5 coisas que eu aprendi com meu cachorro

Esse mês, o Toddy fez seis meses de vida (own, que nenis!) e três aqui em casa. Desde que ele chegou, nossa rotina mudou completamente e tudo que eu achava que sabia sobre cães e animais de estimação, foi por água a baixo. Aliás, parece que eles vivem para quebrar qualquer preconceito que a gente tenha, né?

5 coisas que aprendi com o toddy meu cachorro borboletas na carteira

Tenho aprendido muito com ele e resolvi contar pra vocês 5 dessas coisas. E olha que essas são só algumas das coisas, porque o Toddy é quase um mestre sábio do ensinamento, cada dia eu aprendo mais com ele, kkkkk:

  1. Rancor não leva a nada: Sabe quando você sai e esquece a porta do banheiro aberta e quando volta, seu cachorro simplesmente travou a 3ª Guerra Mundial contra o rolo de papel higiênico? E aí você briga com ele, diz que não pode, que ele tá proibido de entrar no banheiro e 2 minutos depois ele está do seu lado esperando um carinho? Eles são incapazes de guardar mágoas e acumular rancores. É lindo e puro a capacidade deles de perdoar e, muitas vezes na vida, a gente deixa amizades passarem porque estamos muito magoadas para dar o braço a torcer, né?
  2. Bens materiais não valem tanto assim: Eu nunca fui apegada à bens materiais, nunca fui mesquinha e nunca escondi coisas para não dividir com os outros (exceto comida, porque né, quem nunca guardou o último chocolate na gaveta pra comer sozinha, mais tarde? kkkkk). Mas depois que o Toddy chegou, isso ficou ainda mais evidente. Não dou a mínima para minhas almofadas jogadas no chão e todas babadas porque ele ficou brincando, não ligo pros meus tênis e chinelos destruídos, não me importo dele estragar o tapetinho do banheiro…
  3. Seja verdadeiro e diga quando gosta de alguém: Acho que não preciso nem explicar, né? Não tem nada mais verdadeiro do que a festa que um cachorro faz quando você chega em casa, depois de algum tempo fora. Ele até sorri (vocês já repararam se o cachorro de vocês sorri?), sobe em você, faz você parar tudo e tirar um tempinho para “ouvir” o que ele tem a dizer.
  4. Aprenda com os erros: Cachorro pequeno, dá trabalho. Quem diz que é tudo lindo e maravilhoso está mentindo. É difícil educar, ensinar o que pode e o que não pode, onde fazer xixi e cocô, acostumar a ficar sozinho… Mas tudo é um aprendizado. Assim como eles, a gente também aprende errando e cada erro, seguido de alguma coisa que nos marca, vai ser lembrado para sempre. Mas com o tempo, a gente pega o jeito e aprende o certo.
  5. As melhores coisas não tem preço: A gente escuta essa expressão desde sempre, né? Mas acho que nada a simboliza mais do que nossos bichinhos de estimação. Podemos comprar o presente mais lindo, o bichinho mais fofo do Pet Shop, a cordinha mais colorida, a bolinha que pula e faz barrulho, mas nada vai ser mais legal do que uma garrafa pet vazia!

Como eu disse, essas são só algumas coisas, se vocês quiserem posso fazer outro post contando mais um pouco sobre essa experiência de ser mãe de um peludo ♥

(Visited 410 times, 1 visits today)

RELATED POSTS

45 Comments

  1. Responder

    bebel

    23 de novembro de 2014

    Que delícia , é a pura verdade e eles sentem exatamente o que estamos sentindo, se estamos tristes eles tem nos alegrar o simplesmente nos enche de carinho como apoio. A pureza de uma animal é tudo que todos deveriam provar. amei o post, pode repetir sempre.

    Beijos

  2. Responder

    Camila L

    11 de novembro de 2014

    Falou tuuuudo! E uma coisa é certa, uma casa com cachorro é bem diferente de uma casa sem. Tem mais bagunça? Tem sim! Mas tem muita vida tambem <3
    Meus cachorros sao médios, eles sao malucos por garrafa de 2 litros logo, e papel –' (sabe papel que vem dentro de tenis? então, é o favorito do meu) tanto que acostumamos com a bagunçakkkk
    Beijos

  3. Responder

    Marilia P

    28 de outubro de 2014

    Tantos aprendizados importantes em apenas três meses ^.^
    Só criaturinhas tão abençoadas mesmo para proporcionar tantas coisas boas em tão pouco tempo, né?! Muito lindo o post :-)

    • Responder

      G Florees

      29 de outubro de 2014

      É verdade, e tenho certeza que vou aprender muito mais com ele <3

  4. Responder

    Mayara

    27 de outubro de 2014

    Amei!
    Foi muito inspirador =D

  5. Responder

    janaina

    27 de outubro de 2014

    Amei o post pura verdade meu cachorro é meu companheiro, amigo e fiel está sempre ao meu lado!

  6. Responder

    Luana

    25 de outubro de 2014

    É verdade, e quando não estamos legal e eles vem deitar junto da gente, nós tem 2 dachschund, um casal, e o nitro é mais apegado cmg, e a cacau com o meu marido. Eu to deitada na cama ou sofá ele já vem deitar de conchinha comigo, é uma delícia. E quando eles pegam uma coisa sua e ficam brincando, esses dias o nitro pegou uma minha esponja da beliz tipo a beauty blender e estava em cima da minha cama de bariga para cima com as mãosinhas segurando a esponja e mordendo todo feliz, e eu? tive que dar risada e aposentar a esponja!
    São nossos pequeninhos!

  7. Responder

    Ster Avelar

    24 de outubro de 2014

    Um dos post mais lindos do blog, G. É incrível como eu me identifico com vc. É incrível não te conhecer pessoalmente e me sentir tão próxima. Os nossos bichinhos são, sem sombra de dúvida, a nossa maior alegria. Eu tenho uma shitzu, se chama Jully. Eu conheci a Jully porque a ex dona dele teve bebê e teve que doar a Jully. E a apesar da Jully ter sentido muito toda a mudança na vida dela, ela se apegou a nós de uma maneira incrível. É o amor da minha vida. Jully manda um beijo para o Toddy e outro pra vc hehe

  8. Responder

    Adriane

    24 de outubro de 2014

    É G, é tudo isso e muito mais, mas para mim a primeira questão que você colocou a do rancor, é a que mais me marcou, eles são bem assim mesmo, nos amam SEMPRE, e os bens realmente perdem todo aquele valor que dávamos antes, alias eu me preocupo mais que ele se machuque com as coisas do que se quebrar algo…. AMO meu cachorro!

    Bjssss

    http://www.caseiquerocasa.blogspot.com.br/

  9. Responder

    Ana Carolina

    24 de outubro de 2014

    Meus cachorros também amam garrafa pet vazia kkk achei q eram só os meus. Adorei o post. O Toddy é muito lindo!

  10. Responder

    Viluma B.

    24 de outubro de 2014

    Adoro os posts que envolvem o Toddy! Eu já tive outros cachorros, mas há 9 meses ganhei o Marley que é um poodle e fica dentro de casa, cada me apaixono e aprendo mais com ele!

  11. Responder

    Tatiane Nascimento

    24 de outubro de 2014

    O que a gente não aprende com esses fofos né?Sempre na minha vida tive cães,mais do lado de forada minha casa,só agora que casei tenho uma que fica dentro de casa e manda em tudo…hahahhh

  12. Responder

    Julia Navarro

    24 de outubro de 2014

    G, posso assinar em baixo tbm ?? Amanhã faz 1 mês que o Ozzy está aqui em casa ( ele é um pug e tem 3 meses de vida) e como está mais gostosa nossa casa, um ambiente mais leve, a gente mais unido. Ele é terrível, mas como vc disse é tudo um aprendizado. Antes eu gastava rios de dinheiro cmg, comprando maquiagem e roupas q eu nem precisava, agora é tudo pra ele .. amei o post ..

  13. Responder

    Joka Silva - Styles Diary

    24 de outubro de 2014

    que lindo G, eu estou com o meu Thor há 1 ano, e foi uma ano de muito aprendizado e felicidade, ele mudou a minha vida e me faz cada dia mais feliz, sempre nos preocupamos demais com eles, mas na verdade somos nós que não podemos viver sem. adorei o toddy e muito lindo, e eu chamo o meu thor de totó tb hehehe. Bjos Joka

  14. Responder

    Gabrielle

    24 de outubro de 2014

    Oi Jéssica! Apesar de não comentar muito, eu vejo o seu blog TODOS OS DIAS, e esse post me emocionou tanto que resolvi comentar. Só quem tem esses filhos peludinhos sabe o quão grande é o amor que sentimos, faz mais post’s como esse *——-* E sim meus cachorros vivem sorrindo :)

  15. Responder

    Karen

    24 de outubro de 2014

    Nossa G, essa semana mesmo eu comentei com minha amiga de quantas coisas podemos aprender com nossos bichinhos.
    Eles realmente nos ensinam a sermos pessoas melhores. Não importa o quão cansada e chateada você esteja ao chegar em casa depois de um dia estressante, eles sempre estarão pulando de alegria, e essa energia sem dúvidas nos contagia .. haha

    Eu amo meu cachorrinho de uma forma que jamais pensei sentir por um bichinho e tenho aprendido muito com ele também.

    Adoro quando você faz post do Toddy, ele é muito fofo *-*

    Beijos ;)

  16. Responder

    Aline de Oliveira

    24 de outubro de 2014

    O post mais bonito que eu já vi no seu Blog, nunca comentei por aqui, mas eu fico tão feliz, mas tão feliz quando eu vejo que alguém consegue compreender essas criaturinhas assim como eu. Tenho um 4 cachorros, três moram na minha casa, que são da minha mãe, e tenho um Golden Retriever que mora com meu noivo e é nosso bebê, com todos eles é muito amor, e é incrível como quando vc tira um tempo para observar o seu cãozinho vc consegue entender o que ele quer passar, o que ele quer “dizer”. Amo demais!

  17. Responder

    Eliane

    24 de outubro de 2014

    Ai G que lindo!! É bem isso msm… Posso comprar vários brinquedos, mas a garrafa de refri é uma atração pro meu!! Eles são maravilhosos, e sim o meu tbm sorri kkkk

  18. Responder

    Cecilia

    24 de outubro de 2014

    Adorei! Também estou in love com o meu cão, que fará um ano mês que vem! Concordo com tudo que escreveu. Ah, amo maquiagem e o conteúdo do seu blog, mas achei super legal diversificar os temas, como esse! ;)

  19. Responder

    WENIA SALDANHA

    24 de outubro de 2014

    Ownn <3
    O Toddy tem a mesma idade do meu BB (um lhasa apso) e assim como voce sou "mae" de primeira viagem!
    Descobri tudo isso e mais um pouco com meu Fred e olha, é incrível como mudamos!
    Amei o post e suas palavras, já espero o proximo post sobre o assunto!
    Beijosss

  20. Responder

    Larissa Cassiano

    24 de outubro de 2014

    Ameeei o post Gê! Admiro mto quem ama os animais. Tenho duas gatinhas e elas são meus xodós, minhas filhas amadas. Quando chego em casa a Mel vem sempre me receber no patio, fico maravilhada com a capacidade e amor delas , principalmente quando estou triste, parece q elas sentem. Deixo subir e dormir na minha cama, brinco, canto, e dou cheirinho e sempre digo q as amo. Sei q no fundo elas sentem. Te admiro mto e adoroooo ssu blog, to de olho sempre. To começando meu blog tbm, espero um dia chegar tão longe como vc. Beijao em vc e no Toddy ♥

  21. Responder

    Angelita

    24 de outubro de 2014

    Eu amo cachorros e a minha Menina eu achei na rua atropelada ! Cuidei dela com todo amor do mundo e hoje ela é o meu xodó!!! Amo demais!!!

  22. Responder

    Joara

    24 de outubro de 2014

    Que lindo, G! E, realmente, um cachorrinho na nossa vida muda tudo pra melhor. Apesar de todas as dificuldades, ver a carinha deles pedindo carinho, dando lambeijos ou simplesmente abanando o rabinho feliz porque chegamos em casa é demais! Minha Lola (@lolacrazyaf) tem 1 ano e 4 meses e é meu primeiro animalzinho de estimação. Aprendo diariamente com ela <3 Beijos, o Toddy é lindo demaiis!

  23. Responder

    Fernanda Garcia Freitas

    24 de outubro de 2014

    Adorei o post Ge. Amo qdo o Toddy faz participações especiais nos videos, fotos. Tenho um golden retriver de 1 ano e ele também mudou minha vida rs. E viva a garrafa pet vazia!! Beijos.

  24. Responder

    Patricia

    24 de outubro de 2014

    Tudo Verdade! POST muito bacana! gostaria muito de um outro post sobre essas fofurinhas que alegra nossos dias!!! Um abraço

  25. Responder

    Julyara Gonçalves

    24 de outubro de 2014

    Gê, tudo que vc falou é verdade. Ter um bichinho é como ter um filho, o amor torna-se mais importante do que qualquer coisa, e aprendemos mesmo a valorizar muitas coisas e não nos importar com outras. Ainda não tenho filhos, mas sonho em ser mãe, e tenho certeza que será um amor incondicional assim como vc tem agora pelo Toddy. Bjssss <3

  26. Responder

    Giovana

    24 de outubro de 2014

    Ah outra coisa : eu amo o blog. Vc e uma inspiração pra todas as mulheres. Não esqueço o dia que te encontrei na Arezzo e vc foi tão gentil e até tirou foto comigo. Eu tremi de nervoso.. Kkkk e ainda falou da minha bolsa então pensei: nossaaaaa !! Ela gostou da mi há bolsa!!!
    Sucesso continue brilhando !! ❤️

    • Responder

      G Florees

      29 de outubro de 2014

      Obrigada, Giovana <3

  27. Responder

    Banny

    24 de outubro de 2014

    Adorei esse post. Concordo con tudo isso. Nao tenho um cachorro, porque moro em apartamento e meu marido acha que ele sofre e nos tambem com mau cheiro em casa. Gostaria muito de ter um, quem sabe mostrando param eu marido teu posto eu consigo convencer ele. Bacini

  28. Responder

    Giovana

    24 de outubro de 2014

    G…
    Amei o post.. Estou com um filhotinho tb e estou na fase de ensinar tb. Me da alguma sdicas de como o seu acostumou a ficar sozinho. Eu trabalho fora saio mto cedo e volto tarde e ele fica sozinho. A hora que saio ele late e da uma choradinha. Agora está melhorando. Mas como moro em apartamento fico com medo de reclamações. Como vc fez? Ou faz com isso?
    Bjaooooo sou mto fã do seu blog em especial sua fã!!

    • Responder

      G Florees

      29 de outubro de 2014

      Eu sempre deixo alguma coisa para distrai-lo. Antes de sair, do um brinquedo com ração dentro, ai ele fica um tempão tentando tirar e depois nem percebe que a gente saiu :D É uma ótima maneira, viu! Beijos

  29. Responder

    Vitoria Gonçalves

    23 de outubro de 2014

    Tem um cachorrinho (ou um gato também) é a coisa mais gostosa que existe! Adotamos um na minha casa e tudo mudou completamente! A neura com a faxina da minha mãe sumiu, a responsabilidade da minha irmã aumentou e a demonstração de carinho do meu pai de um salto de 0 à 1000!!! Melhor coisa. Hoje moro em outra cidade, mas a maior saudade é sempre do meu Sushi <3

  30. Responder

    KAMILA JARDIM SENA

    23 de outubro de 2014

    ameiiiii,…amo animais, tenho um cãozinho de um ano e quatro meses e é verdade tudo que vc disse, eles são mesmo anjos nas nossas vidas que só nos fazem bem, nos evoluem, nos completam….desde que meu cachorro chegou em casa, tudo tbm mudou, ele nos proporcionou conhecer novas pessoas, conviver melhor entre nós, tomar decisões difíceis, coisas que nos amadurecem todos os dias…..adorei o post, acho o Tody lindooooo, e gostaria de ler posts assim sempre…ah e parabéns pelo seu texto, ficou muitooo bem escrito, bem delicinha de se ler…Parabéns …. vc brilhou :) !!!!!!!!

  31. Responder

    Franci Pacheco

    23 de outubro de 2014

    ówn, que fofo. Amei os aprendizados <3 por mim, poderia ter mais um post assim!

  32. Responder

    Caroline Ramos

    23 de outubro de 2014

    G! Adorei, realmente nada os fazem mais felizes do que uma garrafa pet vazia, minha cachorrinha também faz a festa! hahaha
    Um super beijo ♥

  33. Responder

    Diana

    23 de outubro de 2014

    G, ter um cão , aliás ag são dois…rs… mudou minha vida, o amor q sinto por eles é infinitamente grande, e sim eles ensinam td isso e mto mais todos os dias. Tenho um labrador ” Skol e uma Srd ” Roxy”… Dá uma olhadinha neles la no meu instagram @dihajdu. Bjinho

    • Responder

      G Florees

      29 de outubro de 2014

      Aaah, vou ver sim! Adoro fotos de pets <3

  34. Responder

    Rejane

    23 de outubro de 2014

    G, amei o post! Me identifiquei muito com tudo o que você escreveu porque tenho 3 filhos caninos, sendo que dois deles eu ganhei com 45 dias de vida. Temos mesmo muito o que aprender com eles! São especiais e fazem muita diferença na vida gente!!
    Acho ótimo que você escreva posts sobre o Toddy porque pode influenciar positivamente as relações de muitas pessoas com seu bichinhos de estimação! Muito legal mesmo!!! bjss

  35. Responder

    Evelyn

    23 de outubro de 2014

    Que lindo o post Gê… quase uma poesia.. tanto amor, tanto carinho.. Fiquei encantada. Bjos pra vc e pro baby Toddy.

  36. Responder

    marta castro

    23 de outubro de 2014

    adorei G.. disse tudo..!!

  37. Responder

    Pryscila

    23 de outubro de 2014

    Arrasou G. Morro de vontade de ter um cachorro justamente por esse motivos. É um amor sincero, um carinho inexplicável. .. TUDO de bom.
    G Parabéns pelo blog. Seu blog foi o primeiro que acessei. Adoro você.
    Bju

LEAVE A COMMENT