu blog todos os dias, mas não tenho muito tempo de comentar, mas hoje, fiquei emocionada com seu vídeo e quero que saiba que vc foi muito corajosa revelando seus sentimentos de forma tão honesta. Deus com certeza vai continuar lhe abençoando e vc vai ser cada dia mais feliz. Bjsss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Fabi!! Beijão! <3

  166. Responder

    Val

    26 de fevereiro de 2013

    Isaias 55

    Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o SENHOR.
    Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.
    Porque, assim como desce a chuva e a neve dos céus, e para lá não tornam, mas regam a terra, e a fazem produzir, e brotar, e dar semente ao semeador, e pão ao que come,
    Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei.
    Porque com alegria saireis, e em paz sereis guiados; os montes e os outeiros romperão em cântico diante de vós, e todas as árvores do campo baterão palmas.
    Em lugar do espinheiro crescerá a faia, e em lugar da sarça crescerá a murta; o que será para o SENHOR por nome, e por sinal eterno, que nunca se apagará.
    Isaías 55:6-13

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      <3

  167. Responder

    Camila

    26 de fevereiro de 2013

    G, que linda!! Me emocionei assistindo ao vídeo, nunca passei por uma situação igual a sua, porém, o que você disse aplica a um momento profissional que estou passando. Obrigada, por compartilhar sua história conosco. Ótima ideia da Flavinha em criar essa Tag..

    Beijos! E muito mais felicidades para o seu casamento!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Camila! <3

  168. Responder

    Jennyfer Derossi

    26 de fevereiro de 2013

    G, gostaria de desejar parabéns pela coragem de expôr publicamente algo tão íntimo. Mas isso deixa transparecer o quanto você leva seu blog a sério, e o quanto se sente verdadeiramente próxima a nós.
    Parabéns também pelo blog, te adoro! s2

    E sempre: Deus sempre tem um plano melhor para você!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Jennyfer! <3

  169. Responder

    Lilyan

    26 de fevereiro de 2013

    Oiii G, sei bem o que vc passou, assim como os seus os meu tbm são separados e eu tinha 6 anos, tbm naum tenho muitas lembranças e assim como vc tbm sempre quis ter meu pai e minha mae juntos, no começo vc naum entende muito mesmo. Mas depois quando ficamos mais velhas parece que isso pesa ne, eu tbm na adolescência senti muitooo mesmo a falta do meu pai. Tbm sei a Falta que isso faz e naum é drama. E assim como vc tbm no começo naum queria pensar em casamento ate hj sou meio assim, namoro fazem 4 anos e nesses ultimos meses comecei a mudar meu pensamento e penso como vc dar o que eu naum tive aos meus filhos!Adoro seu trabalho vc é minha blogueira favorita a que eu mais me identifico, eu olho varios blogs, pois adoro maquiagem e esse universo feminino e esse seu video so me fez ver mais uma coisa que temos em comum….hahaha pois sempre me identifico com seus gostos de maquiagem ( sempre mais básicas, naum muito dramática), de looks, adoro suas dicas enfim entro todos os dias no seu blog. Eu resolvi falar, pq vc compartilhou isso com agente e eu sei que naum deve ter sido fácil, tbm chorei com vc, na vdd relembrei tudo, enfim vc tem que saber o quanto vc é importante pra gente e continue assim essa menina gente boa e simples que vc é que tudo vai continuar dando certo p/ vc!!!Bjuxx

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Lilyan, obrigada pelas palavras! Beijão! <3

  170. Responder

    Gabrielle Carneiro

    26 de fevereiro de 2013

    G, primeiramente quero dizer que acompanho seu blog desde que vc era solteira hehehehe
    E como leio os feeds no trabalho, acabo por não conseguir comentar aqui. Mas ontem a noite quando assisti seu vídeo, me emocionei demais!

    Quero, como leitora, te agradecer pela sinceridade e “exposição”. Porque imagino o quanto é difícil se abrir para tanta gente “desconhecida”, principalmente por serem coisas bem pessoais.
    Agora tenho mais um motivo para te admirar, além da sua dedicação com seu trabalho, excelência, originalidade e criatividade.
    As vezes quando alguma amiga pergunta onde aprendi certa coisa que vi aqui BNC me pego falando: aprendi no blog de uma amiga! Ops… no blog da G! hahaha

    O que vc falou é muito verdade, Deus tem planos bem maiores e mais altos do que os nossos, planos de bem e não de mal. Só precisamos confiar Nele!

    Que você possa continuar confiando Nele e experimentando de todas as bençãos que Ele tem para a sua vida, família e trabalho!

    Desejo tudo do melhor para você!

    Beijos
    Gah

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Gabi, muito obrigada pelo apoio, e pode falar BLOG DE UMA AMIGA porque eu também me sinto assim com relação a vocês! <3 Beijos

  171. Responder

    Veronica

    26 de fevereiro de 2013

    Olá Jéssica!
    Sou leitora do seu blog faz uns 3 meses e adoro!
    Achei seu blog por acaso em um momento que estava muito pra baixo e seu blog me ajudou muito, os truques de maquiagem, enfim, to sempre por aqui, Rsrsrs

    Gostei muito desse vídeo seu e mais uma vez me inspirou.
    Mas eu queria dizer uma coisa para você de coração, apesar de não conhecer você pessoalmente e você não ter noção de quem sou, Rsrsrs.

    Apesar de ter seus pai separados , as vezes você ta mais próxima deles, do que se eles estivessem juntos.

    As vezes temos nossos pais por perto fisicamente mais tão longe na cumplicidade sabe, e quandovoce falou em culpar identifiquei.

    Pra mim é mais fácil me aproximar verdadeiramente de um estranho do que da minha mãe!

    Mas parabéns pela sinceridade e desejo de coração toda felicidade para você. pois nos inspira todos os dias, nos fazendo sentir mais bonitas e felizes também….

    Abraços, fique com Deus.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Veronica, muito obrigada!! Fique com Deus também! <3

  172. Responder

    Rosa ou Lilás

    26 de fevereiro de 2013

    Confesso que fiquei muito feliz e emocionada com seu video G, falando sua história de vida e o que você aprendeu…
    Assim muitas olham pra você até eu mesma já pensei assim, é uma riquinha sortuda na vida… Mais acompanhando você e toda a sua história e conquista, eu vejo que estava enganada.
    E esse video fez tirar de vez essa impressão feia que tinha ao seu respeito.
    Você é humana como todas nós, e se você tem o que tem, e oportunidades acontecem, é porque você se esforça e corre atrás!
    E creio sim no plano Deus sobre todas as vidas, basta crer e fazer a nossa parte!
    Deus continue abençoando sua vida, e de sua família, que você seja sempre essa pessoa sorridente e feliz!
    E que seus sonhos seja realizados, e que nunca perca sua humildade!

    Beijos da ká

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi, querida! Eu sou bem mais do que vocês vêem na internet! Sou um pouco reservada e nem sempre deixo vocês me conhecerem, por isso muitas pessoas me julgam =( É bem ruim, mas eu não sei ser diferente, sou meio tímida, não sei explicar! Mas que bom que você mudou de opinião a meu respeito! Beijos e obrigada! <333

  173. Responder

    Ignes Jullio

    26 de fevereiro de 2013

    G, eu tmbm cresci sem um pai hj sou muito feliz pois oq vc falo e verdade oq Deus fez por foi maravilhoso.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Que bom, Ignes!! Fico muito feliz! <33

  174. Responder

    Amanda Luiza

    26 de fevereiro de 2013

    G, que video lindo! Obrigada pela coragem de compartilhar algo tão íntimo conosco. Tenho certeza que os planos de Deus na sua vida ainda trarão coisas grandiosas para você. Você é uma fofa, e merece todo sucesso do mundo porque enxergamos facilmente muita sinceridade e amor em tudo que você faz. Com carinho, de uma leitora que te admira muito. Grande beijo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Amanda! <33

  175. Responder

    Janine

    26 de fevereiro de 2013

    Lindo e emocionante depoimento!!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      <3

  176. Responder

    Sarah Madureira

    26 de fevereiro de 2013

    G, que linda sua história, achei muito bonita a forma de como você superou tudo o que passou, me emocionei assistindo esse vídeo pois de certa forma eu passo por uma situação parecida, e você me incentivou a continuar, e não desistir, pois em alguns momentos agente acha que é o fim!! Obrigada por expor sua história!! bjos Sarah

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Sarah, que bom que você gostou do vídeo! :DD

  177. Responder

    Débora

    26 de fevereiro de 2013

    Agora gosto ainda mais de vc!

    Minha história é um pouco diferente da tua, quem derá meus pais tivessem se divorciado quando eu tinha 3 anos, eu seria, com certeza, uma pessoa muito melhor hoje, pra mim e para os outros…
    Há males que vem pra bem, e outros nem tanto, mas tudo tem um motivo de ser, pelo menos tento acreditar nisso.
    Achei lindo de ver sua fé em Deus, também confio muito nele, é meu porto seguro!
    Beijos
    Toda felicidade do mundo pra vc, e que Deus abençoe a família que você está construindo.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Débora! <33

  178. Responder

    ROSANGELA

    26 de fevereiro de 2013

    G OBRIGADO por vc ter feito este video, pois me ajudou muito, estou passando por varios problemas, mais vc conseguiu me emocionar e tocar fundo no meu coração. Obrigado de coração

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Fico feliz que ele tenha sido útil para você, Rô! Beijão! <3

  179. Responder

    fabiana

    26 de fevereiro de 2013

    G,amei!vc consegui me tocar,meus país tbm se separaram,e no caso eu moro com a minha mãe e eu sinto que eu tenho que dar e me doar muito mais pro meu pai do que pra ela,na minha cabeça,como tudo aconteceu quando eu era pequena,ele saiu de casa e precisa do meu amor,é mt confuso,só quem vive e sente que sabe!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, mas como você mora com ela, talvez ele sinta mesmo sua falta! <3

  180. Responder

    Vanessa

    26 de fevereiro de 2013

    Oii!!

    Olha, eu sou leitora do seu blog a bem pouco tempo e já tinha gostado de cara, mas senti que agora me identifico muito com o blog, com você, com as coisas que você escreve.

    Beijoss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Vanessa, que bom! Fico feliz! <3 Beijos

  181. Responder

    Helen

    26 de fevereiro de 2013

    Chorei com seu vídeo, sua história é bem parecida com a minha, meus pais se separaram quando eu estava com 3 anos.
    Sempre senti falta de uma família completa. Hoje sou casada e feliz, acredito que Deus tem muitos planos para nós. bjs

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém! <3

  182. Responder

    Aline Vieira Costa

    26 de fevereiro de 2013

    Que lindo vídeo!Parabéns G, você demonstrou muita sinceridade em suas palavras.Mostrou que não é uma mulher fútil que só pensa em gastar dinheiro com maquiagens e roupas, e sim que fez de um sentimento ruim o trampolim que precisava para superar tudo o que sofreu em sua infância e adolescência.Tb passei por momentos difíceis,mas com fé em Deus criei forças e hoje estou extremamente feliz com minhas decisões.É uma história muito grande para contar por aqui,mas saiba que me identifiquei ainda mais com vc. Adoro o seu blog e te acompanharei ainda mais a partir de agora.
    Beijoo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Aline, fico feliz por isso!! Muito obrigada pelas suas palavras! <3

  183. Responder

    VANESSA DIAS

    26 de fevereiro de 2013

    Amei seu vídeo, G…tenho uma história muito parecida…..Muito humilde e corajosa a sua atitude de expôr algo tão íntimo…Beijos…Admiro-te cada dia mais!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Vanessa! :DD

  184. Responder

    Le´ticia Cabral

    26 de fevereiro de 2013

    Tbm chorei, pq passei praticamente pela mesma coisa … GFlores, sei muito bem como é isso , meus pais tbm se separaram quando eu estava pra completar 3 anos de idade, eu e minha mãe fomos morrar com meus avós. Então graças a Deus amor de pai não me faltou por parte tanto de mãe e meus avós. Digo que meu pai de verdade é meu avô. Pq infelizmente meu pai nunca foi muito presente depois do ocorrido… e até hj não é … por isso tenho muita mágoa , mais antes quando mais nova eu era mais revoltada. Hoje com 20 anos já não mais, mais a mágoa fica. Como vc faloi de imaginar o pq , de imaginar tudo isso que vc falou. Tive padrastos, um deles não me reçacionava bem , mais me deu os melhores presentes qe são meus irmãos. (pra quem era filha unica tbm durante 11 anos kkkkk) Agora minha mãe já esta com outra pessoa na qual chamo de pai, pq me dou muito bem e ele faz o papel do qual outra pessoa deveria fazer! Adoro vc .. bjs

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Letícia, a gente sempre sente uma tristeza quando olha para trás né? Mesmo que hoje, tudo esteja resolvido! :) Beijos e que Deus te abençoe sempre! <3

  185. Responder

    Sybele Marin

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Gi,

    Eu acompanho seu blog mas nunca fiz nenhum comentário, fico somente na condição de espectadora, mas hoje não resisti ….me emocionei com você e para falar a verdade chorei com você, parabéns pela sua força e pelo que vc aprendeu.Bjo, força e continue sempre essa menina doce.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Sybele! :D

  186. Responder

    Kácia

    26 de fevereiro de 2013

    me fazendo chorar também. :D
    Depoimento lindo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      <3

  187. Responder

    Marissandra

    26 de fevereiro de 2013

    Me emocionei com você G, amei ouvir sobre sua fé…que o Senhor continue sempre no seu coração <3

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém! <3

  188. Responder

    Mariella

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G! Te acompanho já tem quase 3 anos, e juro que não imaginava que você tinha passado por isso. Minha história é mais ou menos parecida, tenho pai e mãe, eles moram juntos, mas meu pai nunca me “aceitou” como filha, então, mesmo morando sob o mesmo teto, também nunca tive essa coisa de “família”. Meus pais brigam muito, meu pai briga muito comigo, mesmo sem motivo. (Isso desde criança) Hoje tenho 19 anos, estou prestes a casar, e moro com minha tia, justamente por não aguentar mais ficar em casa com tantas brigas e desprezo. Enfim, te entendo G, sei que não é fácil não ter um dos lados da familia, mas a gente supera né? Depois desse vídeo, passei a te admirar mais! Não sou de comentar nos posts nem nada, mas tou aqui sempre. Um beijo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Graças a Deus a gente supera, né? Seria horrível viver com aquela amargura para sempre =(

  189. Responder

    Débora Duarte

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G
    Muito bacana esse video, e por incrivel que pareça eu passei por isso tudo tbm. Sou filha de pais divorciados e pra ajudar meu pai mudou de Estado e eu quase não via ele, tipo um fds a cada dois anos. E quando ele faleceu ha 5 anos atras faziam 9 anos que eu não o via e eu já namorava e ai que pirei mesmo e ja não queria casar, tive muito medo de que a historia se repetisse. Hj eu sou casada, extremamente feliz mas ainda doi muito, nunca quero passar para meu filho uma situação dessa.
    É incrivel a força que Deus nos dá para continuar e tentar né!
    Beijos.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Débora, sempre vai doer, mesmo com tudo resolvido! A gente, infelizmente, tem memória e essas coisas marcam demais! =)

  190. Responder

    Lua

    26 de fevereiro de 2013

    G, chorei junto com você !! Parabens por você ser essa pessoa incrivel, que você e seu marido sejem muitoooooooo felizes !!!! Beijoss linda , te adoro !

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém!!! <3

  191. Responder

    Daniele

    26 de fevereiro de 2013

    G realmente Deus tem para nossas vidas muito mais do que imaginamos. Sigo seu blog a bastante tempo, mas normalmente não comento. Mas hoje tive que deixar esse comentário aqui. Meus pais não são divorciados, mas tenho contato com casais que são e os filhos tem sofrido com isso. Amei seu vídeo. Que Deus continue abencoando você e sua família grandemente, e que todos os propositos dEle sejam realizados em sua vida. Deus é Deus de família, e Ele vai honrar sua vida cada dia mais. Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém! <3

  192. Responder

    Letícia

    26 de fevereiro de 2013

    Fato é que as coisas tem intensidades diferentes pra pessoas, e que a família – ainda mais quando criança – é o fator mais importante na nossa formação.
    O mais lindo disso é ver que você, além de superar suas mágoas, mostrou até certo carinho ao falar da dor. Você reconhece que a dor te fez uma pessoa melhor!
    Géssica, seja muito feliz! É o que Deus quer pra ti! Nada menos que isso!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Letícia!! <3

  193. Responder

    Poliana

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa, G! Que lindo o seu vídeo! Nó, tô sem palavras aqui! Eu acompanho seu blog há mais de 1 ano e acho q eu nunca tinha comentado aqui, mas hj eu quis comentar para te dar os parabéns por ser a pessoa que vc é! Eu já te admirava antes, mas agora te admiro mais ainda! :)
    (Vc conhece a música “Mine” da Taylor Swift? Me lembra a sua história.)
    Bjos!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Poliana, não conheço, mas vou ouvir já! :D

      • Responder

        Poliana

        27 de fevereiro de 2013

        Dá uma olhadinha no clipe da música. Acho que vc iria gostar!!! :)

        • Responder

          G Florees

          27 de fevereiro de 2013

          Vou ver! <3

  194. Responder

    Larissa B.

    26 de fevereiro de 2013

    G, minha querida!
    Obrigada por suas palavras, por me contar aquilo que aprendeu… Não sofro por meus pais, mas por um relacionamente de quase 4 anos, que não dá mais pra tentar, por mais que se ame. Obrigada, de verdadee!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Imagina, Larissa! :D

  195. Responder

    Dayanna

    26 de fevereiro de 2013

    Adorei G, Deus realmente sabe o que faz, é só acreditar que ele sempre vai ter o melhor pra nós… Te adoro, bjos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Dayanna! DD

  196. Responder

    Thayná

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, não sou muito de comentar em blogs, mas hoje eu tive que passar aqui e deixar como eu posso dizer a minha opinião, eu me emocionei demais com seu vídeo e principalmente com o tema, quando eu tinha 7 anos meus pais se separaram também e foi uma coisa horrível, mas como eu era pequena não entendia bem o porque, já sofri bastante em termos de gostar de alguém e hoje faz mais ou menos um ano que gosto de uma pessoa, ele é uma pessoa incrível, mas tenho medo de que nunca dê certo, enfim, tenho meus pensamentos positivos e negativos mas sempre peço a deus que preserve o que eu sinto por ele e que um dia a gente possa estar juntos :) muito obrigada pelo seu vídeo foi uma lição pra mim e para outras pessoas também, fique com deus, beijo.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Thayná, você também! <3

  197. Responder

    Joelma

    26 de fevereiro de 2013

    G, emocionante!
    Chorei junto com vc..heheh
    Estou passando por uma fase não muito boa em minha vida, mas tenho fé nisso, DEUS tem um plano pra todos nós!!
    Bjão!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém! <3

  198. Responder

    Tatiana Lopes

    26 de fevereiro de 2013

    Me identifiquei muito com você, sua historia é quase igual a minha. Sempre morei com minha mãe e meu pai ia me visitar, em meados de 2001 ele adoeceu e por eu não me dar bem com as pessoas que ele morava fiquei sem ve-lo por muito tempo( e ai ele faleceu em 2004)…me fez muita falta e eu pensava que nada ia dar certo pra mim… mas assim como vc Ge, eu me casei e faço de tudo pro meu casamento dar certo. Eu tenho 30 anos, sou casada a 12 anos e meu filhote faz 11 anos no dia 28/02. E graças a Deus acredito que ele sabe o que é uma familia unida e espero que ele nunca passe pelo que passei. Ai Ge desculpa o desabafo…chorei junto com vc e me lembrei de tudo…obrigada por compartilhar sua historia com suas leitoras, te adoramos!!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Tati, imagina! Não tem do que se desculpar, as vezes só de falar com alguém já nos faz bem, né? Beijos!

  199. Responder

    Ingrid

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, Apesar de não ter deixado quase comentários, estou sempre aqui. E não pude deixar de comentar nesse vídeo extremamente pessoal e emocionante. Primeiro quero parabeniza-la pela coragem de se expor dessa maneira, com certeza não deve ter sido fácil. E também quero dizer que esse tipo de vídeo só mostra que por trás de todas as makes e tutorias, existe um ser humano, cheio de histórias, defeitos e qualidades. E eu gostaria que muitas pessoas aprendessem a respeitar isso e parasse de olhar só a superficialidade das coisas, porque mais do que ninguém você sabe que muitas pessoas taxam o que vocês fazem. Pronto, um tapa na cara com luva de pelica (como diz minha mãe). Desejo a você uma vida feliz e repleta de realizações. Bjocas Ingrid

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Ingrid, mas acredita que na minha vida real eu já passei por isso também? Das pessoas me julgarem pela aparência sem nunca terem falado comigo? É estranho como isso é comum, fora e dentro da internet, né? Fico feliz em mostrar um lado melhor para essas pessoas! :D

  200. Responder

    Julia

    26 de fevereiro de 2013

    Olha, eu não acho legal fazer borboletinhas chorarem tá bom? Morri de chorar com o seu vídeo, pensava exatamente igual a você antes de assistir esse vídeo. Linda, beijos.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      HAHAHA, também não acho legal chorar em pleno vídeo, mas não deu! <3

  201. Responder

    amanda

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa Ge, que história hein, me emocionei junto com vc, meus pais também sao separados, eu tinha 12 anos quando isso aconteceu.. mas eu suuuper te entendo, pq msm que ate minha adolescência meus pais morassem juntos, ele só estava la de corpo presente, ele nunca me deu assistencia em nada, entao quando eles se separaram eu so senti falta da pessoa ta ali em casa, mas não de um pai realmente, porque isso msm eu nunca tive, tudo que eu sou e que eu tenho é por conta da minha mãe.. mas pai msm eu nem sinto que tenho, porque nunca pude contar em nada com ele, pelo contrario ele so dava problemas em casa, pois ele é alcoolatra entao é super dificil, eu pequenininha via meu pai caido no chao de tao bebado.. entao, que postura é essa? desde que eles se separaram ele nunca ligou nem 1 vez pra mim, nunca veio me visitar e é pq ele mora a 4 quadras daqui.. e isso faz com que eu tenha mais certeza de que eu não merecia ter passado minha infancia ao lado de uma pessoa que siquer me dava atençao, sabe?? hj eu nem lembro de nada, pra mim tenho so minha mae.. e sei o quanto ela é importante na minha vida.. Achei mt lindo da sua parte dividir isso c agt.. Amoo seus videos, seu blog e admiro mt seu trabalho.. Um enorme beijo e que Deus sempre te abençoe e ilumine todos os teus passos.. <3

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Amanda, mas tudo tem um lado bom, né? Hoje, sua mãe é a sua melhor amiga, não é? Então! Olhe para ela e a ame duplamente! <3

  202. Responder

    Viviane Fernandez

    26 de fevereiro de 2013

    Chorei muito :( Você foi muito verdadeira!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Vivi! <3

  203. Responder

    Suzana

    26 de fevereiro de 2013

    Ei G, gostei muito do seu vídeo e de te conhecer um pouco mais, me emocionei junto com vc. Parabéns pelo blog, estou sempre por aqui te visitando. Bjo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Suzana! <33

  204. Responder

    GABRIELA

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa G, chorei demais com seu video! Se antes já te admirava como pessoa e profissional, agora te admiro ainda mais! Muito linda suas palavras e sua história muito emocionante! O que vc disse serviu muito pra mim e com certeza aprendi com suas palavras! Bjs

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Que bom que você gostou, Gabi!! Beijão! <3

  205. Responder

    Cássia

    26 de fevereiro de 2013

    Você é linda por dentro e por fora! Cada palavra que disse foi de forma tão sincera, que eu me emocionei junto com você.
    Apesar da exposição na internet não ser boa, às vezes é bom fazer lembrar o quanto você é humana, tem sentimentos, coração… Se eu pudesse escolher uma pessoa pra conhecer, seria você!
    Acho que deve ler muitas coisas parecidas hoje, mas como várias outras, é de coração.

    Não precisa aceitar o comentário, não, é só pra você ler. x)

    Beijão!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Cássia, eu hesitei muito em colocar esse vídeo no ar, sabia? Justamente porque a internet nem sempre é um lugar legal de se trabalhar, mas acredito que se esse sentimento e essa vontade de falar sobre o assunto surgiu de uma maneira tão natural, talvez tivesse um motivo! E realmente teve! Muitas meninas se identificaram e eu fico feliz de poder ajudar de alguma forma! Beijos! <3

  206. Responder

    Fabiana

    26 de fevereiro de 2013

    Coloca a sua vida nas mãos de Deus e tem fé que tudo vai dar certo. Vc ainda vai ser mais feliz do que é hoje qnd tiver seus filhos e conseguir passar o verdadeiro valor da família pros seus filhos. Beijos! Gflores sou sua fã!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Fabi! <333

  207. Responder

    Eliana Castro

    26 de fevereiro de 2013

    É realmente coisas que passamos na infância, marcam muito a nossa vida. Qdo era criança meus pais brigavam muito e isso me impressionava. Sempre tive medo de me casar e passar por isso tb, mas graças a Deus meu marido é maravilhoso e vivemos em harmonia nós amamos muito. REalmente Deus sempre tem um plano especial para nós. Gostei muito do seu video, adoro o blog vejo todos os dias.
    Bjos..

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Eliana, fico muito feliz por você! Beijos!

  208. Responder

    patricia santos

    26 de fevereiro de 2013

    Lindo vídeo!
    Motivador, vou salvar pra ver quando estiver de mal com a vida (sem motivo como sempre) haha
    Realmente Deus é maravilhoso e tudo de ruim que acontece na nossa vida, no final das contas é bom, pois crescemos e aprendemos para amadurecer, fora que Deus não deixa você passar por aquilo que não pode suportar!
    Amei G!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, Patricia!! :D Beijão!

  209. Responder

    Samia

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, me emocionei e me identifiquei demais com o seu vídeo.
    Pela história, pela separação, pela rejeição, achar que eu não era digna e estabelecer decisões baseadas nas minhas mágoas. Mas somente quando aprendi de verdade que Deus tem uma nova história pra cada um e que é preciso entender o seu plano ÚNICO pra cada pessoa que fui feliz de verdade.

    E aprendi igualmente como você disse, que por causa de tudo isso que passei, eu possa ajudar muitas pessoas que passam pelo mesmo tipo de situação, ou até mesmo diferente, mas com o mesmo sentido e que por isso eu farei o possível e talvez até o impossível se puder para que o meu casamento dê certo!!!

    Me identifico demais com vc, e sabia que não era a toa!! ;)

    Beijos.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Samia, é muito ruim quando a gente se deixa levar pelas emoções, né? Mas que bom que hoje, a gente vê a vida de uma maneira diferente, né? Beijão! <3

  210. Responder

    Rafaela

    26 de fevereiro de 2013

    Poxaaa G… Me vi em vc… + no meu caso… Não tive um momento se quer de contato com meu “pai” e até hoje não tenho! ( Eles se separaram quando minha mãe estava gravida de mim… já tinha 2 irmãos … uma familia quase feliz) Ela eh uma guerreira… Aconteceram complicações no parto e ela foi obrigada a me “dah” pra minha tia avó.. No qual vivi até a maturidade… Enfim.. Tive os meus medos… As mesmas perguntas… A mesma culpa.. Tive uma boa criação.. Sempre tive “tudo” o que queria (de bem material) + nunca tive o afeto e o carinho que sempre sonhei… Tipo: ahhhh como vc foi na escola hoje? Vou te colocar na cama… Um beijo de boa noite… Eu te amo.. Sabe? Essas coisas bobas que são fundamentais pra uma criança … ( não culpo meus tios avos por isso, já eram + idosos e foram criados assim.. Sou eternamente grata pela vida deles) resumindo: falava a mesma coisa pra todo mundo: Nunca vou casar! No máximo morar junto! Ae vem Deus com sua infinita misericórdia e me presenteou com o melhor marido do mundo… Eu decidi que seria diferente dos meus pais… Eu acreditei no propósito de Deus pra minha vida!!!! E toh vivendo isso diariamente… + uma coisa “discordo” de vc.. Eu aprendi que Deus escreve Certo com linhas Certas e como vc disse.. Tivemos quer passar por tudo isso pra chegar em tal maturidade… Enquanto ao pai biológico? Se perdoei? Sim sim A vida eh tão curta pra carregar tanta magoa neh? Se o encontrasse … não iria morrer de amores.. + daria aquele abraço apertado que nunca tive… até pq sem ele eu não existiria neh? …. Hoje sou grata a Deus por coisas simples.. Do levantar ao respirar.. Dah comida ao teto.. Enfim.. Não sei se vais ler tudo… + obrigada pelo vídeo e por me fazer lembrar que não estamos sozinhas… Super beijo e desculpa pelo desabafo…

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Rafa, incrível como pequenas coisas fazem falta pra gente, né? Eu sempre quis que minha mãe me mandasse pedir algo pro meu pai, porque sempre vi minhas amigas passando por isso, sempre que elas queriam sair, um jogava a responsabilidade pro outro e eu achava aquilo lindo, hahaha! :D

  211. Responder

    Marilia Marcatto

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa chorei rios junto!!
    Tambem sou filha de pais separados e sei exatamente como vc se sente…
    Quando eu casar qro fazer o mesmo que voce..

    Adorei!!Sao poucas as pessoas q tem coragem de falar sobre isso!!

    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      :DD Que bom que você gostou, Má!

  212. Responder

    JULYARA

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Gê, chorei o vídeo todo com você!!!! Eu me identifico muito com a sua história pq a minha vida é mais ou menos assim também… Pais separados desde muito pequena e além disso eles se casaram muitas outras vezes e eu não tive referência nenhuma… nem mesmo de amigos ou escolas pq todo ano eu mudava de casa e cidade por causa dos casamentos dos meus pais. Hoje depois de 10 anos junto com meu marido e já casada a 2 com ele, mesmo ouvindo sempre que sou mto nova pra estar tanto tempo com alguém (tenho 25 anos) eu sempre acreditei que eu faria td diferente e que eu merecia ser feliz agora e não deixar q todas as coisas do passado que eu vivi estragasse a minha história de família. Realmente tenho a certeza hoje de que Deus nos prepara para situações e que colhemos o que plantamos, por isso dou valor hoje ao meu marido todos os minutos, pq eu tenho a certeza de que recebi a chence de ser feliz e é nela que vou me agarrar.
    Gê cada dia que passa e conheço mais um pouquinho de você eu vejo o quanto o seu trabalho me inspira, eu me sinto sempre confortada e mais feliz de acompanhar seu blog e seus videos. Nunca tive ídolos mas vc é pra mim uma amiga q eu não conheço pessoalmente, mas que me transmite mta felicidade e carinho. Um beijo super grande de uma leitora cada dia mais sua fã;

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Ju, que linda sua história!! Fico muito feliz que você tenha encontrado uma pessoa tão especial! :D

  213. Responder

    Tatiane Nascimento

    26 de fevereiro de 2013

    Adorei…

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      <3

  214. Responder

    MARIANA FREIRE

    26 de fevereiro de 2013

    G OBRIGADA POR TER POSTADO ESTE VIDEO.ME EMOCIONEI COM VC.TBM PASSEI POR ISSO.MEUS PAIS SE SEPARARAM QUANDO EU TINHA 3 ANOS E MINHA IRMÃ 2 ANOS.SEI EXATAMENTE O QUE VC PASSOU NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA.HJ ESTOU PASSANDO POR OUTRA SITUAÇÃO DIFICIL, DEPRESSÃO E DESEMPREGO.SOU ENFERMEIRA E NÃO CONSIGO EMPREGO.AS VEZES ME PEGO PENSANDO QUE A FELICIDADE NÃO É PRA MIM.HJ ACORDEI BEM CAIDA, MAS COMO SEMPRE FUI VER SEU BLOG.EU AMO MAKES MAS AGORA ESTOU COM A AUTO ESTIMA TÃO BAIXA QUE NEM ME MAQUIO MAIS.MINHAS MAKES ATÉ SE ESTRAGARAM.JOGUEI BOA PARTE FORA.MAS HJ, DEPOIS QUE VI SEU VIDEO, ESTOU COM UMA SENSAÇÃO DE QUE DEUS POIS VC NO MEU CAMINHO PRA ME ANIMAR E VOLTAR A TER FÉ QUE DEUS VAI VIRAR MEI CATIVEIRO.DEUS TE ABENÇOE E OBRIGADA!MARY!!!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Mary, do mesmo jeito que eu acreditei, você também tem que acreditar, se hoje a sua situação é essa, aproveite! Pegue esse tempo livre e coloque em algo bom! Beijos! <3

  215. Responder

    Sarah Romano

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Gê… acompanho seu blog há bastante tempo já. Me identifico com seu jeito, porque além de morar perto de mim (eu moro em Poá) rsrs vc trata algumas coisas (como beleza e consumo) de uma maneira diferente.

    Hoje me senti mais motivada a comentar porque gostei muito do que você compartilhou nesse vídeo. Concordo que “Deus escreve certo por linhas tortas” principalmente quando entendemos que essas “linhas tortas” e imperfeitas e quem sabe até com aquelas duras marcas da vida somos nós.

    Um beijo grande pra você :)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Sarah, que legal! Você mora pertinho mesmo!!! <3 Beijão!

  216. Responder

    Débora

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, muito lindo seu vídeo, me identifiquei muito e chorei com você porque nós duas aprendemos a mesma coisa no decorrer da vida. Meus pais se separaram faz 1 ano, eu cresci com os dos em casa mas eles brigaram a vida inteira e eu me sentia culpada por isso. E apesar de toda magoa hoje eu considero que meu marido e meu casamento são perfeitos, nunca pensei que fosse ser tão feliz um dia. Beijo grande.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Débora, nem eu! A felicidade parecia uma coisa tão distante pra mim e hoje, é tão simples, né? Beijão! <3

  217. Responder

    SIGRID

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa G. Que vídeo mais lindo. Penso que o seu vídeo mostrou o verdadeiro sentido e talvez o mais importante objetivo da proposta da TAG. Trouxe um caso, um aprendizado de vida.
    Muito obrigada por ter sido tão sensível a ponto de compartilhar conosco algo tão importante e delicado pra você. Você, através deste vídeo, encheu o coração de Deus de alegria, pois você defendeu o bem mais precioso, a menina dos olhos de Deus, como a bíblia fala, que é a família. Você pode ter certeza que quem decide ter uma família, casar, decide viver a melhor ideia que Deus já teve, e acredite, demonstrou está “curada” das dores e cicatrizes do passado. Todos nós temos também. Mas a diferença é que você, assim como eu, decidimos viver e “dar” de alguma forma para nossos filhos, para nossa descendência aquilo que não tivemos.

    Muito obrigada. Eu estou feliz por conhecer mais a minha blogueira preferida e por saber que ela preza pelas coisas mais lindas e importantes da vida. Que o Senhor continue abençoando você com alegria, paz, sabedoria para administrar sua casa e ser a ajudadora do seu marido, assim a bíblia relata o papel da esposa.

    Um abraço forte!!!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Sigrid, muito obrigada pelas palavras! Que Deus te abençoe também! <3

  218. Responder

    Geovann Teixeira

    26 de fevereiro de 2013

    G, assisti esse vídeo e chorei bastante, chorei pelo o vídeo, pelo o que você disse, e por tudo que estou vivendo, essa é a 2º vez que tento terminar esse comentário, mas vamos lá …
    Meus pais se separaram recentemente, sou a mais velha de 3 filhos e evito falar nesse assunto com os meus irmãos, que assim como eu, sentem a falta profunda do meu pai, não nos vemos há uns 8 meses e sempre acordo a noite para chorar, chorar de saudades. Dói, dói bastante, as brigas com a minha mãe e o clima terrivel em casa é o que me faz ver que foi melhor dessa forma. 2012 foi o pior ano da minha vida, nos últimos dias do ano, recebi a notícia que não tinha passado no vestibular, que o meu sonho estava por hora “cancelado”.
    No seu vídeo, já no final você me lembrou que Deus tem um propósito para a vida de cada um, que eu não deixasse que o meu sonho morresse … Hoje saí a lista de espera, estou em 2º lugar, mas só tem 1 vaga. Se for da vontade de Deus, entrarei na faculdade, se não, vou estudar mais um ano.
    Jéssica, que Deus te ilumine sempre, que o seu casamento seja um espelho para os seus filhos e que o amor de Deus esteja sempre na ponta da sua língua, para você nos deixar sempre essas mensagens como a de hoje.
    Te admito muito, um super beijo, obrigada.
    Geovanna

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Geovanna, com certeza tudo tem um propósito! Você ainda não sabe qual é, mas vai descobrir! Acredite! Beijos! <3

  219. Responder

    Stephanie Iris

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Ge,

    Acho q chorei mais que vc assistindo ao vídeo, hehehe.
    Meus pais também são separados, desde os meus 11 anos (tenho 24 hj) e os sentimentos são esses mesmos. Meu pai depois da separação foi extremamente ausente, se mudou para longe, e ligava quando mto 1x ao ano, não foi em nenhuma das minhas formaturas e outros eventos importantes da minha vida. Quando eu procurava um parceiro/companheiro um fator importante que sempre reparava era se o candidato seria um bom pai, como lidava com as crianças, com as responsabilidades, como brincava com os sobrinhos, essas coisas… Tb desejo uma família unida para meus filhos e se mesmo assim, o casamento não der certo, que o pai seja muito participativo na vida deles.

    Parabéns por se expor assim, sei como é complicado. Não apenas pelos estranhos que não entendam, mas pelas pessoas da sua família que venham a assistir o vídeo também.

    Bjinhos e sucesso.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É, Sté, tou com medo da minha mãe ver o vídeo e ficar chateada, sabe? Achando que eles tem culpa dos meus sentimentos e medos! Na verdade eles não tem, a situação tem! Mas é um sentimento comum em filhos de pais separados, né? =/

  220. Responder

    Flávia

    26 de fevereiro de 2013

    Amei seu video e entendi completamente tudo oque você diz..passei por isso mais eu vivi com meus pais, meu sonho era ver eles casados, eles se casaram e após 6 meses se separaram, eu tinha uns 10 anos, sofri muitoo, entrei em depressão. Só quem passa por isso entende.
    Agora saindo do tema triste um pouquinho..
    Responde essa TAG?
    POR CAUSA DO YOUTUBE.
    São 5 perguntas de coisas que vc fez,compro,mudo etc..por causa do youtube.

    1- Produtos que você comprou por causa de alguma guru do youtube

    2- Algumas guru de beleza que você conheceu ou gostaria de conheçer ?

    3- Técnicas que você aprendeu no youtube e que mudou sua vida na make?

    4- Amigos que você fez pelo youtube

    5- Qual video que você assistiu no youtube que mais te ajudou?

    bjos :*

    • Responder

      G Florees

      1 de março de 2013

      Oi Flá, vou anotar essa TAG para gravar em breve! Beijos! :DD

  221. Responder

    Dayana

    26 de fevereiro de 2013

    OI Ge.. eu te acompanho aqui no blog e no face há mto tempo, mas acho que nunca ou quase nunca comentei, nao que eu me lembre… Mas nao deu pra nao me manifestar com um video como esse, com tanta sinceridade que senti daqui… Vc se expressou e falou mto bem, Deus com ctz te usou nesse video pra fazer a gnt pensar e acreditar que Ele tem um proposito e planos bons pra gente. Que mta gente entregue e confie nisso.. Obrigada Ge!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Dayana! Fico muito feliz que o vídeo é útil! :DD

  222. Responder

    Cibele

    26 de fevereiro de 2013

    Muito emocionante seu vídeo!!! É muito bom saber que você superou a separação dos seus pais…tb já passei por isso e sei o quanto é doloroso ficar sem o pai presente.

    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Só quem já passou, sabe o que é, né? Beijão, Cibele! <3

  223. Responder

    Nayara

    26 de fevereiro de 2013

    G, adorei o vídeo chorei e me identifiquei muito com você!
    Meus pais se separam quando eu tinha 2 anos e fui criada pelos meus avós.. E pensava como você! Obrigada por dividir com agente um pouquinho da sua historia! bjos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Nayara! Beijão!

  224. Responder

    Lívia

    26 de fevereiro de 2013

    Sabe de uma coisa? Eu achei esse video incrível! Muito humano. Eu sempre venho no seu blog, e nunca comento. Acho vc mt talentosa, o blog tem um visual clean, vc escreve bem, usa bem a pontuação, acentuação, sabe? É um blog fácil de ler. E tem uma coisa que eu realmente admiro no seu blog, é que ele é TOTALMENTE profissional. Você não mistura sua vida pessoal com seu trabalho, sabe? Isso é bom, mas por um lado, acho que sem querer, você acabou passando uma imagem de arrogante, fria… Não sei a palavra exata, ou a que eu gostaria de usar, mas enfim.. eu não quero te ofender. Muito pelo contrário.

    Passei pela mesma situação que você (meus pais se separaram quando eu tinha 4 anos e infelizmente ele veio a falecer há quase 5) e não pude resolver as coisas com ele como eu queria, sabe? E te invejo um pouco. Queria voltar no tempo, queria ter mais tempo com ele. Penso sobre isso todos os dias. Isso me entristece todos os dias e ao mesmo tempo, sei que Deus conforta meu coração, da maneira Dele, e que meu pai e eu, vamos nos entender algum dia e aproveitar nosso tempo juntos ao Senhor, como uma família de verdade.

    Obrigada por esse video.
    Um beijo.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Lívia, mas sabia que eu sou assim na vida real, também? É muito difícil eu sair contando minha vida para as pessoas, demora muito para atingir esse nível de amizade, mas não que eu seja arrogante ou sei lá, metida, é que, talvez por decepções passadas, a gente acaba se tornando mais dura e fechada… Que bom que eu pude mudar um pouquinho esse conceito para vocês! <3 Fico muito feliz! Beijão!

  225. Responder

    Ellen

    26 de fevereiro de 2013

    G, acho que comentei em seu blog pouquíssimas vezes, mas hoje não poderia deixar de fazer isto. Admiro sua força, sua garra e a vontade de mudar tudo aquilo de ruim que não te fazia bem. Vc me fez chorar junto e pode ter certeza que suas palavras tornaram meu dia e o dia de muita gente melhor. Mais uma vez parabéns pela transparência e por ter sido tão verdadeira com suas leitoras, vc subiu ainda mais em meu conceito. Adoro seu blog e te desejo sucesso sempre !

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Ellen!!! Beijão! <3

  226. Responder

    Monique J da Silva

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G! que lindo video, que Deus abençoe vc e seu marido! que sejam muito felizes!!!!
    beijo de sua amiga moni

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Moni!! <3

  227. Responder

    Paula Resende Martins

    26 de fevereiro de 2013

    Primeiro eu gostaria de dizer que visito o blog todos os dias há pelo menos dois anos… E nunca tinha deixado um comentário.
    Não que eu não ache interessante o que você escreve, simplesmente sou meio tímida… rs.

    Mas depois de um vídeo tão intimo e pessoal como este, eu não poderia deixar passar…

    Meus pais são casados há 26 anos. Eu tenho 24, e desde os 20 mais ou menos eu sonho e torço para que eles se separem. Na verdade, desde os 14 anos eu desejava isso, mas só passou a ser um sentimento forte de verdade mesmo nestes últimos anos.
    Eles (meus pais) brigam muito, discutem, e meu pai, é uma pessoa com sérios problemas…rs. Eu sempre quis que ele fosse embora, já que, na minha cabeça, ele é a raiz dos problemas da minha família.
    Sempre imagino a parte boa da saída de cena dele da minha vida… Mas nunca pensei em como seria se eu não tivesse crescido com ele ao meu lado.
    Em linhas gerais, seria muito pior sem ele. Até porque, ele faz parte de mim e de quem eu sou. Eu o amo muito, de verdade.
    Às vezes queremos coisas que achamos que irão resolver as feridas que temos no peito, mas nem sempre é assim…
    Deus realmente guarda um presente pra nós, o problema é que, há situações em que a coisa vai tão mal, que acabamos nos esquecendo de acreditar.

    Obrigada por me lembrar de acreditar, de esperar, de viver e sonhar com esperança.

    Realmente me tocou… Parabéns!

    Já gostava de você, mas depois desse vídeo, sinto como se fossemos quase amigas… rs.

    Um beijo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Paula, e eu sempre desejei o contrário, sabia? Quando eu era pequena, eu sempre quis meu pai em casa, mesmo que ele brigasse comigo 100% do tempo! rs! Mas tenha certeza que tudo vai dar certo e se for para ele sair da sua casa, ele vai fazer isso! Beijão! :D

  228. Responder

    Luh

    26 de fevereiro de 2013

    G, me emocionei junto com vc nesse vídeo… Senti a sua sinceridade em cada frase, e tbm me identifiquei com os seus sentimentos, pois nunca tive meus pais juntos tmbm…
    Minha história é um pouco diferente da sua.. meus pais foram casados por 4 anos, e logo que minha mãe engravidou eles se separaram… Simplesmente cresci sem a presença dele, sem vê-lo durante 22 anos (sim, durante toda a minha infância e adolescência ele nunca veio me ver, só sabia como ele era por fotos ou vídeos)… É meio impossível explicar através de um comentário minha história e como tudo isso aconteceu, mas resumindo e focando no que vc falou (ou tentando hehe), sei exatamento qual é o seu sentimento ao falar a palavra FAMÍLIA, e deu pra ver que o seu casamento é a maior prova disso…
    Que vc e seu marido continuem vivendo com muito amor, mesmo…
    Grande beijo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Luh, é estranho, né? Porque quem vê de fora não imagina como isso machuca a gente? Eu tinha amigas que me diziam para esquecer e tal, mas não é assim tão simples, né? :)

  229. Responder

    Renata

    26 de fevereiro de 2013

    G, primeiro eu queria te agradecer – e muito – pela sua coragem em dividir um pouco da sua história, já que assim como eu e voce, tem muitas outras pessoas que passam por isso.
    Eu nasci no japao, e até meus sete anos eu morava lá, até que uma pneumonia me atacou e eu fiquei um ano internada, a minha mae surtou e foi internada, enquanto meu pai ficou desempregado para cuidar das duas, e como eu nao tinha mais tempo a perder segundo os médicos, ele achou mais conveniente eu vir pro Brasil conhecer meus familiares, já que ninguém mais acreditava que eu fosse sobreviver, já que meu pulmao estava nas últimas, e eu tava fraca, sem comer nada…
    E nesse meio tempo, meu pai me levou a igreja, e nós nunca fomos muito religiosos, apenas rezávamos a noite, isso na última semana antes de partir pra cá. E aconteceu de minhas feridas na boca (eu respirava somente pela boca, já que pelo nariz me faltava o ar, e estava me dando feridas por dentro e fora da boca, de tao seca que ficava) desaparecerem aos poucos e eu ter animo a comer, nas primeiras vezes doía, mas estava suportável.
    Minha mae foi diagnosticada com esquizofrenia, e tratou no Brasil enquanto eu estava quase 100% curada em pouco tempo que viemos pra cá e meu pai voltou pro japao, pra pagar as dívidas que ficaram no hospital e tudo, já que ele tinha ficado desempregado.
    Ele ficou 3 anos lá, até meus 10 anos e tentamos voltar 8 vezes, mas sempre no dia do voo algo dava errado. E a minha mae decidiu ir sozinha pra depois minha vó me levar lá, e ela voltou depois de um mes dizendo que eles tinham se separado.
    E foi muito difícil pra eu aceitar, eu sempre acreditei que a culpa fosse minha, que se eu nao tivesse ficado doente nada disso teria acontecido. Foi difícil aceitar que eu nao teria mais uma família unida, que mesmo sendo só nós tres, éramos muito felizes. E entao depois de uns meses meu pai arrumou uma namorada, que eu me culpava ainda mais pela dor da minha mae, já que eu pensava que a culpa era minha mas que era por ter deixado ele ir.
    Em 2010, ele veio morar em Sao Paulo, e eu moro no Rio, com a minha madrasta e a filha dela e hoje eu a aceito super bem, assim como aceito meu padrasto. Mas quando eu olho pra trás, ainda tem aquela cicatriz que está aberta, sabe? Acho que nenhum dos dois sabem disso… eu sempre escondi isso apenas pra mim.
    Eu sempre passo as férias na casa dele, e mesmo dizendo que me ama muito e que jamais me trocaria por nada, parece que ele nem liga muito pra mim sabe? E nada é como antes, somos como desconhecidos, nos damos bem mas nao tem aquela intimidade…
    Eu namoro há mais de 3 anos e meu namorado também sofreu com a separacao dos pais, ele é 9 anos mais velho que eu e parece que a dor é a mesma. O que me faz acreditar que parece que isso nunca vai passar…
    Desculpa eu ter escrito tudo isso, mas é um breve resumo e queria compartilhar a minha história, assim como voce compartilhou. Esse vídeo me ajudou muito, acredite! Eu te acompanho há uns 3 anos e sempre me identifiquei contigo e com as suas maquiagens… mas isso vai muito além. Voce é uma pessoa admirável e nem precisa te conhecer pessoalmente pra saber disso!
    Voce é daquelas pessoas que eu queria ter como amiga próxima rs. Obrigada mesmo Jéssica, acho que de te assistir vou ficar mais destemida e querer mesmo formar uma família, e tentarei de tudo pra fazer dar certo e fazer as coisas acontecerem. E assim como voce, eu também sempre falo que nao quero me casa! rs
    Que Deus te abencoe muito, hoje e sempre. E aaaah, voce me inspira muito viu? Te admiro demais!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada pela palavras e pela coragem de compartilhar isso comigo! Beijos! <3

  230. Responder

    Fabi

    26 de fevereiro de 2013

    Querida,

    Me emocionei junto com vc e passei pela mesma situação!
    Mas hoje sabemos que tudo tem um propósito e que Deus tem o melhor para nós, q Ele sara as nossas feridas e nos cura de qlqr dor.
    Eu consigo ver em vc o amor q vc sente pelo seu esposo quando fala dele e isso é lindo! Hoje em dia o mundo ta “perdido”, falam de amor, sem mesmo conhecer…
    Mas enfim, esse video só me deu coragem para te mandar um e-mail q to ensaiando faz um tempo para mandar… Posso mandar no contato@.borboletasnacarteira.com.br?? Não tem nd a ver com o blog, é mais pessoal e espero de coração q vc leia..
    Você é linda e continue mostrando quem vc é, pois conseguimos gostar ainda mais de vc!

    Fica com Deus!
    Bjs

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Fabi, pode sim! Só não tem esse pontinho depois do @, tá? :D

  231. Responder

    Luciana Cabral

    26 de fevereiro de 2013

    G, emocionante!!! chorei.

    Achei linda a sua coragem de falar sobre você de expor sua vida pessoal, e pode ter certeza de que você está ajudando muita gente sim.

    Eu também tenho pais separados, diferente de vc eles se separaram quando eu ja tinha 27 anos, 6 meses antes do meu casamento, e foi muito muito dificil, imagino vc que não teve a presença dos dois juntos desde pequena, e muito legal você falar do seu casamento que você acredita no casamento e tem que acreditar mesmo e ser Feliz, como vc disse Deus quer nos fazer feliz independente dos problemas e desafios que enfrentemos na vida.

    Desejo pra você muito amor pra você e seu marido, que vcs construam uma família linda e possa passar esses valores que vc tem e são valiosos pros seus filhos no futuro.

    Parabéns pela coragem!!

    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Lu, muito obrigada!! Também desejo que você seja muito feliz com seu marido! Beijos!

  232. Responder

    Reh

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, nunca venho comentar, mas hj tive q vir.
    Vi seu video ontem, e chorei muito pq me vi em muitas partes dele. Percebi q tbm n consigo falar p ngm que quero casar, ter familia… nada, por ter visto muitos exemplos ruins ao longo da vida. Espero que a vida me deixe menos dura e eu consiga admitir isso um dia.
    Muito obrigada por compartilhar isso com nós, suas leitoras. Bjs

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Reh, pode demorar um pouquinho, mas você vai aceitar esse presente! :DD Beijos!

  233. Responder

    Thaís Mota

    26 de fevereiro de 2013

    Me emocionei com você.
    Meus pais são casados até hoje, mas minha mãe teve um primeiro casamento que não deu certo, e nesse casamento ela teve um filho.
    A minha convivência com meu irmão é maravilhosa, não considero ele um meio irmão, nossa relação é ótima.
    Mas por muitos anos eu quis que meus pais se separassem, por egoísmo, por achar que cada um em uma casa eu ia poder fazer tudo que eu queria.. rola um pouco de ciumes da minha mãe com meu irmão, mas depois de muito tempo eu entendi que ela tenta suprir (até hoje, ele tem 30 anos) essa falta que o pai dele fez na infância/adolescência.
    As vezes agnt precisa de umas ‘lições’ pra aprender a enxergar a nossa vida com outros olhos.
    uum beiijo G.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Thaís, com certeza! Minha mãe também foi incrível, nunca me faltou carinho e amor! Mas confesso que fui um pouco mimada por causa disso, rs! :D

  234. Responder

    Maria Lima

    26 de fevereiro de 2013

    G me emocionei muito com seu video, eu tenho esse pensamento na minha vida e dou o meu melhor pra q isso aconteça, meus país não são separados, mas sempre brigaram muito, mas mesmo assim eu casei e tbm faço de tudo pra ser uma familia feliz, mas o q o seu video mais me tocou foi q, o meu marido tem uma filha do 1° relacionamento e vc falando pensei muito nela, então vou prestar mais atenção nela, dar mais atenção, tentar sempre ter uma relação melhor e melhor, afinal fiquei com medo dela ter esse sentimento q como vc disse não é isso. Obrigada por compartilhar sua historia conosco. Bjus
    http://blogmarialima.blogspot.com/

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Maria, infelizmente ela deve ter! A gente sempre acha que a culpa é nossa! Mas para ela se sentir mais amada, diga para o seu marido dar mais atenção, mesmo que ele já dê bastante, como ela não mora com vocês, nunca é suficiente, sabe? :D Beijos

  235. Responder

    Júlia

    26 de fevereiro de 2013

    G, relação entre Pai e Mãe reflete na nossa vida inteira! Sei exatamente o que vc sente! Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, incrível como isso é moldado na gente mesmo quando ainda somos tão pequenos, né?

  236. Responder

    Vanessa

    26 de fevereiro de 2013

    Oi,Ge! Sempre leio seu blog, mas nunca comento. Dessa vez, entretanto, eu tinha que comentar! Sinto mt falta de saber mais sobre sua vida e agora me sinto mais proxima de vc. Namoro ha 4 anos e meu namorado tb ta quereno casar, só que eu mooorro e medo. Tô em panico. Meus pais sao casados, mas nao é um bom relacionamento e tenho medo de ser igual cmg. Obg pel coragem! Vc me inspirou mt!
    Vc é uma linda!
    Bjo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      A gente sempre fica com medo, né? Mas se você acreditar e quiser que dê certo, vai dar! :D Beijão!

  237. Responder

    Hiana Leal

    26 de fevereiro de 2013

    Ain #chorei G…. lindo o vídeo! Esse vídeo me fez pensar muito nas coisas que tem acontecido na minha vida nos últimos tempos. Pode ter certeza que esse vídeo ajudou muita gente! <3

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Que bom, Hiana! :DD

  238. Responder

    Marcela Kamiroski

    26 de fevereiro de 2013

    Ei G, que depoimento lindo! Eu conheci seu blog através de um vídeo da becabrait falando daquele momento que vc tinha perdido o seu canal no youtube e a partir daí venho visitando seu blog quase diariamente, mas acho que se comentei aqui foi uma ou duas vezes no máximo. Mas hj não dá pra sair daqui sem deixar um comentário, para parabenizar sua coragem em se expor assim num ambiente muitas vezes tão hostil como é a internet. Não tem como assistir e não se emocionar junto, sempre achei vc uma pessoa linda e que leva muito a sério seu trabalho como blogueira, o que faz do seu espaço aqui na blogosfera todo especial. Uma coisa que me surpreendi no vídeo é vc falando de Deus, não sabia que acreditava assim. Num mundo onde hj a Palavra Dele é tão desvirtuada por Igrejas querendo só bens materiais é bom ver uma pessoa com um conceito tão sensato e maduro de espiritualidade. Beijocas!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Marcela, eu sou cristã há muitos anos, mas é claro que no começo era aquele fogo de palha, né? Mas com o tempo fui conhecendo um Deus diferente. Fico muito feliz que você tenha gostado do vídeo! :D Beijos

  239. Responder

    Evelyn

    26 de fevereiro de 2013

    Ficou lindo o vídeo!!
    :*

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Evelyn! <3

  240. Responder

    Marielle

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa que vídeo lindo, eu me emocionei mto, pq me identifiquei demais!
    Tbm tenho pais separados, desde os 8 anos, e sempre me senti da msm forma. Mas o que vc falou é certo, talvez isso tudo seja motivação pra fazer diferente e fazer dar td certo.
    Hj eu sou casada, tenho um filho lindo, e uma família feliz! Pq tento fazer tudo da melhor maneira possivel, diferente …
    bjos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Marielle, que legal! Fico muito feliz que seu filho seja abençoado com uma família “inteira” :D

  241. Responder

    Patty Hiraiwa

    26 de fevereiro de 2013

    G, me emocionei muito com seu vídeo.. chorei junto com você, rs.. Com certeza G, Deus reserva algo bom para cada um de nós, e voce passou essa mensagem linda de uma forma muito verdadeira. Beijo! voce é linda!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Patty! <3

  242. Responder

    Ana Caroline Souza

    26 de fevereiro de 2013

    Entendo o que você diz, por pouco um curto periodo da minha vida tive meus pais juntos, até meus 9 anos. Então meu pai decidiu ir morar fora do pais e por consequencia eles acabaram se separando. Não tenho mais contato com ele, e infelizmente ele não tentou ser uma pessoa presente. Você tem sorte de pelo menos te-lô por perto. Muito bonita sua história, me emocionei com você.
    Te acompanho diariamente, parabens pelo trabalho :)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Ana Caroline!! <3

  243. Responder

    ana

    26 de fevereiro de 2013

    adorei o video

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      :)

  244. Responder

    MARCELLE

    26 de fevereiro de 2013

    Visito seu blog faz algum tempo já, mas nunca comentei! Tenho que confessar que estou viciada nos seus tutoriais de maquiagem, no começo não curtia mt as maquiagens mas agora estou gostando de mais e posso dizer que você melhorou muito e está fazendo maquiagens lindas *-* Espero que não fique chatiada com isso, pois é um elogio haha Continue assim, e ahh sinto falta das teorias de PLL :((( Bjssss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Marcelle, eu iria ficar chateada se fosse o contrário! HAHAHA <3

  245. Responder

    Dudda

    26 de fevereiro de 2013

    Lindo G!
    Te admiro muito, você merece tudo de bom ♥
    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Dudda!! <3

  246. Responder

    Sara Primon

    26 de fevereiro de 2013

    Adorei o vídeo e me emocionei.
    Que Deus continue abençoando sua vida
    e seu casamento.

    Muito legal vc compartilhar esse assunto
    tão íntimo. Parabéns.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Sara! Muito obrigada! <3

  247. Responder

    Nina Magrin

    26 de fevereiro de 2013

    Oiiii G…
    Você é muito corajosa em expôr algo tão pessoal assim,
    mas que com certeza é algo que irá mudar a vida de muitas meninas, Deus é perfeito e Ele sempre quer nos dar o melhor, mas nem sempre nós deixamos Ele agir nas nossas vidas, por muitas vezes pensamos “Nossa porque Deus permitiu que isso acontecesse” mas na maioria das vezes é nós mesmos que fazemos com que as coisas aconteçam, Deus nos dá o caminho correto a seguir, nos mostro por onde devemos ir, o que devemos fazer, mas também Ele nos da livre arbítrio, ou seja, Ele nos dá a direção, agora se nós “pegarmos” o caminho errado a culpa não é de Deus e sim nossa, e você soube escolher o caminho certo, de ter a sua família, e ela ainda irá aumentar, você terá seus lindos filhos, abençoados, com saúde e felizes…. já tive problemas em um relacionamento e cheguei a dizer eu não vou casar, não irei mais namorar sério e depois Deus veio e me deu uma pessoa maravilhosa que é o Gustavo, o meu marido, em abril completamos 3 anos de casados…. E sou imensamente grata a Deus por fazer com que eu trilhasse o caminho certo!!

    Deus te abençoe cada dia mais e mais, com saúde, alegria, felicidade, união, companheirismo, amor, paz e o resto como bens materiais Deus nos dá quando menos esperamos. Beijokas

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Nina, muito obrigada pelas palavras!! Te desejo tudo de melhor!! <3

  248. Responder

    Fiquei Bonita?

    26 de fevereiro de 2013

    Que bonitinha GFlores! Adorei!

    Acompanho o blog faz pouco tempo, mas me identifiquei muito com você, tanto com seus gostos como suas atitudes, sua dedicação com o blog, seus conceitos, enfim!
    Nunca comentei, mas hoje senti vontade de demonstrar afeto com esse seu vídeo. Embora tenha pais casados, sua mensagem foi muito importante em outros quesitos de minha vida. O trabalho! Ainda procuro minha realização e com certeza, Deus deve ter um plano muito maior para mim, para todos nós. :)

    Um beijão, Paula.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Com certeza!!! Beijão, Paula! :D

  249. Responder

    Gabrielle

    26 de fevereiro de 2013

    Gê, chorei junto… Leio seu blog a muito tempo, mas nunca havia comentado. Ja te admirava muito pela sua sinceridade e simpatia, agora pela sua coragem de contar um pouco sobre sua vida ( tenho pais separados tbm) te admiro ainda mais… Linda sua maneira de se expressar, te desejo toda a felicidade, que Deus continue te cobrindo de bençaos pois voce mereçe o MELHOR… Beijos.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Gabi!! <3

  250. Responder

    Jessica

    26 de fevereiro de 2013

    Acredite, os planos de Deus são bons, perfeitos e agradáveis para os seus queridos.

    Linda superação….

    Beijos.
    Jessica
    unicafashion.com.br

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade!! <3 Beijos, Jé!

  251. Responder

    Camilla

    26 de fevereiro de 2013

    Chorei horrores!!!
    Parabéns pela superação e a vitória que Deus te deu!!!
    Muito amor na sua família!!!

    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Camilla! :D

  252. Responder

    Mari Lopes

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Ge!!
    Caramba, passei por dificuldades também e seu vídeo mostra exatamente como podemos acumular sentimentos e não externalizá-los…fiquei mto emocionada e por pouco não chorei junto com vc heheh
    Parabéns por colocar td pra fora, sei como é difícil, ainda mais em um vídeo. Jamais se envergonhe por chorar, isso não mostra que vc é frágil, mas que é humana.
    De fato, td na vida tem um motivo e cabe a nós enxergamos e aprendermos, adquirindo sabedoria pra lidar com as situações…A vida é linda demais, nada vale a pena se preocupar tanto(mesmo pq isso dá rugas! haha), é só saber viver :)

    Bjos!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Concordo, Mari!! Muito obrigada pelo apoio! <3

  253. Responder

    Maythe Dantas

    26 de fevereiro de 2013

    adorei o vídeo amore e passei por isso por apenas um ano da minha vida mais foi mt dificil :'(

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É sempre muito ruim para os filhos, né? =(

  254. Responder

    Heloísa

    26 de fevereiro de 2013

    G adorei o vídeo! Tenho acompanhado essa tag da Flavinha e me emocionei com você, mesmo os meus pais não sendo separados, eu também acredito que Deus tem um plano para todos nós.
    Parabéns G!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Helô! <3

  255. Responder

    Jéssica

    26 de fevereiro de 2013

    G, nunca havia comentado no seu blog antes, mas o acompanho há anos, adoro seu jeito, a forma que você fala em frente a câmera, modo de maquiar, enfim… mas hoje me emocionei de verdade com seu vídeo, por ter vivenciado a mesma experiência e com o tempo aprendi a mesma lição que você, que Deus tem planos muito maiores do que a nossa compreensão pode entender, as vezes temos que passar por algumas experiências para saber lidar com outras, adorei de verdade seu vídeo, fez com que minha admiração por você aumentasse ainda mais.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Que bom que esse vídeo te tocou de alguma forma, fico muito feliz! <3 Beijos, Jé!

  256. Responder

    Thaís Terra

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G, vi o vídeo ontem de noite no seu canal, antes de você postar aqui no blog e me surpreendi com sua sinceridade e simplicidade. O vídeo sem sombra de dúvida ficou como você queria: “à altura da Flávia”…verdadeiro e emocionante….
    Me emocionei quando vi…sério mesmo, não estou mentindo só pra fazer cena aqui no comentário…com certeza suas palavras me ajudaram no momento de mudanças pelo qual estou passando…
    Parabéns pelo seu sucesso, pela sua simplicidade, pelo seu esforço e principalmente pela sua garra…

    Um grande beijo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Own, Thaís! Que bom ler isso! Me sinto abraçada quando vocês dizem que se emocionaram, porque é uma coisa que muita gente sente e nem sempre expõe, né?

  257. Responder

    Luzia Silva

    26 de fevereiro de 2013

    G amei o video…fiquei super emocionada, pq tbm passei por isso…Um bj.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Beijo, Luiza!

  258. Responder

    Daniele Vale

    26 de fevereiro de 2013

    Não sou chorona, mas não consegui conter as lágrimas. Tive meu pai e minhã mãe juntos, muito felizes até meus 14 anos, quando o Senhor achou por bem levar meu pai para junto dEle, mas me coloquei no seu lugar. Apesar do seu relato de dor, fico feliz em ver que você percebeu que Deus tinha um plano maior pra você. E com Deus tudo se faz novo! Que a cada dia você possa sonhar os sonhos de Deus pra sua família, e aposte no ‘para sempre’. Acho que a grande diferença hoje em muita gente que se casa é o fato de não apostarem no para sempre, e pensarem que é um test drive, se não der certo, não, vai cada um pro seu lado.E quando a gente casa pensando na famìlia como projeto de Deus, a gente se compromete a fazer de tudo para que dê certo. Eu amo meu marido, e a minha maior alegria é fazer ele feliz. Compartilhamos da mesma fé, dos mesmos princípios, e dos mesmos sonhos. Parabéns,que Deus abençoe sua família.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Dani, é verdade! Hoje o casamento não tem mais tanto valor, sendo que é uma das maiores bênçãos de Deus para nós, né?

  259. Responder

    Márcia

    26 de fevereiro de 2013

    Ai Ge que video legal! Eu sempre te assisto e não sabia dessa fase difícil da sua vida…achei super interessante ver o quanto vc amadureceu com toda essa situação e o quanto isto te fez aprender que DEus sempre quer o melhor pra gente mesmo as vezes sendo quase impossível acreditar nisso. Tb admiro muito a sua coragem de se expor assim pro mundo por isso te desejo sucesso. Bjus

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Márcia! Beijos!

  260. Responder

    Heloísa

    26 de fevereiro de 2013

    G adorei o seu vídeo! Tenho acompanhado essa tag da Flavinha e me emocionei com o seu vídeo, mesmo os meus pais não sendo separados, acredito também que Deus tem um plano para todos nós.
    Parabéns G!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém!!! <3

  261. Responder

    Mariana

    26 de fevereiro de 2013

    G, parece que você tirou as palavras da minha boca … tudo o que eu ‘sentia’ em relação ao meu pai. Meus pais também se separaram quando eu tinha 3 anos ! Mais Graças a Deus, Ele tirou essa mágoa enorme que eu sentia no coração … E hoje tudo o que eu mais quero é fazer o meu marido feliz e que nos tenhamos um casamentp saudável e pra vida inteira .. Também casei nova, igual você ! hahaha
    Me emocionei e chorei junto ! ♥

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      <3 <3 <3 Que bom que você também aceitou esse presente de Deus!

  262. Responder

    Danielle

    26 de fevereiro de 2013

    G, sempre me achei muito parecida com você… no jeito, opiniões… sei lá… com esse vídeo eu tive ainda mais certeza do quanto me pareço com você. rs Chorei! :/ Meus pais são separados desde que eu tinha 4 meses e eu passei pelas mesmas situações que você, inclusive de ficar esperando ele vir me buscar e isso não acontecer ou dele me esquecer na casa da minha vó… rs sempre tive medo de me relacionar e confiar nas pessoas por tudo o que eu sofri no universo que eu idealizei pra minha vida, chegava a inventar histórias que eu gostaria que fossem reais e acabava afastando ainda mais as pessoas de mim. Tive um único namorado, hoje meu noivo e meu futuro marido, que me ensinou muitas coisas e que pegou no meu pé, brigou comigo pra que eu entendesse que as pessoas não são como o meu pai e que não é porque aconteceu com os meus pais que vai acontecer comigo. Estou com ele a quase 6 anos já, passamos por muitas dificuldades no relacionamento, inclusive por esse trauma que eu tinha, e muitas pessoas não acreditavam que fosse dar certo (por mim) mas hoje podem ver a minha mudança e a transformação que Deus fez na minha vida. Hoje eu entendo exatamente o que você disse, que os planos de Deus pra mim e pra minha vida são muito maiores do que um dia eu sonhei ou imaginei. Não tenho um bom relacionamento com o meu pai porque ele não permite que eu me aproxime dele… mas oro por ele e coloco-me sempre à disposição, ligo pra saber se está tudo bem, mesmo que ele me trate mal, a minha parte estou fazendo. Estou de casamento marcado e pensando como você, que vai ser pra sempre, que vai ser diferente, que eu vou dar o meu melhor pra que tudo dê certo, que eu vou ter paciência e pedir pra Deus sabedoria pra lidar com as situações que surgirem.

    Obrigada por ser tão especial na vida de tantas pessoas! ;)
    Deus te abençoe infinitamente mais.

    Beijocas ;**

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Dani, chorei de novo com seu comentário! Entendo que algumas pessoas tenham medo de enfrentar o passado, talvez seu pai tenham esse receio, ache que você vai querer alguma coisa em troca, ou sei lá! Mas você está certa e fazendo sua parte! Que Deus te abençoe mais e mais! <3

  263. Responder

    Mari Miranda

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa, eu me identifiquei muito com sua história! Muito mesmo! Meus pais também se separaram quando eu tinha 3 anos, e eu acho que senti algo tão forte que nem mesmo me lembro do que sentia. Só sei minhas reações porque minha mãe me conta, porque parece que meu cérebro bloqueou qualquer informação sobre isso! E, além de eles serem separados, eles viviam brigando. E brigavam através de mim, até o dia em que eu dei um basta quando era mais velha. Até hoje eles não se falam direito e minha relação com meu pai é super complicada, não por conta da separação, mas por conta da pessoa que ele é.
    E noooooossa, eu JURAVA que nunca ia me casar, teve época que eu disse a mim mesma que nunca ia nem ter filhos. Pra mim nenhum relacionamento era 100% verdadeiro, eu não conseguia conceber um casamento onde o casal se amava de verdade por tanto tempo, era tudo simplesmente… meio falso. Porque eu não via isso na minha casa. Além do que eu morria de medo de achar alguém igual ao meu pai. O que mudou radicalmente minha concepção foi quando eu comecei a namorar com meu namorado atual (que é meu primeiro namorado, porque eu sempre afastei toda e qualquer possibilidade de relacionamento de mim) e vi que sim, isso é possível. Principalmente quando conheci meus sogros, que são um casal maravilhoso e claramente se amam, se respeitam e, sei lá, viraram meu exemplo de que isso é, sim, possível.
    E você tem completa razão, Deus só coloca na nossa vida aquilo que conseguimos aguentar e, no final, tudo tem um propósito maior, tudo vai ficar bem, a gente só tem que ter fé, força e esperança.
    Adorei seu vídeo, foi provavelmente o que eu mais gostei dessa tag, por ter me identificado mais!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Mari, eu também não queria ter filhos, por medo de acontecer o que aconteceu comigo, mas que bom que a gente amadurece e muda, né? Fico feliz que você tenha encontrado uma pessoa especial e que você esteja realizando seus sonhos e os planos de Deus! :D

  264. Responder

    MAIARA LIMA

    26 de fevereiro de 2013

    Oiiee, Gê. Chorei com seu vídeo. Chorei porque entendo de certa forma o que passou contigo.
    Tenho 24 e irei me casar em Setembro, mas quando estava com 13 anos meu pai faleceu, e ele era tudo o que imaginava de um ser maravilhoso. Ficava questionando Deus porque tinha feito aquilo comigo, porque tinha tirado o meu anjo de mim.
    Durante muito tempo sofri calada, sem ninguém saber, pois não queria que minha mãe sofresse com o meu sentimento de tristeza.
    Então os anos passaram e continuei questionando e sofrendo, e quando eu estava com 17 anos meu melhor amigo sempre comigo se apaixonou por mim, e quando dei por mim tbm estava apaixonada, começamos a namoara, hoje temos quase 7 anos de relacionamento, e somos muito felizes juntos. Construímos uma casa e estamos construindo a vida aos pouquinhos.
    Hoje entendo que meu anjo se foi, mas que Deus foi tão glorioso comigo que me deu outro, para poder fazer meus sonhos se realizarem, e que aquele meu anjo que está lá no céu possa ver e abençoar minha vida cada vez mais.
    Posso dizer que Deus é perfeito em tudo que faz, através DELE conheci o amor sincero, de ambos os lados.
    Parabéns pelo seu depoimento.
    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Maiara, que linda a sua história!! Fiquei emocionada e pude sentir o amor em suas palavras! Muito obrigada por compartilhar isso comigo! <3

  265. Responder

    Luana

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G,
    Esse foi seu melhor video. Minha história é 90% parecida. Também sou filha de pais separados, faço analise há anos, e morro de medo de casamento…
    Espero que um dia eu supere a minha magoa da mesma forma que você superou.
    Abraço!!!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Com certeza, vai, Lu! No tempo certo! <3

  266. Responder

    bruna priori

    26 de fevereiro de 2013

    G, adorei o vídeo S2

    Muito emocionante sua historia enviei o link pra minha irma ver, ela tem uma historia de memórias gravadas bem parecida, espero que fale com ela, pois mesmo tendo nossos pais separados não sofri nada por isso.
    Fico feliz em saber que você superou esse problema e hoje conta sem problemas a história…
    Bjs

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Bru, tomara que sua irmã assista!! Vai fazer bem pra ela! Beijão! <3

  267. Responder

    Alyne

    26 de fevereiro de 2013

    Ahh G que vídeo lindo passei por uma situação parecida em minha vida e difícil mesmo no meu caso adiei muito mais a casar pois quando consegui mesmo aceitar que tava na hora ja namorávamos a 7 anos .Mais e duro a gente tem muito medo de passar o que os nossos pais passaram a pois eles são a nossa referencia …Aiii fica pairando na nossa cabeça E Se comigo for igual???? Tenho que concordar com vc Deus sempre tem algo novo e bom a todos nos e temos sim que dar o primeiro passo e deixar coisas boas entrar em nossa vida Te admiro muito Bjusss

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Alyne!!! Fico feliz que você tenha gostado do vídeo! <3

  268. Responder

    Laís Persi

    26 de fevereiro de 2013

    G, muito emocionante o vídeo, chorei aqui também, pois passei por uma situação muito parecida de problemas com meus pais também. Realmente é muito doloroso, e fico muito feliz em saber que você venceu essa etapa e que eu estou no caminho certo e acredito que Deus tem um plano maior para mim também. Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Com certeza Ele tem, Laís! :DD Beijos

  269. Responder

    ines

    26 de fevereiro de 2013

    Nossa gostei muito do seu vídeo para a Fla de todos ate agora o seu está sendo o meu preferido, parabéns pela sinceridade gostei muito =)

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Que bom que você gostou, Ines! <3

  270. Responder

    Juliana Vargas

    26 de fevereiro de 2013

    Liinda!!
    Parece que eu me vi no vídeo. Não tiro, nem acrescento nada do que vc falou. Meus pais se separaram na mesma época, e eu sempre sentia essa mesma culpa, e sempre digo que nunca vou me casar. Foi emocionante e ao mesmo tempo engraçado, pq eu achava que só acontecia comigo!
    Parabéns pela coragem de se expor assim, e contar sua história! Parabéns pelo Blog (<3 amo) e muito sucesso!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Ju, ixi, acho que todo mundo se sente assim quando os pais se separam, né? Deve ser um sentimento universal, infelizmente =(

  271. Responder

    PLara

    26 de fevereiro de 2013

    G, muito obrigada pela mensagem q vc deixou nesse vídeo! Estou passando por um momento difícil na minha vida, estudo p concursos, já passei em vários, mas nada de ser nomeada. Quero trabalhar, produzir, viver (afinal, essa vida de estudos é mto sacrificante, abri mão de muitas coisas por ela), mas tá demorando mais do que eu imaginava. É mto complicado abdicar de momentos de diversão, de namoros para focar nos estudos e não ver um resultado, mas tenho certeza (agora mais do que nunca) de que Deus está reservando algo muito bom pra mim, que Ele tem o tempo certo de tudo e que tudo isso q estou passando agora é um aprendizado necessário.
    Enfim, novamente, muito obrigada por abrir seu coração (tb abri o meu pra vc, viu? rsrs)! Espero que você seja muito feliz c a família que vc está criando c seu marido!
    Bjão

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi PLara, muito obrigada!! Tenho certeza de que tudo o que você está plantando hoje, vai servir, de alguma forma, quando você colher o que te espera! :DD

  272. Responder

    Danielle Pires

    26 de fevereiro de 2013

    Oi Je !!
    Achei seu vídeo a coisa mais linda do mundo e confesso, me emocionei com você ! Tenho pais separados também mas como fui criada pela minha avó e meu avô, não senti tanto.. eles fizeram MUITAS vezes, papel de meus pais (ainda fazem).
    Tenho certeza que você vai ser muito feliz no seu casamento e mais ainda, certeza que será um ótima mãe…
    Beijos, fique com Deus e seja sempre muito feliz !!! Dani

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Dani!! <3

  273. Responder

    Mirja Churquina Corro

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G!!
    Nossa, fiquei muito emocionada com teu vídeo… Eu também passei por isso e sei que não é fácil. Somente o tempo e Deus nos mostra a direção certa a ser seguida, mas temos que fazer nossa parte também. Acho que muitos que passam por essa situação e não comentam, guardam para si tudo o que sentem. Teu vídeo com certeza ajudará a muitos.
    Bjs.

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, eu mesma nunca tinha falado disso dessa maneira, tão abertamente! :)

  274. Responder

    Amanda

    26 de fevereiro de 2013

    Amei o vídeo G!

    Super emocionante…

    Só tenho apenas uma coisa a dizer… perdoar… essa é a palavra!

    E tenho certeza que hoje você já sabe disso mas nunca foi a sua culpa e seu pai nunca deixou de ser o seu pai.

    Perdi o meu a 2 semanas e só posso dizer que aproveite muito o seu… ame-o todo o dia… pq por pior que eles sejam eles são os nossos pais… e apesar de ser cliche é a mais pura verdade: pode ser ruim com eles mas é milhoes de vezes pior sem eles!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      É verdade, Amanda! Graças a Deus, o meu pai é incrível, foi apenas uma coisa que não deu certo, mas hoje eu sei que não foi minha culpa! :) Obrigada pelas palavras!

  275. Responder

    Nayara Vieira

    26 de fevereiro de 2013

    Gê, achei espetacular seu vídeo, chorei junto com você, parabéns por você ter acreditado até o fim no que Deus preparou pra você, tenho uma história bem parecida com a sua, a diferença é que namoro a 9 anos e todo ano tento casar, mais esse ano vai mudar já dei entrada no cartório /, esse ano as promessas de Deus se cumprirão na minha vida, bjãoooo

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém!!! Que você seja muito feliz! <3

  276. Responder

    Li

    26 de fevereiro de 2013

    G…minha linda!!! Eu ameiiii o vídeo!!! Assisti pelo celular andando na bicicleta, pensa em uma pessoa suadaaaaa e se segurando pra não chorar…pq né…ia ser no mínimo estranho….hahaha, mas à noite assisti de novo e não teve jeito…CHOREIII!!!

    É bem isso msm Deus sabe das coisas…Ele sabe o que faz e a gente não sabe o que fala!!!

    Graças a Deus sempre tive pai presente, vc viu no face que postei um foto deles, completaram 34 anos de casados no domingo!!!! Mas em contra partida, sempre achei que o casamento não fosse pra mim, pois tive 2 namoros longos…1 4 anos e outro 1 ano e pouquinho e ao contrário de vc, sempre criei expectativa pro casamento…o que não rolava…e cheguei a pensar…pq NUNCA dá certo pra mim???

    MAs DEUS é tão maravilhoso que colocou o Augusto na minha vida…ele é muito mais do que eu realmente mereço, um homem maravilhoso e tudo está caminhando para realizarmos o meu maior sonho…nosso apê tá quase já…e os preparativos pro grande dia já está rolando!!!

    Se já te admirava…hj admiro mais…Amiga, sim eu te considero uma amiga…virtual…isso ainda é estranho pra mim…hahahaha, mas é uma mulher Madura e pé no chão!!!

    Beijo e desculpa o “testemunho”!!! Beijo…

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Li, por isso que eu disse que esse vídeo serviria para várias situações, né? Afinal, Deus tem um plano para todos, não só para quem tem os pais separados! Fico muito feliz que você esteja realizando seu sonho! :D

  277. Responder

    Laísa

    26 de fevereiro de 2013

    G, foi incrível o que você falou! Também tenho meus pais separados, aconteceu quando eu tinha 12 anos. No meu caso, o complicado foi saber e vivenciar e lembrar até hoje como tudo aconteceu, presenciar os motivos. Mas como vc, hoje acredito que superei por lado, tentei enxergar eles apenas como pais e não como marido e mulher, para não ficar magoada com os erros que eles cometeram. Creio tbm que Deus é Maravilhoso e escreveu uma história linda para cada um. Creio que ele não deixa uma folha de uma árvore cair a toa, então, com certeza, isso que aconteceu na sua vida, o que aconteceu na minha vida e na vida de tantas outras pessoas não é em vão. Tenho certeza que com esse vídeo vc vai ajudar muita gente a olhar sua situação de um jeito diferente, e acima disso, agradar A Deus.
    Um beijo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Laísa! Fico até emocionada de saber que vocês se identificaram com o vídeo, porque é um assunto delicado, né?

  278. Responder

    Suelen Lemos

    26 de fevereiro de 2013

    G, um dos videos mais lindo que vi, muito emocionante, as vezes temos nossos pais do nosso lado e não damos tanto valor… acho que muitas pessoas vão repensar depois que ver seu vídeo!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Espero que sim! :)

  279. Responder

    Marilia P

    26 de fevereiro de 2013

    Sua linda! Fiquei muito emocionada.
    Ontem mesmo comentei do quanto admiro seu casamento, e por coincidência, hoje vejo esse vídeo lindo e sincero.
    Você disse em um vídeo, há pouco tempo, que sua “prioridade” era fazer seu casamento dar certo. Admirei muito sua postura e vc é para mim um exemplo.
    Namoro desde os 16 anos (com a mesma pessoas) e nenhum de nós teve a experiência de viver uma família tradicional. Meus pais se separaram quando eu tinha 5 anos e ele nunca conviveu com o pai. Aparentemente, nenhum de nós sofreu com isso durante a vida. Parece que nós dois aprendemos a lidar bem com a falta de nossos pais. Porém, ao ficarmos juntos, ao irmos morar juntos, percebemos que as coisas não são tão fáceis e que precisávamos aprender a conviver em harmonia, a nos respeitarmos e tornarmos a ritina algo prazereso. Isso tem que ser feito todos os dias, é preciso se dedicar e colocar seu parceiro acima das outras coisas da vida (não que vc vá viver em função dele, não entendam mal, mas a questão é se dedicar ao máximo para fazer as coisas darem certo).
    Também tenho certeza de que Deus está ao lado de todos aqueles que amam e que desejam sinceramente ter uma família feliz. Como meu namorido diz, respeito e companheirismo são a base de um relacionamento. Procuro sempre me manter firme nestes princípios. Daqui um tempo iremos nos casar e espero que NUNCA nos separemos.
    Parabéns pelo caráter, por ser quem vc é e por dividir isso conosco. Sabe que te admiro muito!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Oi Má, é verdade, casamento não é fácil, são pessoas diferentes, criadas de maneira diferente, vivendo em um espaço pequeno, então conflitos vão acontecer, mas o importante é ter foco e querer que dê certo! :D

  280. Responder

    Mônica

    26 de fevereiro de 2013

    Adorei G…
    Você é uma fofa. A cada vídeo você me surpreende mais.
    Lindo vídeo, linda lição…
    Tenho meus pais comigo, mas, sim, já teve momentos em que meu pai quis fugir, nos abandonar… Coisas do tipo.
    Não posso dizer que sei como você se sentia, mas, achei divino o jeito com que você encarou isso e contou pra gente.

    Parabéns, te adoro e te admiro muito!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Mônica! <3

  281. Responder

    Aretusa Soares

    26 de fevereiro de 2013

    GFlores,

    Com certeza, de todos os vídeos que já assisti esse foi simplesmente o melhor!

    Eu também creio nessa verdade, Deus tem um plano especial para cada um de nós, e o primeiro deles é a família.

    Um beijo,

    Are

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Beijão, Are! <33

  282. Responder

    Jucivânia

    26 de fevereiro de 2013

    G, que linda você! Me emocionei. Assim como você vivi o mesmo, mas desde o inicio falava pra mim mesma que não era aquilo que eu queria para a minha vida. Hoje, graça a Deus, e pelas linhas tortas (duvido muito que Deus escreva por linhas tortas!) que ele escreve, tenho minha familia, minha vida e pretendo levar a serenidade dela por toda minha vida.
    Ah, tenho o costume de dizer, “Deus escreve o certo por linhas certas, nós é quem as entortamos”. Um beijo para você e para Flavinha, minhas preferidas!

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      HAHAHAH, é verdade! Acho essa frase mais real :DD

  283. Responder

    Juliana

    26 de fevereiro de 2013

    Oi G , mto lindo seu depoimento!!!
    A verdade é que a gente toma pra si algumas coisas e tenta tornar aquilo verdade, mas ainda bem que existe um Deus que “amolece” nossos coraçoes e nos faz ver que a grande verdade que temos que tomar pra nos é a de ser FELIZ e nada mais :) …. um gde beijo, desejo que voce tenha uma união ainda mais abençoada e feliz :*

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Amém, Ju!! <3

  284. Responder

    Cris Schwartzmann

    26 de fevereiro de 2013

    Ownnnn, arrasou =’)

    Resolvi comentar pq me identifiquei totalmente.
    Meus pais também são separados desde muito pequena, e sei exatamente como vc se sentia. Acredito que TUDO na vida é aprendizado, e tudo tem um propósito divino, como vc disse…

    Parabéns pela cara e coragem, G! Gostei mesmo!

    Beijos

    • Responder

      G Florees

      26 de fevereiro de 2013

      Obrigada, Cris!!! Me sinto abraçada quando vocês comentam que o vídeo fez “sentido” para vocês! <3

    • Responder

      Daniele Ribeiro

      26 de fevereiro de 2013

      Me emocionei, chorei mesmo. Que pura e sincera suas palavras. Graças a Deus eu tive e tenho uma família maravilhosa, com pai e mãe que são exemplos de tudo pra mim. Vendo vc falar me deu mais vontade ainda de valorizar isso cada dia mais.

      • Responder

        G Florees

        26 de fevereiro de 2013

        Valorize mesmo, você não sabe como faz falta para quem não tem! <3

LEAVE A COMMENT